Aspectostecnicos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1814 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
ALGUNS ASPECTOS TÉCNICOS EM DESMONTES À CÉU ABERTO


EM CUMPRIMENTO ÁS NORMAS ESTABELECIDAS PELA ABNT (ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS) OS DESMONTES REALIZADOS EM PEDREIRAS DEVEM SER CONDUZIDOS COM A MÁXIMA SEGURANÇA E SUFICIENTE PRESERVAÇÃO AO MEIO AMBIENTE.
VÁRIOS FATORES DEVEM SER OBSERVADOS COM O OBJETIVO ÚNICO DE COMPATIBILIZAR A COEXISTÊNCIA DESSAS INDÚSTRIASEXTRATIVAS COM O MEIO AMBIENTE, SITUANDO OS EFEITOS SECUNDÁRIOS DENTRO DOS LIMITES ACEITÁVEIS PELA ATUAL LEGISLAÇÃO.

1. RESPONSABILIDADE TÉCNICA


TODAS E QUAISQUER OPERAÇÕES LEGADAS AOS DESMONTES PRIMÁRIOS E SECUNDÁRIOS DEVEM TER A ORIENTAÇÃO E SUPERVISÃO DE TÉCNICOS DE COMPETÊNCIA E CAPACIDADE RECONHECIDA E LEGALMENTE HABILITADOS.




2. RECOMENDAÇÕES PRÁTICAS


EM UM DESMONTE DEROCHA COM A UTILIZAÇÃO DE EXPLOSIVOS, PODEMOS IDENTIFICAR OS SEGUINTES EFEITOS SECUNDÁRIOS INDESEJÁVEIS:

A) ULTRALANÇAMENTO: LANÇAMENTO MUITO ALÉM DO LOCAL RESERVADO Á FORMAÇÃO DA PILHA DE ROCHA FRAGMENTADA.


B) MOVIMENTO VIBRATÓRIO EXCESSIVO DO TERRENO CIRCUNVIZINHO, DEVIDO Á PROPAGAÇÃO DE ONDAS SÍSMICAS.

C) ONDAS DE CHOQUE OU SOBREPRESSÃO EXCESSIVA TRANSMITIDA PELO AR.


D) ONDE DECHOQUE TRANSMITIDA PELA ÁGUA (LENÇOL FREÁTICO).

E) FRAGMENTAÇÃO OU CRIAÇÃO DE FRATURAS NA ROCHA VIZINHA Á ÁREA DETONADA.

UM DESMONTE SERÁ TANTO MAIS EFICIENTE QUANTO MAIS ENERGIA DO EXPLOSIVO FOR USADA NOS SEUS PRINCIPAIS OBJETIVOS, OU SEJA, O DA FRAGMENTAÇÃO E DA FORMAÇÃO DA PILHA DE ROCHAS ADEQUADAS.

TODOS OS OUTROS EFEITOS DEVEM SER MINIMIZADOS SOB PENA DE REALIZAR-SE UM DESMONTE SEMMÁXIMO APROVEITAMENTO DA ENERGIA DISPONÍVEL



I- ULTRALANÇAMENTO DE FRAGMENTOS


ALGUNS CUIDADOS DEVEM SER TOMADOS, TAIS COMO:


a) TAMPONAMENTO: UM TAMPÃO DEFICIENTEMENTE EXECUTADO E/OU DIMENSIONADO, PODE OCASIONAR ARREMESSOS E DANOS, COMO O CASO DO TIRO DE CANHÃO OU (BLOWN – OUT) TENDENDO A ARRANCAR PEDRAS DA SUPERFÍCIE.

NAS FURAÇÕES INCLINADAS, O VOLUME DE ROCHA EM FRENTEAO TAMPÃO PODE VIR A SER MAIS SOLICITADO, EXIGINDO MAIORES CUIDADOS COM BLOCOS SOLTOS OU ROCHA EXTREMAMENTE FRATURADA.


ACONSELHA-SE A MANTER O COMPRIMENTO DO TAMPÃO NO MÍNIMO IGUAL AO AFASTAMENTO EFETIVO.

b) AFASTAMENTO: DEVE-SE ASSEGURAR QUE O AFASTAMENTO NÃO SEJA PEQUENO E QUE SEJA ADEQUADO EM TODOS OS PONTOS DA FACE DA BANCADA, ESPECIALMENTE PARA A 1° LINHA DE FUROS.c) FOGOS PRENSADOS: SELECIONAR UM TIPO DE RETARDO ENTRE AS LINHAS EFETIVAS DE FUROS QUE PERMITE UM DESLOCAMENTO DO VOLUME ROCHOSO PARA A FRENTE EVITANDO-SE QUE O MESMO FIQUE PRENSADO E SE TENHA TENDÊNCIA PARA UM DESLOCAMENTO VERTICAL ASCENDENTE.


d) BLOCOS SOLTOS: ASSEGURAR-SE QUE NÃO EXISTAM BLOCOS SOLTOS OU FENDAS EM POSIÇÕES DESFAVORÁVEIS NA FRENTE DA BANCADA.EM CASO POSITIVO, ELIMINAR OSBLOCOS OU REDUZIR A CARGA EXPLOSIVA NO LOCAL.


e) DIREÇÃO DOS FUROS: A DIREÇÃO DOS FUROS, ESPECIALMENTE OS DA PRIMEIRA LINHA, DEVERÁ SER PARALELA AO PLANO DA FRENTE DA BANCADA..DESVIOS NA FURAÇÃO, QUE PODEM OCORRER POR ERROS DE EMBOCAMENTO OU EXISTÊNCIA DE DESCONTINUIDADES NO MACIÇO E ALTURAS EXCESSIVAS DAS BANCADAS ,LEVAM Á SITUAÇÕES DIVERSAS NAS MEDIDAS DOS AFASTAMENTOS REAIS DOS FUROSEM RELAÇÃO Á FACE DA BANCADA.


f) MALHA ALONGADA: QUANDO DE SUA UTILIZAÇÃO DEVE-SE ATENTAR PARA O PROBLEMA DE DESVIO DOS FUROS, PROCURANDO NOS CASOS SEM CONTROLE OPTAR POR UMA MALHA DE AFASTAMENTO MAIOR E ESPAÇAMENTO MENOR.

g) RAZÃO DE CARREGAMENTO: EVITAR EXAGEROS NA QUANTIDADE DE EXPLOSIVO UTILIZADA POR ROCHA DETONADA, PRINCIPALMENTE NO CASO DE FRAGMENTAÇÃO DESFAVORÁVEL DO MACIÇOROCHOSO.

h) DIÂMETRO DOS FUROS: EVITAR DIÂMETROS MUITO GRANDES, E CONSEQUENTEMENTE , A ALTA CONCENTRAÇÃO DE EXPLOSIVOS E A MENOR EFICIÊNCIA DO TAMPÃO.


i) FURAÇÃO INCLINADA: UTILIZA-SE COM CUIDADO A PERFURAÇÃO INCLINADA, QUE OCASIONE MENORES AFASTAMENTOS EFETIVOS E CONSEQUENTEMENTES CONDIÇÕES DESFAVORÁVEIS DE ULTRALANÇAMENTO.
ACONSELHA-SE UMA INCLINAÇÃO ENTRE 10° A 20° ,...
tracking img