ANALISANDO

Páginas: 16 (3980 palavras) Publicado: 6 de julho de 2014
O mito: elemento gerador da tragédia

O motivo que nos levou a enfocar o tema deste trabalho, ou seja, os aspectos que promovem a ruptura da tradição na tragédia grega Medéia, de Eurípides, foi a originalidade desse poeta, por meio da inovação das características de seu texto, marcado pelas ações da personagem feminina.
Havia escritores, no século V a.C, que compunham dramas e sátiras nasquais surgiam, direta ou indiretamente, situações típicas de suas sociedades. Entre eles, Eurípides compôs, em suas tragédias, um retrato crítico da sociedade grega.
E por ser inovador e ter mostrado a porção frágil e humana de seus protagonistas como foco, foi tido como exemplo para os escritores romanos. Vários temas de suas peças foram retomados, como a obra Medéia, na versão do romano Sêneca, aqual foi adaptada, na contemporaneidade, pelos brasileiros Chico Buarque de Hollanda e Paulo Pontes.
Gênero que surgiu no referido século, no mundo grego, a tragédia, segundo Aristóteles, nasceu do ditirambo, hino em honra de Dioniso. Giordani (1972) afirma que, paulatinamente, a tragédia buscou inspiração não apenas nas lendas dionisíacas, mas nas aventuras de deuses e heróis, constituindo-se,assim, seu repertório. Há que se levar em conta, também, a ação interior, os movimentos da alma, os sentimentos e pensamentos que conduzem aos atos materialmente vistos ou imaginados.
Para Grant (1994), a tragédia era “compacta” e “concisa”; o objetivo era expressar os mais intensos pensamentos humanos, e tinha como função analisar, geralmente num contexto mitológico, as relações entre os mortaise as divindades, além de expor e avaliar a opinião dos próprios cidadãos atenienses, que compunham a platéia. De todos os elementos qualitativos o mais importante é o mito, que arranja sistematicamente as ações, as quais Aristóteles assimila ao conceito contemporâneo de “fábula” ou “diegese”.
Para Aristóteles, o mito é o gerador da tragédia, seu elemento central; sem ele, tal gênero não poderiaexistir. É ratificado como princípio e alma da tragédia, vindo somente depois os caracteres, as personagens.
Tomando-se como base um dos princípios de Costa (1992), em relação às ações da trama, Medéia é uma personagem que domina os acontecimentos e age violentamente.
Segundo a análise de Guimarães (1972), Jasão era filho de Éson, herdeiro do reino da Tessália, mas não ocupou o trono, poisPélias, seu irmão, o usurpou. Logo após o nascimento de Jasão, Pélias mandou matá-lo, mas ele acabou salvo por seus pais, que o entregaram à guarda do centauro Quíron. O centauro cuidou de Jasão até que completasse 20 anos. Nessa época Pélias organizou uma festa, à qual Jasão compareceu.
Pélias reconheceu Jasão. Este, para chegar à festa, precisou atravessar um rio a nado, perdendo uma de suassandálias, o que fez com que o tio se lembrasse de que ouvira de um oráculo a profecia de que um estrangeiro descalço seria seu inimigo mortal.

Para evitar a perda do trono, Pélias enviou Jasão para a captura do Velocino de Ouro, um tosão (pele de carneiro com pêlos) totalmente de ouro, feito de um carneiro muito especial, que tinha a habilidade da fala e do vôo. Era um presente que a deusa Néfeleganhara do deus Hermes. Néfele deu o carneiro a seus filhos, Hele e Frixo, quando foram perseguidos por sua madrasta. Os irmãos montaram no animal, que os levou, voando, para a Cólquida. Lá o carneiro acabou sacrificado a Zeus, e sua pele (o velo) foi dada de presente ao rei local, Eetes, com a promessa de que lhe traria prosperidade e poder. O velo ficava sob a guarda poderosa de um dragão, num bosque.Pélias tentou enganar Jasão dizendo que se ele conseguisse o velocino receberia o trono, pois o rei acreditava que seria uma tarefa impossível e mortal para o sobrinho. Jasão montou uma expedição à procura do tal velocino, num navio construído por ele, denominado Argos. Acompanhado dos Argonautas (52 heróis que se tornaram marinheiros para participar da aventura), seguiu em direção à...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Analisando revistas
  • Analisando uma estrutura
  • ANALISANDO A LETRA
  • Analisando a Termodinâmica
  • Analisando a anamnese
  • ANALISANDO O AMBIENTE
  • Analisando Vitrines
  • Analisando a terminologia

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!