Analise financeira setor textil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2326 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
ANÁLISE DAS EMPRESAS DO SETOR TÊXTIL: BEIRA RIO, HERING E AREZZO

INTRODUÇAO

A globalização econômica vem forçando as companhias a realizarem suas atividades em um ambiente altamente competitivo e complexo, o que faz da informação uma das variáveis mais importantes para o processo decisório. Entre as ferramentas financeiras, podemos citar os índices financeiros como norteadores para atomada de decisões da alta administração.
O uso dos índices é fundamental para a realização das análises financeiras de uma empresa é fundamental para conhecer a verdadeira situação financeira da empresa, de forma a sanar dificuldades e promover seu crescimento. É também importante para situar a empresa dentro do seu setor, através de comparações que permitem ajustes e planos para ofuturo.


1. SETOR TÊXTIL


A indústria têxtil é um dos mais importantes setores da economia nacional, tanto na geração de empregos, quanto no valor de sua produção. Encontra-se em 8º lugar dentre os principais países produtores de têxteis, sendo considerada entre os melhores e maiores produtores mundiais.
De 1990 a 2005, o consumo mundial de fibras têxteis registrou considerávelcrescimento no período examinado, chegando em 2005 a 453 bilhões de dólares.
Em valores monetários, a cadeia têxtil brasileira produziu em 2005 US$ 32,9 bilhões, o que equivale a 4,1% do PIB total brasileiro e a 17,2% do PIB da Indústria de Transformação.
Os empregos gerados na cadeia têxtil somaram 1.523 mil em 2005, o equivalente a 1,7% da população economicamente ativa e 17,2% dototal de trabalhadores alocados na indústria da transformação naquele ano, o que comprova ser este um setor de grande relevância para a economia do país e de forte impacto social.
Em 2006, a posição do Brasil no ranking de produtores de têxteis melhorou. O país saiu da sétima posição e subiu para a sexta. Em termos de comércio exterior, no entanto, sua participação ainda é pequena, estando na47ª posição entre os maiores exportadores do mundo.
A indústria têxtil é mundialmente muito competitiva, o cenário internacional do setor mostra uma concorrência acirrada. Os mercados procuram diferenciais e também buscam a evolução seus produtos, criando marcas e melhorando designers.
O Brasil tem realizado esforços para aumentar sua capacidade competitiva internacional. Empresasbrasileiras nos segmentos de roupas profissionais, moda íntima, fitness, entre outros, já estão caminhando rumo à inovação e à tecnologia com a criação de tecidos inteligentes, que gerarão produtos competitivos no mercado mundial.
O segmento têxtil/vestuário é o segundo setor que mais emprega no país, oferecendo cerca de 1,5 milhões de empregos.
Possui atualmente mais de 30 milempresas, sendo a quinta mais importante cadeia têxtil do mundo, fica atrás apenas da China, Índia, Estados Unidos e Taiwan. Vale destacar que o setor têxtil é o grande responsável pelo primeiro emprego do jovem no país, e que 70% das vagas são ocupadas por mulheres.
Dois grandes avanços podem ser percebidos no segmento têxtil/vestuário no Brasil nos últimos anos: o aumento da procura porcapacitação de mão-de-obra e o investimento em tecnologia. Isso reflete a percepção, por parte das empresas do setor, da importância de investimentos em tecnologia e os benefícios derivados desse processo.
Para efeito deste estudo, serão analisados os índices financeiros das três empresas que se destacaram no ranking das “Melhores e Maiores da Revista Exame”, são elas: Hering, Beira Rio e Arezzo.De acordo com a proposta, apresentaremos um histórico das três empresas e mostraremos três análises, utilizando os índices financeiros fornecidos na publicação citada acima, com o objetivo de comparar o crescimento e evolução dessas empresas, no que diz respeito a endividamento, liquidez e giro do ativo.


2. HISTÓRICO DAS TRÊS MAIORES E MELHORES EMPRESAS DO SETOR TÊXTIL


2.1 Arezzo...
tracking img