As marcas clariceanas (obra adulta) nos livros infantis de clarice lispector

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1600 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade de São Paulo Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Departamento de Letras
Literatura Infanto-Juvenil II (2º semestre de 2005)
Docente: Nicolau J. Gregorin Filho
Discente: Priscila Duarte Pinheiro

As Marcas Clariceanas (Obra Adulta) nos Livros Infantis de Clarice Lispector

Para um estudo detalhado das marcas clariceanas da obra adulta deixada na literaturainfanto-juvenil, faremos um estudo de três obras adultas que achamos interessantes, para o levantamento dessas marcas. Iniciemos então com sua obra de estreia, “Perto do Coração Selvagem”, que despertou estranhamento e surpresa em alguns críticos, precisamente porque sua obra não se enquadrava em qualquer programa dos modernistas, nem dos regionalistas do período anterior. Com uma visão não objetivado mundo, privilegia a experiência interior e a consciência individual da personagem, segue com pouco foco no enredo, sendo o foco principal da narrativa as digressões que acabam por retardá-la. Digressões que têm como temas principias a língua, a arte e a morte. Os episódios são fragmentados e o tempo não é cronológico, segue ao gosto das associações e sensações da personagem. Narra-se de fora,ou seja, através do discurso indireto livre. Já podemos, então, notar que o narrador possui uma visão embasada da historia, pois da mesma forma que a narrativa segue ao gosto das associações e sensações da personagem, todas as outras personagens perdem sua identidade, agindo e tendo quase que as mesmas características da personagem principal. Isto acarreta o achatamento das diferenças e já é oindício da relação entre o eu e o outro, marca que veremos ser a principal da obra de Clarice Lispector.

Outra marca fundamental que já aparece nesse livro é da inquietação, a do desejo de transgredir limites estabelecidos, mas há o fracasso dessa transgressão e o consequente retorno à norma estabelecida. Portanto há a identificação do conflito, porém este não é resolvido. No livro “A Maçã”retoma-se, agora ao centro da história, a questão de transgredir limites e destruir a ordem estabelecida para reconstruir a identidade perdida da personagem. Ordem, que é reestabelecida após o crime, a fuga e a perda da linguagem – a personagem pouco se comunica – com sua prisão, causada por sua amante. Esse padecimento, que ocorre por via de outro, faz o eu readquirir laços com as pessoas e voltar a secomunicar, voltando ao mesmo sistema do qual fugiu através do crime, da transgressão. Novamente reencontramos a questão da diluição do eu, mostrada no primeiro livro através das poucas diferenças entre a personagem principal e as secundarias, que nesse livro aparece metaforizada pelo uso incessante do pronome nós e dos provérbios, que pelo muito uso se tornaram desgastados e sem sentido. Aquestão social que no primeiro livro estava em segundo plano, pois tratava apenas da questão da submissão da mulher perante os homens, subjugando seus desejos e nem aparecia no segundo, vira um foco importante em “Paixão Segundo G.H.” Esse livro é ao mesmo tempo metafísico e social, pois quando a personagem sai de sua posição de dentro do apartamento e conseqüentemente de dentro de uma classe socialabastada, e adentra a posição e o recinto cabível a empregada que fazia parte de outra classe social. Com isso criasse a inquietação e conseqüente desejo de rompimento com a ordem estabelecida. A função da barata nesse livro é de acrescentar o grotesco e o hediondo ao esvaziamento da vida pessoal da personagem, que vê desmoronar o seu sistema depois de conhecer a visão que a empregada tinha dela,apenas um contorno na parede, que mostrou o que ela nunca tinha visto. Então a barata vem a completar a desordem, a tragédia e a desestabilização da existência cotidiana dessa personagem. Mas como marca fundamental, o processo e interrompido e há a volta ao ponto inicial, isto

e, há a volta ao sistema que fora transgredido. Porem, claro, da mesma forma como aconteceu com as outras personagens,...
tracking img