Analise

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1824 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
“Análise dos prós e os contras do Outsourcing”
Mestrado Gestão de Empresas
Disciplina Organização industrial
21103207 – Emanuel Vindeirinho Pereira
Introdução
O objectivo deste artigo é explicar de uma forma simples e fácil a teoria da empresa numa primeira parte. Posteriormente, falar do outsourcing focando e explicando o nascimento desta ferramenta ao dispor do gestor. No entanto, há quetomar em consideração os seus aspectos positivos e negativos e como existem casos de sucesso com esta ferramenta. Por último opinar sobre estes dois temas na óptica do gestor de uma PME.
“Teoria da Empresa”
Todos nós já olhamos à nossa volta e vemos que existem empresas e mercados.
Contudo podemos verificar que “ a empresa consiste no sistema de relações que passa a existir quando a direcçãodos recursos depende do empresário”(Coase, 1937), sendo “…o elemento central de qualquer industria”(Cabral, 2000). Coase no seu artigo em 1937 teve a necessidade de estudar a Natureza da Empresa. “Uma das crenças é ver a empresa como uma espécie de caixa preta que serve para maximizar os lucros” (Cabral, 2000 pág. 35), a empresa é retratada como apenas uma função de produção.
Portanto, o conceitode empresa rege-se pelos indivíduos que a constituem. No entanto, “a fim de compreender o comportamento desses indivíduos, deve-se examinar a natureza da sua motivação.” (Wilkinson, 2005). De facto, a motivação é uma das teorias explicativas da natureza da empresa. Também podemos falar de mais cinco teorias como, a Teoria de custos de transacção, a Teoria da Informação, a Teoria da agência, aTeoria dos direitos de propriedade e a Teoria dos jogos.
Contudo na visão de Coase, a necessidade da empresa vêm do problema teórico da existência da mesma ou da necessidade de explicar porque a coordenação dos recursos é feita às vezes pelo mercado, por mecanismos de preço e outras vezes pelo mecanismo de autoridade do empreendedor. “O funcionamento do mercado envolve um certo custo, e formação deuma organização e permitindo que uma autoridade (empresário) para que este direccione recursos certos... A empresa foi fundada porque em certas situações internalizar certas transacções custa menos do que deixar o mercado.” (Coase,1937)
Surge, então, a terceirização que é quando “uma empresa tenderá a se expandir até os custos de organizar uma transacção extra dentro da empresa tornam-se iguaisaos custos de realizar a mesma transacção por meio de uma troca no mercado aberto ou os custos de organização em outra empresa”(Coase 1937, p.395).
Com isto damos início ao “outsourcing”.
“Um processo de gestão pelo qual se transferem algumas actividades para terceiros, com os quais se estabelece uma relação de parceria, ficando a empresa concentrada apenas em tarefas essencialmente ligadas aonegócio em que actua” (citação Pereira, 2009); podemos ver que objectivo do outsourcing é “fazer ou comprar”. Com esta ferramenta os gestores das empresas podem focar-se mais na área mais relevante da empresa e deixar outras áreas “secundárias” das empresas a terceiros, “O outsourcing é uma técnica de administração à qual as empresas têm recorrido com o intuito de aumentar a sua produtividade ecompetitividade no mercado. É uma estratégia empresarial com o objectivo de concentrar esforços e inteligência na actividade principal da empresa, deixando as outras actividades a cargo de parceiros especializados em funções específicas, produzindo melhores resultados e trazendo ganhos efectivos para ambas as partes” (citação Pereira, 2009). Apesar de se ouvir falar recentemente de “outsourcing”,principalmente nas áreas da Tecnológicas de Informação, sendo por esta mais usado, hoje já se espalhou por outras áreas como os recursos humanos, contabilidade, logística, marketing e tantas outras.
O “outsourcing” já existe algumas décadas ou até mais, “em 1966 a Escola de Naval do EUA tinha uma leitaria para abastecer os seus os seus próprios cadetes” (Linder pag.28), verifica-se que este...
tracking img