Bomba de hiroshima

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1118 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
magine-se caminhando naturalmente pela rua de sua cidade, quando não mais que de repente, um clarão invade o horizonte e uma explosão violentíssima queima e destrói tudo que há nos arredores. Este é o relato de Takashi Morita, que trabalhava como policial militar em Hiroshima, no dia 6 de agosto de 1945.
Radicado em São Paulo desde 1956, onde fundou, em 1984, a Associação dos Sobreviventes daBomba Atômica no Brasil, Morita esteve no Rio de Janeiro, para assistir ao lançamento do documentário 8:15h de 1945, durante o Festival Internacional de Filmes sobre Energia Nuclear. Com sorriso inocente e olhar sincero, Morita, munido de sua inseparável bengala, descreveu ao Jornal do Brasil os horrores que presenciou após a detonação do ataque de guerra mais famoso da história. 
Cultura14/07/2012 às 09h30 - Atualizada em 14/07/2012 às 15h04
Sobreviventes da bomba nuclear de Hiroshima relatam dia do massacre 
Maior ataque nuclear da história aconteceu em 6 de agosto de 1945
Jornal do BrasilLuciano Pádua
+A-AImprimir
PUBLICIDADE
Imagine-se caminhando naturalmente pela rua de sua cidade, quando não mais que de repente, um clarão invade o horizonte e uma explosão violentíssima queimae destrói tudo que há nos arredores. Este é o relato de Takashi Morita, que trabalhava como policial militar em Hiroshima, no dia 6 de agosto de 1945.
Radicado em São Paulo desde 1956, onde fundou, em 1984, a Associação dos Sobreviventes da Bomba Atômica no Brasil, Morita esteve no Rio de Janeiro, para assistir ao lançamento do documentário 8:15h de 1945, durante o Festival Internacional deFilmes sobre Energia Nuclear. Com sorriso inocente e olhar sincero, Morita, munido de sua inseparável bengala, descreveu ao Jornal do Brasil os horrores que presenciou após a detonação do ataque de guerra mais famoso da história. 

1 / 16

O 6 de agosto de 1945 ficou marcado na história da humanidade como o lançamento da primeira bomba nuclear de destruição em massa a uma população civil. Realizadopela Força Aérea dos Estados Unidos, o bombardeio aconteceu no final da Segunda Guerra Mundial e serviu como demonstração ao mundo do poderio bélico dos EUA. Ainda, funcionou como um alerta à guerra – fria – que bipolarizou o mundo até a queda da União Soviética, em 1991.
Estima-se que a explosão tenha matado, ou pulverizado, cerca de 70 mil indivíduos imediatamente, totalizando 90 mil mortos aofim do mesmo dia. As edificações de Hiroshima eram constituídas, em sua maioria, de madeira, o que intensificou as chamas que vieram da bomba. Denominado Little Boy, o artefato, que continha 65 kg de urânio e poder explosivo de 15 quilotons, foi lançado de um avião B-29 e demorou 43 segundos até detonar, a 600 metros do chão.
No dia nove de agosto de 1945, foi a vez de Nagakasi conhecer o horrorde uma explosão nuclear. Inicialmente projetada para ser detonada na cidade de Kokura, a nebulosidade fez com que os militares norte-americanos mudassem o alvo. As estimativas para a segunda bomba nuclear são de que, instantaneamente, 40 mil pessoas morreram. Em 15 de agosto do mesmo ano, o governo japonês declarou rendição incondicional e findou a Segunda Guerra Mundial.  
Aos 21 anos, em1945, Morita, então policial militar conta que estava alocado em Tóquio - que havia sido varrida por um onda incendiária após bombardeio em março do mesmo ano pelas forças norte-americanas – uma semana antes da explosão nuclear. Foi para Hiroshima, até então intocada, a fim de evitar novas investidas bélicas. Não houve barulho, não houve tempo para se preparar. O aviso de que aquela segunda-feira nãoseria como as outras veio de um clarão assustador, que envolveu o centro da cidade com temperaturas superiores a 4000°C. Depois, a claridade agradável da manhã deu lugar à escuridão.
Morita, que estava a 1,3 km do epicentro da detonação, foi lançado a muitos metros de onde se encontrava. Lembra que o dia era ameno e quente, e não se ouviu o barulho dos aviões. A farda e o chapéu da polícia...
tracking img