Bollywood- cinema

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1237 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
É em Bombaim que está localizado o coração econômico e cinematográfico da Índia. A cidade foi rebatizada como Mumbai em 1995, mas o “B” de Bombaim ainda serve de inicial para a “Hollywood dando o nome de Bollywood .Se por um lado equipes de filmagem tem o costume de gravar cenas a poucos quilômetros dessa cidade, na Film City, é no bairro suburbano de Andheri, onde possuem cinemasmultiplex, outdoors de filmes em lançamento e esgoto a céu aberto. É nesse ambiente sem o glamour californiano que giram as engrenagens de Bollywood. Lá ficam as sedes de produtoras como a gigantesca Yash Raj Films, a maior do país, a Balaji Telefilms e a Mukta Arts, além de inúmeros escritórios que oferecem todo tipo de serviço relacionado a cinema. Em Andheri, o mundo gira em torno da indústria dossonhos. Mais um resultado do crescimento da Índia.
De fato o cinema tem um papel forte na cultura indiana desde a década de 1940.nessa época o cinema ajudou a criar uma identidade nacional em um país cheio de culturas e religiões diferentes , visto que o país estava se tornando independente da Inglaterra.Trinta anos depois, o cinema mostrou a insatisfação da população com o governo corrupto,através de filmes que exaltavam a violência e o crime nos anos 70. Entretanto a grande explosão começou mesmo na década de 1990, quando veio a liberalização econômica e o país começou a crescer 8,5% ao ano, em média. Com isso uma classe média com novos hábitos de consumo e valores, geralmente avessos às tradições indianas ,emergiu. E o conflito de gerações foi inevitável. Não demorou para o cinemareproduzir esse dilema e criar uma nova fórmula de sucesso: os filmes de jovens lindos e ricos que se dividem entre o desejo individual e o casamento arranjado pela família.
Funcionou. Hoje a Índia produz mil filmes por ano, em 20 das 22 línguas faladas no país (inglês incluído), contra 650 dos EUA. Em 2004, o número de espectadores de filmes de Bollywood alcançou 3,8 bilhões, ultrapassando pelaprimeira vez o público de Hollywood, formado por 3,6 bilhões de pessoas. O cinema indiano,tornava-se o único capaz de rivalizar com o americano.
Não que o americano esteja à beira de uma crise. Mesmo com um público menor, Hollywood é dona de 60% da renda da indústria cinematográfica mundial.
E a Índia fica com apenas 1%,devido ao baixo custo do ingresso , que sai em média por volta de R$ 1,outros números deles também são modestos. Os orçamentos são de US$ 500 mil, em média, bem menos que os US$ 3,3 milhões de produções brasileiras como Cidade de Deus. E nada comparado aos mais de US$ 100 milhões de uma produção americana como Duro de Matar.
Mesmo assim os estúdios americanos têm motivo para se preocupar. Visto que O cinema indiano cresce num ritmo ainda maior que o do resto da economiado país. O Em 2001, havia sido apenas arrecadado US$ 617 milhões, em 2006 US$ 1,75 bilhão e em 2010 crescer para US$ 3,4 bilhões. E agora começam a chegar as superproduções, com orçamentos antes inimagináveis,o filme Lagaan (“Imposto”), de 2001 e indicado para o Oscar de melhor filme estrangeiro no ano seguinte, foi considerado caro para os padrões indianos da época, com um orçamento de US$ 4,5milhões. Em 2002, o filme Devdas (“Servo de Deus”) se tornou a obra mais custosa de Bollywood, com US$ 13 milhões. E em 2006 Dhoom 2 (“Grande”), assumiu a ponta, com US$ 20 milhões. Um dos sets de filmagem, aliás, foi no Rio de Janeiro.
Outro fato é que nos países vizinhos, como Paquistão (161 milhões de habitantes) e Bangladesh (150 milhões), ele está bem mais presente que o cinema americano.Os 26 milhões de emigrantes da Índia e os 3 milhões do Paquistão espalhados pelo mundo também ajudam a levar Bollywood aos domínios de Hollywood. Mesmo num cenário como esse, um indiano virar o maior astro do mundo ainda pode soar a missão impossível, mas Shah Rukh Khan, o maior astro de Bombaim, já pode se gabar de ter batido Tom Cruise.
No fim de semana de estréia do filme Leões e Cordeiros...
tracking img