analise e desenvolvimento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1991 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de maio de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto









































































SUMÁRIO
1 INTRODUÇÃO 3

2 DESENVOLVIMENTO 4
2.1 Modelo classico ou em cascata 4
2.1.1 Diferentes etapas de desenvolvimento 4
2.2 Historia do modelo em cascata 45
2.3 Vantagens e desvantagens identificadas 45
2.3.1 Vantagens do modelo 45
2.3.2Desvantagens do modelo 46

3 EXEMPLOS DE ELEMENTOS DE APOIO AO TEXTO 57
3.1 Exemplo ilustrativo de um modelo em cascata 57

4 CONCLUSÃO 78

REFERÊNCIAS 89


1 INTRODUÇÃO
Engenharia de software é uma área da computação voltada à especificação, desenvolvimento
 e manutenção de sistemas de software, com aplicação de tecnologias e práticas de gerência de projetos e outras disciplinas,visando organização, produtividade e qualidade.
Atualmente, essas tecnologias e práticas englobam linguagens de programação, banco de dados, ferramentas, plataformas, bibliotecas, padrões, processos e a questão da Qualidade de Software.
Os fundamentos científicos para a engenharia de software envolvem o uso de modelos abstratos e precisos que permitem ao engenheiro especificar, projetar, implementare manter sistemas de software, avaliando e garantindo suas qualidades. Além disso, a engenharia de software deve oferecer mecanismos para se planejar e gerenciar o processo de desenvolvimento de um sistema computacional.
Neste trabalho será abordado um destes modelos de processos de software, em especifico o modelo clássico ou modelo em cascata.



2 DESENVOLVIMENTO
O modelo cascata é umdos mais importantes modelos, e é referência para muitos outros modelos, servindo de base para muitos projetos modernos. A versão original deste modelo foi melhorada e retocada ao longo do tempo e continua sendo muito utilizado hoje em dia.
2.1 Modelo classico ou em cascata
O modelo clássico ou cascata, que também é conhecido por abordagem “top-down”, foi proposto por Royce em 1970. Até meados dadécada de 1980 foi o único modelo com aceitação geral. Esse modelo foi derivado de modelos de atividade de engenharia com o fim de estabelecer ordem no desenvolvimento de grandes produtos de software. Comparado com outros modelos de desenvolvimento de software, este é mais rígido e menos administrativo.
O modelo cascata é um dos mais importantes modelos, e é referência para muitos outrosmodelos, servindo de base para muitos projetos modernos. A versão original deste modelo foi melhorada e retocada ao longo do tempo e continua sendo muito utilizado hoje em dia.
Grande parte do sucesso do modelo cascata está no fato dele ser orientado para documentação. No entanto deve salientar-se que a documentação abrange mais do que arquivo de texto, abrange representações gráficas ou mesmosimulação.
Uma abordagem incorporando processos, métodos e ferramentas devem ser utilizados pelos criadores de software. Esta abordagem é muitas vezes designada de Abordagem do Processo de Desenvolvimento. Existem três abordagens de modelos de processo de desenvolvimento de software. Elas tentem colocar ordem numa atividade inerentemente caótica. Uma vez definido o modelo de ciclo de desenvolvimento,existem três abordagens para implementá-lo:
Cascata pura;
Incremental;
Evolucionária.
Toda esta secção constitui uma interpretação do disposto na referência.

O modelo Cascata é um modelo de engenharia projetado para ser aplicado no desenvolvimento do software. A idéia principal que o dirige é que as diferentes etapas de desenvolvimento seguem uma seqüência: a saída da primeira etapa “fluí”para a segunda etapa e a saída da segunda etapa “fluí” para a terceira e assim por diante. As atividades a executar são agrupadas em tarefas, executadas seqüencialmente, de forma que uma tarefa só poderá ter início quando a anterior tiver terminado. Todos os avanços de cada etapa são documentados e apresentados ao cliente, que a partir de sua aprovação, passa para a etapa seguinte sendo esta...
tracking img