Bienais

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1350 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Introdução



Neste trabalho será apresentado Bienais do Brasil. A cada dois anos , em algumas importantes cidades do mundo, acontecem exposições dedicadas à arte, que recebem o nome de bienais.




































Conclusão




Como podemos perceber ao longo do trabalho, O principalevento de artes plásticas no Brasil é a Bienal de São Paulo. Bienal Internacional de Arte de São Paulo é uma exposição de artes (em geral de grandes proporções) que, como o nome indica, ocorre a cada dois anos na cidade de São Paulo. O evento é constantemente responsável por projetar a obra de artistas internacionais desconhecidos e por refletir as tendências mais marcantes no cenário artísticoglobal: é considerada um dos três principais eventos do circuito artístico internacional, junto da Bienal de Veneza da Documenta de Kassel.
O evento costuma acontecer no Pavilhão Ciccillo Matarazzo doParque do Ibirapuera, motivo pelo qual o prédio também é conhecido como Prédio da Bienal, projetado por Oscar Niemeyer.
Atualmente, a Bienal é mantida pela Fundação Bienal de São Paulo,entidade sem fins lucrativos que também promove a Bienal Internacional de Arquitetura, Urbanismo e Design de São Paulo em colaboração com o Instituto de Arquitetos do Brasil.

A primeira Bienal de São Paulo ocorreu em 1951 devido aos esforços do empresário e mecenas Francisco Matarazzo Sobrinho (1892 - 1977) (conhecido como Ciccillo Matarazzo) e de sua esposa Yolanda Penteado. A segunda edição (1953)ficou famosa por trazer ao Brasil a até então inédita no país Guernica, de Pablo Picasso.
É a primeira exposição de arte moderna de grande porte realizada fora dos centros culturais europeus e norte-americanos. Sua origem articula-se a uma série de outras realizações culturais em São Paulo - Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand - Masp (1947),Teatro Brasileiro de Comédia - TBC(1948), Museu de Arte Moderna de São Paulo - MAM/SP (1949) e Companhia Cinematográfica Vera Cruz (1949) - que aponta para o forte impulso institucional que as artes recebem na época, beneficiado por mecenas como Ciccillo Matarazzo e Assis Chateaubriand (1892 - 1968). Concebida no âmbito do MAM/SP, a 1ª Bienal é realizada em 20 de outubro de 1951 na esplanada do Trianon, local hoje ocupado pelo Masp. Oespaço, projetado pelos arquitetos Luís Saia e Eduardo Kneese de Mello, dá lugar a 1.800 obras de 23 países, além da representação nacional.

Para que serve a Bienal?


A primeira Bienal Internacional de São Paulo aconteceu em outubro de 1951, na esplanada do Trianon (onde hoje fica o Museu de Arte de São Paulo - MASP). 

Essa exposição foi idealizada por Francisco Matarazzo Sobrinho(Ciccillo Matarazzo) e sua esposa, Yolanda Penteado, fomentadores da arte moderna no Brasil. Inspirados no modelo da tradicional Bienal Internacional de Veneza, Ciccillo e Yolanda realizaram em São Paulo a primeira grande exposição de arte moderna fora dos centros internacionais europeus e norte-americanos.

Cicillo é considerado um dos mecenas (indivíduo rico que protege artistas, homens deletras ou de ciências, proporcionando recursos financeiros, ou que patrocina, de modo geral, um campo do saber ou das artes) que impulsionou as artes no Brasil no período imediatamente posterior ao da Segunda Guerra Mundial. Além da Bienal, ele fundou o Museu de Arte Moderna (MAM) e colaborou com a criação do Teatro Brasileiro de Comédia(TBC).

A Bienal serviu, e continua servindo, para projetar aobra de artistas internacionais desconhecidos e refletir as tendências mais marcantes no cenário artístico global.

Algumas edições da Bienal

* 1ª Bienal traz ao Brasil, pela primeira vez, obras de Pablo Picasso (1881 - 1973), Alberto Giacometti (1901 - 1966), René Magritte(1898 - 1967), George Grosz (1893 - 1959) etc., além de apresentar a produção brasileira de Lasar Segall (1891 -...
tracking img