Arte

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (570 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
O Racionalismo Cartesiano

A modalidade de Racionalismo proposta por Descartes (habitualmente designada por Racionalismo Cartesiano), filósofo francês da primeira metade do Século XVII, temalgumas particularidades. Uma dessas particularidades é a de que irá defender não só que alguns conhecimentos são justificados racionalmente, mas que todo o conhecimento é justificado racionalmente. Como éque ele chegará a tal conclusão?
A preocupação de Descartes é conseguir conhecimento cuja justificação seja suficiente para se estar certo disso que se conhece - que não seja possível que aquilo quese conhece seja falso. Concluem-se, portanto, desse ponto de partida que saber exige certeza daquilo que se sabe. Logo, aquilo do qual será lícito duvidar não é conhecimento.
É, por isso, que oinício do processo que conduz o filósofo francês às suas conclusões é colocar, tanto quanto possível, as coisas que se julga saber em dúvida.
Com a hipótese do Génio Maligno, a dúvida atinge o seu pontomais extremo; virtualmente tudo é objecto de dúvida, nem sequer podemos estar certos da verdade das proposições matemáticas.
No entanto, há algo de que, pelo próprio exercício de duvidar, podemosestar certos - "se penso, logo existo". Este é o primeiro conhecimento que aquele que conhece pode ter: de que pensa e de que, enquanto ser pensante, existe. E será por meio do pensamento que irá estarcerto de conhecer as restantes coisas. A primeira dessas coisas e a garantia de que o "eu pensante" não pode ser sistematicamente enganado é Deus. A segunda certeza é a de que "Deus existe". Uma vezque existe e que é sumamente bom, não pode enganar-me nem deixar que me enganem sistematicamente, o que é incompatível com a hipótese do Génio Maligno e restantes hipóteses cépticas.
Muito bem, demodo intuitivo e dedutivo, tenho a garantia de que, pelo menos, sistematicamente não erro e que posso estar certo de algumas coisas, nomeadamente de que "Eu existo", de que "O Mundo (e o meu corpo)...
tracking img