Aristoteles

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 18 (4302 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Monografia Pública

Aristóteles
(Ética a Nicômaco e Outros Pensamentos)
Pelo Prof. Dr. R. D. Pizzinga, 7Ph.D. (*)
Membro dos Iluminados de Kemet
http://ordoilluminatorum.net/

“Não devemos seguir os que nos aconselham a ocupar-nos com coisas humanas, visto
que somos homens, e com coisas mortais, visto que somos mortais. Mas, na medida em
que isso for possível, procuremos tornar-nosimortais e envidar todos os esforços para
viver com o que há de melhor em nós; porque, ainda que seja pequeno quanto ao lugar
que ocupa, supera a tudo o mais pelo poder e pelo valor. “
Aristóteles
(Ética a Nicômaco, Livro X)

Introdução e Objetivo da Monografia

Estátua de Aristóteles

A

RISTÓTELES –
filho
de
Nicômaco, aluno
de Platão e criador da
Lógica – nasceu em
Estagira em384/383 a.C.,
colônia grega da Trácia,
na fronteira com a
Macedônia. A Trácia, na
Antigüidade, abrangia as
margens do Danúbio, o
Ponto Euxino, o Mar de
Mármara, o Mar Egeu e o
Rio Nestos. Por volta dos
dezoito anos, Aristóteles viajou para Atenas e ingressou na Academia de
Platão (com o intuito de desenvolver e aprimorar sua espiritualidade), lá
permanecendo por 20 anos, isto é, enquantoPlatão viveu. Aristóteles morreu
no exílio, em Calcis, em 322 a.C., com pouco mais de 60 anos de idade.
Sua obra se divide em dois grandes grupos: os escritos exotéricos (destinados
ao grande público) e os escritos denominados de esotéricos (que constituíam
o fruto e a base do seu pensamento mais íntimo e destinados apenas aos seus
discípulos, contudo são destituídos dos componentesmístico-iniciático e
escatológico como os encontrados nas obras platônicas). Seu livro esotérico

mais famoso é a Metafísica – constituído de catorze capítulos (ainda que para
ela Aristóteles usasse as expressões 'Filosofia Primeira' ou 'Teologia' em
oposição à 'Filosofia Segunda' ou simplesmente 'Física'). O Filósofo deu
quatro definições para Metafísica: 1ª - ciência que indaga causas e princípios;2ª - ciência que indaga o ser enquanto ser; 3ª - ciência que investiga a
substância; e 4ª - a ciência que investiga a substância supra-sensível. Os
conceitos de ato e potência, matéria e forma, substância e acidente possuem
especial importância na Metafísica de Aristóteles. Para Aristóteles, existem
quatro causas implicadas na existência de algo: 1ª - a causa material (aquilo
do qual algumacoisa é feita); 2ª - a causa formal (a coisa em si); 3ª - a causa
motora (aquilo que dá origem ao processo em que a coisa surge); e 4ª - a
causa final (aquilo para o qual a coisa é feita). Para Aristóteles, todas as
coisas são ou estão em potência ou em ato. Uma coisa em potência tende a
ser outra; uma coisa em ato é algo que já está realizado. É interessante notar
que todas as coisas, mesmoem ato, também são ou estão em potência. A
única coisa total e exclusivamente em ato é o Ato Puro, que Aristóteles
identifica com o Bem. Esse Ato Puro não é nada em potência, nem é a
realização de potência alguma. Ele é sempre igual a si mesmo, e não é um
antecedente de coisa alguma. Deste conceito, Santo Tomás de Aquino, que
bebeu inteiramente em Aristóteles, derivou sua noção de Deus, emque Deus
seria Ato Puro.
Dentre os tratados de filosofia moral e política, encontra-se, entre outros, a
Ética a Nicômaco (provavelmente publicado por seu filho Nicômaco ao qual
o livro é dedicado), objeto principal desta coletânea de fragmentos. Utilizei
para este estudo a publicação da Ética a Nicômaco traduzida por Leonel
Vallandro e Gerd Bornheim (que tive o prazer conhecer pessoalmente) daversão inglesa de W. D. Rosá. A Ética a Nicômaco é a principal obra de
Aristóteles sobre Ética. Nela o Filósofo expõe sua concepção teleológica e
eudemonista (o Eudemonismo é uma teoria ou um sistema filosófico-moral
segundo o qual o fim e o bem supremo da vida humana é a felicidade; é uma
doutrina que considera a busca de uma vida feliz, seja em âmbito individual
seja em âmbito...
tracking img