Bombas.

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2269 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
BOMBAS

1 - Bombas de deslocamento positivo

Toda bomba que após uma rotação de seu eixo, desloca um volume fixo de produto, independentemente das condições de pressão na saída, o que não é conseguido nas bombas centrífugas. Entretanto, no bombeamento de líquidos pouco viscosos e a pressões elevadas, mesmo nas bombas de deslocamento positivo, observa-se uma pequena redução na vazão porrotação do eixo, de aproximadamente 10%. São bombas que não admitem recirculação interna, ou seja, sempre deslocam fluido da entrada para a saída. Essas bombas caracterizam-se por trabalhar com baixas vazões e altas pressões e podem ser utilizadas com fluidos mais espessos (maior viscosidade). Bombas de deslocamento positivo se dividem em dois grupos: bombas alternativas e bombas rotativas.As bombas de delocamento positivo também podem ser chamadas de BOMBAS VOLUMÉTRICAS, assim são chamandas porque deslocam uma quantidade fixa (finita) de volume de fluido por vez.
Um exemplo das bombas volumétricas é a de pistão onde seu mecanismo de funcionamento se restringe a três elementos mecânicos básicos: CILINDRO, PISTÃO e VÁLVULAS. Com esses 3 elementos cria-se um semi vácuo numaextremidade da bomba e uma compressão noutra extremidde conseguindo desta forma tirar o fluido de uma posição baixa e coloca-lo numa posição mais alta.
Princípio de funcionamento
O princípio de funcionamento da bomba baseia-se no deslocamento da engrenagem interna (palheta) em relação à engrenagem externa (rotor), isto é, a engrenagem interna gira excentricamente ao eixo da bomba. Na entradada bomba são formadas câmaras de sucção, entre os dentes da palheta e os dentes do rotor, que puxam o líquido para dentro da bomba. Logo após, o fluxo de líquido é dividido pela meia-lua, que é fixa. Parte do fluxo é conduzida entre os dentes da palheta e a outra parte é conduzida entre os dentes do rotor. A meia-lua funciona como vedação entre a saída e a entrada da bomba. Na etapa final, apalheta e o rotor voltam a se engrenar, reduzindo os espaços entre os dentes das engrenagens e expulsando o líquido pela conexão de saída da bomba. Tipos de bombas de deslocamento positivo
As bombas de deslocamento positivo podem se dividas em bombas de êmbolo ou alternativas e bombas rotativas

2 - BOMBAS DE DIAFRAGMA

PRINCÍPIO DE FUNCIONAMENTO
O funcionamento das Bombas INDESUR, estábaseado fundamentalmente na ação conjunta de quatro elementos:
• Um par de diafragmas
• Um eixo que os une
• Uma válvula distribuidora de ar
• Quatro válvulas de esfera.
O movimento alternatico dos diafragmas, gera a sucção e a impulsão do produto através das válvulas. Este movimento é produzido por ar comprimido, o qual é distribuido a um diafragma o outro pela válvula de ar.Se descreve o funcionamento a partir de uma bomba sem subministro de ar e sem estar previamente aspirada.
[pic][pic]

Uma vez conectado o ar comprimido, à válvula distribuidora o enviará a parte posterior de um dos diafragmas (da direita no gráfico), fazendo que o mesmo se afaste do centro da bomba. Já que ambos diafragmas se encontram unidos pelo eixo, no mesmo movimento o diafragma daesquerda se verá atraído para o centro da bomba, gerando uma depressão na câmara de líquido e expulsando ao exterior o ar que se encontrava em sua parte posteior.
Dada a diferença de pressões entre à câmara de líquido e o exterior, o produto a bombear ingressa ao equipamento abrindo à válvula de esfera. Quando o eixo chega ao final de sua carreira, à válvula distribuidora muda o sentido dofluxo de ar, enviando-o a parte posterior do diafragama do outro eixo (neste caso o da esquerda).
A partir deste momento, ambos diafragmas e o eixo efetuam um trajeto inverso ao anterior, produzindo o esvaziamento da câmara de líquido esquerdo e gerando o vácuo no da direita (as válvulas de esfera que estavam abertas se fecham e vice-versa, devido à mudança de sentido do fluxo.) Este ciclo...
tracking img