Artigo modelos de gestao aplicados ao desenvolveimento e qualificação de fornecedores

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 24 (5931 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
ANAIS
MODELOS DE GESTÃO APLICADOS AO DESENVOVIMENTO E
QUALIFICAÇÃO DE FORNECEDORES

LUCIANO RAIZER MOURA ( luciano@raizermoura.com.br )
UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO - ESCOLA POLITÉCNICA - DEP DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO
JOSÉ JOAQUIM DO AMARAL FERREIRA ( jjafjuca@usp.br )
USP - ESCOLA POLITÉCNICA - DEP. ENGENHARIA DE PRODUÇÃO

Resumo. Grandes empresas, que passaram a adotar a estratégia dadesintegração vertical,
fazem uso de uma variada gama de fornecedores. Para se concentrar no seu negócio principal
devem promover o desenvolvimento e qualificação desses fornecedores obtendo garantia do
atendimento aos requisitos estabelecidos e confiança nessa relação. O artigo faz uma
apresentação conceitual e comparativa dos modelos usados para desenvolvimento e qualificação
de fornecedorescomo a norma ISO 9001:2000, os critérios do Prêmio Nacional da Qualidade e
um modelo japonês recente, definido pela norma TR Q 005, que enfoca requisitos adicionais a
ISO 9001 visando o crescimento sustentável.
Palavras-chave: Fornecedores, Cadeia de Suprimentos, Qualificação, ISO 9000, Excelência,
Norma TR Q 005.
1- APRESENTAÇÃO
Empresas de grande porte, que atuam em um forte contexto decompetição, buscam ser cada vez
mais competitivas usando como estratégia a concentração em seu negócio principal. Passam a
terceirizar atividades estabelecendo uma cadeia de fornecedores com empresas competentes e
capazes de atender as condições definidas de níveis de qualidade de bens e serviços (HAHN, et
al,1990; WATTS e HAHN,1993; SILVA, 1997).
A concentração no negócio principal implicana redução do tamanho da cadeia interna de
atividades da empresa, sendo denominado de desintegração vertical ou terceirização de atividades
internas (AMATO, 1995). Esse fenômeno tem se tornado cada vez mais relevante, passando
inicialmente de serviços secundários, como segurança patrimonial e alimentação, para atividades
mais importantes como fabricação de componentes, manutenção deinstalações e até algum nível
de operação.
O entendimento de que as empresas passam a fazer parte de uma cadeia ou rede de empresas
pode ser denominado de maneiras diferentes: Cadeia de suprimentos, cadeia de fornecedores ou
cadeia de valor. Muitas são as denominações utilizadas na literatura referentes ao gerenciamento
das relações de negócio (transações) entre empresas. Um termo comum tem sido Gestãoda
Cadeia de Suprimentos (GCS), tradução do termo Supply Chain Management.
As definições aplicadas a GCS são variadas, algumas relacionadas a apenas ao fluxo de materiais
entre empresas e outras ampliando para o fluxo de informações (JONES, 1990). O Global Supply
1/16

ANAIS
Chain Forum, segundo Lambert e Cooper (2000), definiu GCS como a “integração dos
principais processos de negóciosque produzem produtos, serviços e informações através de uma
cadeia de suprimento que agrega valor para clientes e as demais partes interessadas e
envolvidas (stakeholders)”.
Segundo Hojung (2000), as empresas compradoras devem organizar a gestão da sua cadeia de
fornecedores. Complementa destacando as quatro características que mais contribuem para
melhorar o desempenho da cadeia defornecimento: 1) relacionamento de longo prazo com
fornecedores; 2) envolvimento dos fornecedores no processo de desenvolvimento de produto; 3)
número reduzido de fornecedores; e 4) foco na qualidade.
2-A NECESSIDADE DE FORNECEDORES QUALIFICADOS
Segundo Hahn et al (1990) uma empresa precisa de uma rede de fornecedores competentes para
competir eficientemente no mercado mundial. Um programa dedesenvolvimento de fornecedores
é definido para criar e manter a rede e melhorar a capacidade de fornecedores que são necessárias
para a organização compradora alcançar os desafios de competitividade. O autor complementa
que, tradicionalmente, um dos objetivos mais importantes da função de suprimentos é
desenvolver uma rede de fornecedores competentes.
Para Krause (1997), desenvolvimento de...
tracking img