As formas da loucura

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3850 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
AS DIVERSAS FORMAS DA LOUCURA
THE MULTIPLE FORMS OF INSANITY
Gustavo Augusto Nepomuceno Porto
RESUMO
A loucura vem passando por varias fases, desde atributos ganhos pelos deuses, na Antiguidade; tendo caracterizações demoníacas, na Idade Média; passando por um intermédio entre as duas, na Modernidade (século XVIII), em que se alojavam todos aqueles que não se incluíam às normas sociais nomesmo local numa tentativa de limpeza; chegando até um momento em que a loucura passa a ser um objeto do saber médico. Este artigo constitui-se em revisão bibliográfica, do tipo exploratório, dedutivo, tento como objetivo analisar o quanto é relacional a caracterização da loucura, demonstrando sua trajetória durante os tempos, mostrando que todos nós somos diferentes e nem por isso devemos serexcluídos da sociedade. Foi observado que, aqueles ditos loucos, passaram por muitas dificuldades, sofreram e ainda sofrem e, infelizmente, ainda sofrerão.
Palavras chave: Loucura; história da loucura; reforma psiquiátrica; insanidade mental.

ABSTRACT
The madness has been going through many phases, like attributes gains from the gods, in Antiquity; having demonic characterizations in the MiddleAges; going through an intermediate between the two, in Modernity (Séc. XVIII), period in which all the people who did not fit social norms were housed in the same location in an attempt to social clean; coming to a moment where madness becomes an object of medical knowledge. This article is on literature review, exploratory, deductive, which aims to analyze how relational is the characterizationof madness, demonstrating her trajectory during times, showing that we are all different and we must not therefore be excluded from society. Madmen gone through many difficulties, suffered and still suffer and unfortunately still suffer, and this paper will try to show their side.
Keywords: Madness, history of madness, Psychiatric reform; insanity.
INTRODUÇÃO

O que você faria se desse defrente com alguém considerado louco? Fiz esta mesma pergunta para trinta e cinco pessoas desconhecidas, como uma entrevista, da cidade de João Pessoa, e todas responderam que não saberiam o que fazer, “olhava para frente e continuava andando”, continuariam a fazer o que estavam fazendo. Com a minha família, perguntei se alguém saberia dizer algo sobre os mesmos. Das dezessete pessoas, cinco medisseram apenas que “os loucos vão para o Juliano Moreira”.
Confirmei o que eu já sabia: a exclusão destas PESSOAS é muito forte, e é a própria sociedade que a deixa acontecer. Se você, leitor, fosse dono (a) de um mercadinho e soubesse que X era considerado um louco, venderia fiado para ele? Votaria, junto com os outros moradores do bairro, para que houvesse uma casa do governo em seu bairro queabrigassem "loucos" dentro dela? Muitos teriam uma reação negativa, devido à insegurança, medo do outro e de tudo aquilo que consideramos estranho. Mas este exemplo da residência é uma realidade, uma vez que a tentativa da psiquiatria moderna é a ressociabilização dos excluídos com deficiência mental.
"Quer ela seja chamada de furor, mania, delírio, fúria, frenesi ou alienação, quer o insano sejadesignado por um termo popular (doido, pancada, degringolado, maluco, biruta, tantã), a loucura sempre foi considerada como o outro da razão". Não é um pensamento muito relativo considerar a loucura como o outro?
Carl Wernicke, médico e psiquiatra alemão, diz que “as doenças mentais são doenças cerebrais”. No pensamento de outros estudiosos do assunto, esta afirmação do médico alemão reduz acomplexidade das “doenças mentais” para fenômenos produzidos por distúrbios cerebrais. Doença mental não necessariamente precisa ser apenas como afirma o tal Wernicke, mas também como um desvio, uma desordem, daquilo que chamamos de personalidade individual, se tornando, esta, o habitat da doença. Entretanto, dizer um desvio significa uma mudança de direção. Mas se for uma mudança de direção...
tracking img