Cartel

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 136 (33800 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Kurt Rudolf Mirow
A Ditadura dos Cartéis
Anatomia de um Subdesenvolvimento
Biblioteca de Santo André

Direitos desta edição reservados à
EDITORA CIVILIZAÇÃO BRASILEIRA S.A.


1977
Impresso no Brasil

Sumário
I — O Jogo do Poder Econômico
1. A Divisão do Mundo
2. Economia em Escala e Curvas de Experiências
3. Domínio de Mercado
4. "Patent-Pool" e "Cross Licensing
5. Proteção deMercado Cativo (Hunting ground agreements)
6. O Possível Concorrente
7. Inflação
8. "Pool" de Lucros

II — A Indústria Elétrica é Exemplar
1. O Cartel nos Estados Unidos
2. A Guerra Comercial
3. A Divisão do Mercado
4. Os Subornos
5. O Primeiro Cartel
6. A Eliminação dos Independentes e a GE con-correndo consigo própria
7. A Grande Conspiração
8. O Cartel na Alemanha
9. O Cartel deLâmpadas e a osram
10. O Cartel no Terceiro Reich e no após-guerra
11. O Cartel na Inglaterra e na França
12. Os Acordos Internacionais
13. O Cartel Internacional de Lâmpadas
14. A iea (Internacional Electrical Association)
15. A iea e o mce (Mercado Comum Europeu)
16. As Corporações Japonesas e o Cartel de iea
17. Os Acordos Especiais e o Brasil
18. O Cartel Internacional de CabosElétricos
19. O Caso Cônsul
20. O Cartel da Indústria Eletrônica
21. Cooperação entre Cartéis — a acesita e as chapas silicosas
22. A Indústria Nuclear e o Cartel de Urânio

III — Os Cartéis de Aço e a Industria de Bens de Capital
1.O Cartel dos Trilhos
2. O Cartel dos Tubos de Aço
3. Os Cartéis de Aço e o Brasil
4. A Indústria de Bens de Capital e sua Dependência
5. A Associação deFabricantes de Caldeiras e Máquinas Têxteis
6. Os Centros de Decisão
7. Turbinas Hidráulicas e Hidrogeradores
8. O Caso das Locomotivas
9. O Caso dos Motores Elétricos
10. As Turbinas a Vapor Mescli
11. A Opinião da abdib (Associação Brasileira para o desenvolvimento da Indústria de Base)

IV — A Indústria Química
1. Soda Cáustica e Produtos de Álcalis
2. Pigmentos de Titânio
3. Corantes
4. OsPólos Petroquímicos no Brasil


V — As Sete Irmãs
1. O Cartel Mundial de Petróleo
2. O cra "Gatalitic Refining Agreement" 1939
3. Da Vantagem de Poços Secos
4. O Refino no Brasil

VI — Os Cartéis de Fertilizantes (do "Dumping" aos SOBREPREÇOS, UMA SÓ POLÍTICA)
1. A Atuação dos Cartéis de Fertilizantes no Brasil
2. Selva de Pedra sobre Fosfatos
3. Estado Salva Ultrafértil
4. A Gangorrados Preços
5. Reflexos Inflacionários:

VII — Os Cartéis da Indústria Têxtil
1. A Indústria Brasileira de Fibras Sintéticas
2. A Indústria de Têxteis e o Abastecimento de Algodão
3. A Queda da Aurora
4. A Exportação de Tecidos
5. Os Acordos Internacionais de Produtos Têxteis de Algodão
6. Crise e Estatização da Indústria Têxtil Brasileira

VIII — Cartéis Importantes
1. Concreto eCimento — Denúncia Pública
2. Papel e Celulose
3. O Cartel de Alumínio
4. A Energia Elétrica
5. A Cartelização dos Transportes (Navegação Marítima)
6. "Containers", A Batalha das Multinacionais
7. A Desnacionalização do Transporte Rodoviário

IX — Os Cartéis dos Alimentos
1. Os Produtos de Aveia
2. O Cartel de Trigo
3. A Soja e o Monopólio da Banana
4. A Guerra das Cervejas e Refrigerantes5. Leite Nestlé e Produtos Preparados
6. O Cartel da Água Mineral
7. Os Cartéis do Açúcar

X — O Cansativo dia-a-dia dos Cartéis
1. O Comitê de Fábricas ("Factory Committee")
2. O Fundo de Combate
3. Sabotagem
4. Boicote
5. As Cotas de Compra
6. Difamação, parte da Estratégia Empresarial
7. A Corrupção
8. Diretorias Interligadas
9. As Entidades de Classe no Brasil

XI O Subsídioà Importação e a Ociosidade da Indústria Nacional

XII Atividades Especiais dos Cartéis
1. Poder Econômico e Justiça
2. A Censura
3. Exércitos Particulares

XIII — Política Creditícia e Multinacional
1. O "Open-market"
2. A Discriminação Creditícia do Empresário Nacional
3.Os Vantajosos Créditos do Exterior
4.O BNDE-Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico

XIV — As "Trading...
tracking img