Capitalismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3919 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Introdução





No século XIX, o capitalismo financeiro havia uma grande cumulação de capital nos países europeus industrializados. Principalmente na Inglaterra, que se consolidou com a maior potência mundial. Ao mesmo tempo, a industrialização nos EUA, trouxe novas tecnologias com a descoberta do petróleo e a convenção dos motores que usavam seus derivados como combustíveis. Foi o quepode ser chamado de revolução industrial. O aumento de lucros e re-investimento desses lucros gerou um acumulo de capital cada vez maior nos centros industriais, desenvolveram grandes bancos e corretores de valores.

Com a nova tecnologia novos setores industriais como a geração de energia elétrica, e a automobilística, que exigia um grande capital. Somente grupos grandes economicamente, tinhamcapacidade de construir usinas hidrelétricas, siderúrgicas, fabricas de automóveis. Isto forçou a fusão de empresas, participação do capital financeiro nas indústrias, o surgimento de grandes grupos industriais, com grande concentração de capital e as sociedades anônimas com a venda de ações. Poucas empresas passaram a dominar o mercado, conhecida como oligopólio ou monopólio quando se tratava deuma única empresa. Surgiu assim o capitalismo financeiro ou monopolista













Desenvolvimento.






O capitalismo passou a ser dominante no mundo ocidental a partir do século XVI. A transição que houve do feudalismo para o capitalismo foi bastante desigual; foi mais rápida na parte ocidental da Europa e mais lenta na parte central e oriental. A transição foi bem maisacelerada no Reino Unido, do que nos outros países.


 O capitalismo foi se evoluindo gradativamente, aos poucos foi se sobrepondo sobre outras formas de produção, até ter sua hegemonia, que ocorreu em sua fase industrial.


No capitalismo definem-se as relações assalariadas de produção. Há uma nítida separação entre os detentores da produção (ou seja, do capital) e os que possuem acapacidade de trabalho. Além disso, o capitalismo também se caracteriza pela produção em grande escala (voltada para o mercado), pelas trocas monetárias, pela organização empresarial e pelo espírito de lucro. 


Considerando seu processo de desenvolvimento, costuma-se dividir o capitalismo nas seguintes fases: 


Pré-capitalismo: período da economia mercantil, no qual a produção se destina a trocase não apenas ao uso imediato. Não se generalizou o trabalho assalariado; os trabalhadores vendiam o produto de seu trabalho - mas não o seu próprio trabalho. 


Capitalismo comercial: esta fase se estendeu do final do século 15 até o século 18. Apesar de predominar o produtor independente (artesão), generaliza-se o trabalho assalariado. Lucrava mais quem comprava e vendia a mercadoria, nãoquem a produzia. 


Capitalismo industrial: foi marcado por grandes transformações econômicas, sociais, políticas e culturais. O comércio não era mais a essência do sistema; o lucro era o principal objetivo. O trabalho assalariado se instala, em prejuízo dos artesãos, separando claramente os possuidores dos meios de produção e o exército de trabalhadores. 


Capitalismo financeiro oumonopolista: a partir do crescimento acelerado do capitalismo industrial, começam a surgir rapidamente várias empresas, motivadas pelo processo de concentração e centralização de capitais. 





Características do Capitalismo


 


Todos os países são diferentes uns dos outros, mas os capitalistas apresentam algumas características semelhantes.





Estrutura de propriedade:predomina a propriedade privada. Em alguns países o Estado também é dono de alguns meios de produção; atua como capitalista principalmente em setores básicos e de infra-estrutura.





Relação de trabalho: o trabalho assalariado é predominante. Mas em muitas regiões subdesenvolvidas e rurais ocorrem relações de trabalho ilegais, como a escravidão, ou trabalho forçado por dívida....
tracking img