As principais escolas de contabilidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3053 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE CÂNDIDO MENDES





CARLOS RENAN SEVERIO DE ALMEIDA




AS PRINCIPAIS ESCOLAS DE CONTABILIDADE













NITERÓI
2012


CARLOS RENAN SEVERINO DE ALMEIDA









AS PRINCIPAIS ESCOLAS DE CONTABILIDADE







Trabalho acadêmico para disciplina Teoria da Contabilidade do curso de Ciências Contábeis ministrado na Universidade CandidoMendes como requisito para a obtenção da avaliação bimestral.






Orientador: Josemildo Oliveira dos Santos














NITERÓI
2012
SUMÁRIO


1 INTRODUÇÃO............................................................................................. 4
2 AS ESCOLAS DE PENSAMENTO CONTÁBIL........................................... 5
2.1CONTISMO.................................................................................................. 6
2.2 PERSONALISMO........................................................................................ 6
2.3 CONTROLISMO.......................................................................................... 8
2.4NEOCONTISMO........................................................................................ 10
2.5 PATRIMONIALISMO.................................................................................. 11
3 CONCLUSÃO............................................................................................. 12
REFERÊNCIAS.......................................................................................... 14 

1 INTRODUÇÃODesde os primórdios da civilização, o homem, em suas atividades de subsistência, necessitou realizar um acompanhamento destas atividades para identificar como andava a situação de seu patrimônio, e se seu trabalho trouxe benefícios ou prejuízos a ele e sua família. Mesmo que de forma rudimentar, é notório um esforço para quantificar o resultado de seu trabalho. Ainda que sem os conhecimentos de quedispomos hoje como matemática, letras etc, o homem preocupava-se em avaliar suas posses, exemplo que podemos encontrar na Bíblia, no versículo três do capítulo primeiro do livro de Jó: “E era o seu gado de sete mil ovelhas, e três mil camelos, e quinhentas juntas de bois e quinhentas jumentas.”
Técnicas como a escrita cuneiforme, que foi desenvolvida pelos sumérios, sendo a designação geraldada a certos tipos de escrita feitos com auxílio de objetos em formato de cunha, e a escrita em folhas de papiro, técnica esta desenvolvida pelos egípcios, contribuíram muitos para a manutenção de registros de natureza patrimonial entre outros. Porém, ainda que a Contabilidade exista desde o princípio da civilização, apresentou um desenvolvimento muito lento ao longo dos séculos. Foi somente noséculo XV que a Contabilidade atingiu um notório nível de desenvolvimento, sendo esta fase conhecida como lógica-racional ou mesmo pré-científica da Contabilidade.
Desde então, diversas correntes de pensamentos tem surgido com a finalidade de desenvolver técnicas e doutrinas que auxiliem os profissionais da contabilidade a desenvolverem suas atividades, e que mais tarde passaram a ser conhecidas comoas Escolas de Contabilidade.


2 As Escolas de Pensamento Contábil

Entre as principais escolas de contabilidade temos:
• Contismo;
• Personalismo;
• Controlismo;
• Neocontismo;
• Patrimanialismo.


2.1 Contismo

Ainda que não seja encarada como uma corrente científica, esta escola foi precursora da teoria de as contas serem o objeto de estudo da contabilidade e exerceuinfluência sobre grandes contadores, principalmente na Itália. A partir de 1818, o principal líder do Contismo foi Giuseppe Bornaccini.
Anteriormente em 1795, a conhecida Teoria das Cinco Contas Gerais de Degranges, já se preocupava com o estudo do instrumento utilizado para reunir os dados dos desempenhos da riqueza aziendal, subdividindo primordialmente as contas em: (1) Mercadorias Gerais;(2)...
tracking img