Artigo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4747 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
GRUPO EDUCACIONAL UNINTER




Ariana Cavalcante de Abreu










OS BENEFÍCIOS SOCIAIS GARANTIDOS POR EMPRESAS DO SISTEMA “S”














BOA VISTA-RR
2012



OS BENEFÍCIOS SOCIAIS GARANTIDOS POR EMPRESAS DO SISTEMA “S”



ARIANA CAVALCANTE DE ABREU[1]





RESUMO: O principal objetivo do presente artigo é evidenciar os resultados obtidos peloSESC Roraima, empresa integrante do sistema “S” com a inclusão dos planos de Benefícios Sociais. Optou-se pelo tema devido à necessidade de investigar os resultados obtidos na implantação dos planos de benefícios sociais no SESC Roraima. Esclarecendo que as empresas preocupam-se com o bem-estar, visualizou-se que os benefícios demonstram estímulo a ter qualidade nos serviços. A remuneração não visaapenas recompensar os colaboradores pelo seu trabalho e dedicação, mas tornar sua vida mais fácil e agradável. Sendo os benefícios sociais formas indiretas de compensação total.



PALAVRAS-CHAVE: BENEFÍCIOS SOCIAIS; EMPRESAS; BEM-ESTAR DE COLABORADORES



INTRODUÇÃO:

Inúmeros estudos, no Brasil e no exterior, vêm comprovando que empresas bem dirigidas e organizadas são mais eficazes.Devido à busca constante por alianças e parcerias, a valorização dos profissionais, a racionalização e a produtividade do sistema. Com todo o avanço destacado, as empresas deixam muito a desejar, pois raramente atenta-se para avaliar os aspectos humanos com relação a tal tecnologia.

Temos visto um número alto de trabalhadores com um maior nível de estresses, insegurança, angústia, submissão ebaixa criatividade. Baseado neste diagnóstico do trabalhador contemporâneo vê-se a necessidade de lapidação da auto-estima onde os trabalhadores possam buscar o reconhecimento profissional e qualidade de vida.

A auto-estima é uma forma integradora que tem a ver com o bem estar, com a saúde integral. Ela une as partes positivas e negativas, fazendo brotar no indivíduo com mais força sua capacidadeintegradora. A auto-estima é base da interação do indivíduo com o mundo ao seu redor e um importante alicerce da construção criativa do indivíduo, da utilização máxima e otimizadas de todos os seus recursos, que a leva buscar sempre novos caminhos, sentindo-se cada vez mais renovado e fortalecido, mesmo quando surge dificuldade.

Então um fator considerado fundamental é a aplicação dosbenefícios sociais nas organizações, tornando-se necessário no dia-a-dia de uma organização e do colaborador. Portanto são perfeitamente pertinentes e muito relevantes os benefícios na maioria dos relacionamentos, da socialização e da vida do colaborador, assim favorecendo um maior grau de produtividade e uma maior satisfação nos serviços.1 SATISFAÇÃO NO TRABALHO



A Qualidade de vida no trabalho (QVT), representa uma ligação direta com as condições em que trabalham os empregados de uma empresa e com a satisfação das necessidades do homem, levando-se em consideração os aspectos de satisfação no cargo e trabalho humanizante. (QUIRINO e XAVIER, 1987, p. 267).



Para Minicucci (2000, p. 212), notrabalho, o indivíduo alcança várias formas de satisfação de necessidades. Satisfeitas as necessidades ou parte delas, o indivíduo começa a ter um relacionamento humano mais afetivo e menos conflitante. A pessoa humana gosta de estar fazendo alguma coisa que julga ser útil aos outros, que seu trabalho é importante.



Os fatores que atuam na satisfação do ser humano no trabalho, podem seragrupados da seguinte forma:



a) ambiente físico: podem ser destacados a localização geográfica, o maquinário, as condições de higiene e saneamento básico;



b) ambiente psicossocial: diz respeito à percepção de segurança e estima, oportunidade de crescimento profissional, relações interpessoais e benefícios;


c) remuneração: a questão salarial interfere em fatores...
tracking img