Autoindustria

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3026 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

ESCOLA SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO MARKETING E COMUNICAÇÃO



BRUNO ANDRADE
DAVI WESTFAL
FÁBIO RAVASANI
JULIANA SOARES
NÁDIA PELLOSO
SAMANTHA SANTOS




“ANÁLISE DAS CINCO MELHORES EMPRESAS DA REVISTA EXAME”






SANTOS
2012
[pic]


BRUNO ANDRADE
DAVI WESTFAL
FÁBIO RAVASANI
JULIANA SOARES
NÁDIA PELLOSO
SAMANTHA SANTOS




“ANÁLISE DAS CINCO MELHORESEMPRESAS DA REVISTA EXAME

SETOR DE AUTOINDÚSTRIA”





Trabalho de Conclusão de módulo de Gestão Financeira apresentado como exigência parcial para composição de nota final à Escola Superior de Administração Marketing e Comunicação, sob a orientação do Prof.º Maurício de Paula Souza.


SANTOS
2012
INTRODUÇÃO

Este trabalho tem por objetivopesquisar o setor de autoindústria no Brasil com o intuito de analisar os índices financeiros das cinco empresas escolhidas para o setor, partindo dos princípios e competências vistas no módulo de Gestão Financeira, visando colocar em prática o conteúdo visto em sala de aula.






















SUMÁRIO


INTRODUÇÃO 03

1. SOBRE O SETOR DE AUTOINDÚSTRIA 05
2. AS CINCOMELHORES EMPRESAS NA CLASSIFICAÇÃO GERAL 06
3. INDICADORES NO ANO DE 2011 11
4. CONCLUSÕES 12
5. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS 14
6. ANEXOS 15
















1. SOBRE O SETOR DE AUTOINDÚSTRIA


O setor de autoindústria prevê investimentos de US$ 35,5 bilhões até 2015, ano em que a indústria automobilística tiver inaugurado e ampliado cerca de trinta fábricas de veículos eelevado a capacidade de produção para mais de seis milhões de unidades/ ano. O mercado brasileiro será um dos quatro maiores do mundo ao fim deste período.


O BNDS e outros bancos oficiais irão assegurar a implantação desses empreendimentos, além dos incentivos de Estados e municípios. O Brasil conta com 19 montadoras de veículos e sete de máquinas agrícolas, operando 53 fábricas demotores, componentes e produtos finais.


Avaliado em R$ 60 milhões, o atual programa de investimentos pode corresponder em partes às expectativas do setor, uma vez que por questões estruturais como a fragilidade da infraestrutura e baixa capacidade de gestão do governo, o poder de competição dos produtos nacionais avançará lentamente. O conteúdo de autopeças
nacionais tornou-se um dos focosda questão: apesar da exigência de 65% de peças brasileiras para evitar o recolhimento do IPI, ainda é fácil burlar as regras e a fiscalização.


Em março deste ano, o governo anunciou novas regras para o setor automotivo. O novo regime prevê que a partir de 2013 as empresas do setor invistam pelo menos 0,15% de sua receita operacional bruta em Pesquisa e Desenvolvimento. No ano que vemtambém entrará a exigência de investimento de 0,5% da receita operacional bruta das empresas de engenharia e tecnologia industrial básica em P&D.








2. AS CINCO MELHORES EMPRESAS NA CLASSIFICAÇÃO GERAL


• Suspensys Sistemas Automotivos LTDA


A Suspensys Sistemas Automotivos Ltda. é líder nacional na produção de sistemas de suspensões, eixos, vigas, cubos, tambores defreios e suportes para veículos comerciais. Criada em 1997, com o objetivo de fornecer ao mercado nacional eixos e suspensões para veículos comerciais, no ano de 2002 ela passa a ganhar ainda mais dinamismo com a joint venture entre a Randon S.A. Implementos Rodoviários.


A Suspensys oferece soluções e serviços inovadores em sistemas de suspensões, com tecnologia, qualidade e atendimentoreconhecidos, respeitando o meio ambiente e agregando valor aos clientes, acionistas, funcionários, fornecedores e comunidade.


|1ª. Suspensys Sistemas Automotivos LTDA |
|Cidade |Caxias do Sul – RS |
|Grupo |Randon S.A. Implementos e Part...
tracking img