Cardiologia tcc

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 120 (29848 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Introdução
Estas diretrizes foram elaboradas com o intuito de orientar todos os médicos,especialmente os cardiologistas, para o reconhecimento o mais precoce possível de adultos com risco elevado de doença coronariana, e destacar os sintomas mais comuns para sua identificação, principalmente os da doença aterosclerótica coronariana (DAC). Dentre as várias normas e diretrizes realizadas nestesúltimos anos, será feita referência, em especial, aos textos das de Dislipidemias e Prevenção da Aterosclerose e Normas de Procedimentos Diagnósticos e Terapêuticos, sempre que o assunto já tenha sido abordado por elas, com a finalidade de não trazer divergências e confusões para o mesmo assunto. O presente texto também acha-se organizado conforme Graus de Recomendação e Níveis de Evidência,devidamente embasados em referências identificadas. O universo de pacientes que apresenta DAC vem aumentando progressivamente em todo o mundo, uma vez que eles vivem mais em decorrência do tratamento dos quadros agudos, o que é verificado, no Brasil, pela tendência à redução de mortes por causa isquêmica do coração1. Desta forma, é possível fazer algumas ilações com base em dados obtidos em outros países.Na Europa, estima-se que existam aproximadamente 30.000 indivíduos com angina do peito para cada milhão de habitantes2, o que significa um número em torno de 8 milhões de pessoas. Nos Estados Unidos da América, a estimativa varia de 6 a 16 milhões de indivíduos com angina, considerando-se bastante razoável o número de 12 milhões2-5, com a ocorrência anual de pelo menos mais 150.000 novos casos.Utilizando-se os mesmos cálculos para o Brasil, temos, pelo menos, 900.000 brasileiros com angina do peito e cerca de 18.000 novos casos da doença ao ano, baseados num total de 30 casos de angina estável para cada caso de infarto agudo hospitalizado em um ano. Estas diretrizes pretendem orientar a investigação e o tratamento de uma população de anginosos, bem como daqueles assintomáticos portadoresda doença. Para fins exclusivamente didáticos, a Diretriz está dividida em três partes: Diagnóstico e Estratificação de Risco, Tratamento Clínico e Tratamento com Medidas Invasivas. Os graus e níveis de evidência foram considerados da seguinte forma:

Graus de Recomendação I) Definitivamente recomendada (evidência excelente) II) Aceitável IIa) Evidência muito boa IIb) Evidência razoável III)Inaceitável

Definição Sempre aceitável e segura Definitivamente útil Eficácia e efetividade comprovadas Aceitável e segura, clinicamente útil, ainda não confirmado definitivamente Considerado tratamento de escolha Considerado tratamento opcional ou alternativo Clinicamente sem utilidade Pode ser prejudicial

Nivéis de evidência A B

Definição Dados derivados de múltiplos estudos randomizados,envolvendo grande número de pacientes. Dados derivados de um número limitado de estudos randomizados que incluíram pequeno número de pacientes, de análise cuidadosa de estudos não-randomizados ou registros de observação. Base primária para a recomendação sustentada por um consenso de especialistas

C

6
Arquivos Brasileiros de Cardiologia - Volume 83, Suplemento II, Setembro 2004

DiretrizDCC - Angina.p65

6

30/08/04, 09:22

1- Diagnóstico e estratificação de risco
Para a atualização dos achados de pesquisa relativos à angina, convém retomar alguns aspectos relativos à avaliação clínica dos pacientes com dor torácica, indicando condições associadas, provocadores e fatores de alívio e enumerando os diferentes testes não invasivos utilizados para diagnóstico eestratificação de risco. não “dor” pré-cordial. Quase nunca a angina é referida como em pontada, e, usualmente, não tem relação com a respiração, nem com o decúbito. Tipicamente o episódio de angina dura alguns minutos; normalmente é precipitado por exercício físico ou estresse emocional, com freqüente melhora ou alívio ao repouso. O uso de compostos de nitroglicerina, como o nitrato sublingual, alivia a...
tracking img