Anhaguera

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1300 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
CENTRO UNIVERSITÁRIO DE CAMPO GRANDE
TECNOLOGIA EM REDES DE COMPUTADORES BANCO DE DADOS PARA AMBIENTE DE REDES 1º SEMESTRE DE 2013 PROFESSOR CARLOS RICARDO BERNAL VEIGA

Ambiente simplificado de um SGBD

Linguagens de SGBD
Durante o desenvolvimento do sistema R, pesquisadores da IBM desenvolveram a linguagem SEQUEL, primeira linguagem de acesso para Sistemas Gerenciadores de Banco de DadosRelacionais. ISO e ANSI lançou em 1986 a primeira versão do padrão da linguagem SQL, o SQL-86. A linguagem passou por aperfeiçoamentos em 1989 e, em 1992, foi lançada a SQL-92 ou SQL2. Um novo padrão, chamado de SQL-99 ou SQL3 foi lançado no ano de 2000. Foi o primeiro padrão a estender a linguagem para permitir a utilização de tipos de dados complexos e a incorporar características da orientaçãoa objetos. Após uma grande revisão do padrão SQL3 foi lançada a SQL:2003. Nesta verão foi adicionada uma nova parte ligada ao tratamento de XML.
1

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE CAMPO GRANDE
TECNOLOGIA EM REDES DE COMPUTADORES BANCO DE DADOS PARA AMBIENTE DE REDES 1º SEMESTRE DE 2013 PROFESSOR CARLOS RICARDO BERNAL VEIGA

Linguagens de SGBD
Linguagem de Definição de Dados (DDL): • Usada paraespecificar o esquema conceitual.

Linguagem de Manipulação de Dados (DML): • Usada para manipular os dados em um banco de dados. As manipulações típicas são a recuperação, inserção, remoção e modificação dos dados.

Tipos de Dados:

2

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE CAMPO GRANDE
TECNOLOGIA EM REDES DE COMPUTADORES BANCO DE DADOS PARA AMBIENTE DE REDES 1º SEMESTRE DE 2013 PROFESSOR CARLOS RICARDOBERNAL VEIGA

Exemplos de DDL:
Criação de Tabelas: CREATE TABLE NOME_TABELA( COL1 TIPO_COLUNA [NOT NULL], COL2 TIPO_COLUNA [NOT NULL], COL3 TIPO_COLUNA [NOT NULL] ) Na criação de tabelas, é possível especificar vários tipos de restrições: • • • • Chave Primária: PRIMARY KEY ; Chave Estrangeira: FOREIGN KEY; Chave Alternativa (ou alternada): UNIQUE; Restrição de Domínio: CHECK.

Criação deTabelas ALTER TABLE Telefone ADD COLUMN TIPO VARCHAR2(5) DEFAULT ‘FIXO’ NOT NULL; ALTER TABLE Telefone DROP COLUMN Tipo; ALTER TABLE TELEFONE ADD CONSTRAINT TIPO_TELEFONE CHECK (TIPO IN(‘Fixo’, ‘Movel’)); ALTER TABLE TELEFONE DROP CONSTRAINT TIPO_TELEFONE; ALTER TABLE TELEFONE MODIFY (TIPO VARCHAR2(5));

3

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE CAMPO GRANDE
TECNOLOGIA EM REDES DE COMPUTADORES BANCO DE DADOSPARA AMBIENTE DE REDES 1º SEMESTRE DE 2013 PROFESSOR CARLOS RICARDO BERNAL VEIGA

Renomear Tabela:
RENAME Pessoa TO Pessoa_Nova; -- Oracle RENAME TABLE Pessoa TO Pessoa_Nova;

Deletar Tabela (estrutura):
DROP TABLE Pessoa;

Exemplos de criação de tabelas:
CREATE TABLE Passageiro(CPF VARCHAR(11) NOT NULL CONSTRAINT PK_PASSAGEIRO PRIMARY KEY CONSTRAINT FK_PESSOA REFERENCES Pessoa (CPF),Dieta VARCHAR(1) CHECK (Dieta IN(‘S’, ‘N’))); CREATE TABLE Voo(Numero Numeric NOT NULL CONSTRAINT PK_VOO PRIMARY KEY, Data Date NOT NULL, TIPO VARCHAR2(15) DEFAULT ‘NACIONAL’, P_CPF VARCHAR(11) NOT NULL CONSTRAINT FK_PILOTO REFERENCES Piloto (CPF));

4

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE CAMPO GRANDE
TECNOLOGIA EM REDES DE COMPUTADORES BANCO DE DADOS PARA AMBIENTE DE REDES 1º SEMESTRE DE 2013 PROFESSORCARLOS RICARDO BERNAL VEIGA

Exercícios:
O Gerente da empresa REDESUNAES necessita criar um banco de dados denominados loja em um SGBD mysql Server hospedado em um servidor Linux, você foi contratado para realizar as atividades de suporte operacional no servidor, com isso, você foi demandado a realizar a atividade, os desenvolvedores da empresa criaram a seguinte estrutura a ser executada noservidor: Id nome Idade CPF N_cartao email Email2 senha

Onde: Nome da Tabela: Usuarios ID: é de até 11 posições de números inteiros e não se aceitam campos vazios; Nome: é de até 150 posições, aceitam-se letras e números e não se aceitam campos vazios; Idade: é de até 3 posições de números inteiros e não se aceitam campos vazios; cpf: é de até 11 posições, aceita-se somente números e não se...
tracking img