Analise

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1634 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
5
DIFERENÇAS BÁSICAS ENTRE ORÇAMENTO PUBLICO E PRIVADO
A comparação entre orçamento empresarial e o orçamento público é possível basicamente quando considerado o objetivo genérico de identificar a origem de recursos e permitir o controle de gastos, visando o alcance de uma intenção de resultados como já mencionado. A semelhança entre essas duas ferramentas degestão, aparentemente similares pelo do termo “orçamento”, e de seu objetivo genérico é bastante limitada. As diferenças começam pela origem distinta e pelo respectivo enfoque de controle, sendo a primeira voltada à gestão privada, e a segunda voltada para a gestão pública.
Uma importante distinção na comparação entre quaisquer aspectos de ambientes como o público e o privado está no quepodemos chamar de agentes e seus papéis orçamentários. Na esfera pública do Brasil atual, os poderes de estado, são exercidos pelo Executivo, Legislativo e Judiciário e os papéis e deveres sobre o orçamento público são distribuídos entre o Executivo e o Legislativo. O primeiro além de ser o propositor é o executor do orçamento, já o poder Legislativo também propõe, a partir deemendas orçamentárias, além de ser o aprovador e fiscalizador da execução do orçamento pelo Executivo.
As diferenças entre o orçamento público e o privado, surgem na comparação entre o já comentado exercício de poderes sobre o orçamento. Para as organizações empresariais o papel de “fiscalizar” não tem o mesmo significado. Em seu lugar surge o papel de“controlar”.
O “controle” tem uma conotação vinculada ao manter sob domínio, orientar, e dirigir diferença não é tão sutil como pode parecer. O termo controle representa exatamente o que se espera na implantação de um sistema orçamentário no âmbito privado, ou seja, orientar os gestores na direção do plano definidos ou auxiliando na alteração dos mesmos, seja mantendo sobre controle oscustos e gastos planejados e/ou o desempenho esperado. Nas organizações privadas os papéis de proposição, execução e controle distribuem-se entre os diversos níveis da organização, além do fato de dependendo do momento esses papéis se alternam, sendo que quem propõe inicialmente, poderá ser responsável por executar e ainda mais adiante por controlar os resultados alcançados. Assim os papéissão definidos pela forma que o orçamento é preparado e utilizado pela organização.
6
Diferentemente do orçamento empresarial, em que os princípios que regem sua preparação e uso seguem preceitos contábeis, administrativos e fundamentalmente voltados à tomada de decisão gerencial, no orçamento público, sua orientação segue regras, também chamados de princípios que tem comofinalidade assegurar a consistência e auxiliar no processo de controle parlamentar.
Especificamente sobre a elaboração do orçamento independentemente de ser privado ou público, a primeira atividade a ser observada é a coleta e compilação de informações dos elementos que auxiliam e compõe o orçamento. Em suma, o orçamento resulta de um exercício de planejamento e para tal o elaborador daproposta deve amealhar uma série de dados que serviram como base para início dos trabalhos. Essas informações auxiliam na definição das premissas e no modelo a ser utilizado na preparação do orçamento.
Na iniciativa privada tais atividades costumam estar a cargo da área financeira ou dependendo do porte da organização de uma área específica de planejamento eorçamento. Da mesma forma a abrangência dos dados a serem utilizados estão vinculados com o porte das organizações e sua diversidade em termos de operações, produtos e serviços.
De forma semelhante para o orçamento público o elaborador da proposta orçamentária utiliza-se de dados e informações que formam sua base de trabalho.
No orçamento privado a...
tracking img