Almeida garret - viagens na minha terra

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2302 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ALMEIDA GARRET: VIAGENS NA MINHA TERRA
O Contexto Histórico
A 1ª. metade do séc. XIX
• As lutas liberais: a guerra civil entre absolutistas e liberais;
• As invasões napoleónicas;
• A mudança do regime político: o absolutismo versus o liberalismo.
O Título
1. O pluralismo do substantivo "Viagens":
o A coexistência de múltiplas viagens:
 A viagem real de Lisboa a Santarém;
 A viagemsentimental: a história de Joaninha;
 As viagens imaginárias:
 ao passado do narrador;
 reflexões críticas ao contexto histórico.
2. O determinante possessivo "minha":
o O sentimento de posse;
o A relação de intimidade;
o O carácter subjectivo do discurso;
o O estatuto do narrador: autodiegético.
3. O substantivo "terra":
o A ligação telúrica do autor à Pátria;
o O nacionalismo.

Aviagem enquanto concretização de um objectivo
• Fuga ao quotidiano;
• Busca de prazer e de diversão;
• Etc.
Viagem
• Deslocação espacial de natureza física;
• Interiorização;
• Devaneios;
• Voos de imaginação;
• Viagem espiritual.
Viajar versus Sentir
• Defesa de uma doutrina que fundamenta a existência no primado da sensação;
• Concepção de um real multifacetado;
• Viagem enquantotrajeto de experiência da aprendizagem e aperfeiçoamento;
• Um ato consciente que visa o aperfeiçoamento.
Cap. I
Crônica (de chronos = tempo): relato de acontecimentos que é feito segundo uma ordem cronológica.

Viagens na Minha Terra

Viagem feita pelo autor de Lisboa a Santarém e regresso a Lisboa.
Intenção:
• Conhecer o espaço geográfico de Portugal;
• Fazer crônica do real nos seuselementos vistos, ouvidos, pensados e sentidos;
• Fazer crônica do passado e a história do presente;
• Reflexão e análise.
A marcha do progresso social
EU narrador: Pensar - reflexões de caráter histórico, político, moral, social e filosófico.
Mundo interior: Sentir - tristeza, mágoa, espanto e indignação.
Mundo exterior: Ver - paisagem (Charneca, Vale de Santarém, Vilas, Monumentos, etc.);Ouvir - a História de Joaninha.
Reflexão e análise real: A marcha do progresso social de Portugal
Antigo Regime Novo Regime
Absolutismo Liberalismo
D. Quixote Sancho
(Frade) (Barão)
Guerra Civil: A Marcha do Progresso Social
No domínio sócio-político:
• A mudança do regime: Absolutismo - Liberalismo.
• A guerra civil origina lutas e espalha a dor, a morte.
• A substituição do Frade peloBarão argentário.
• O desenvolvimento da mentalidade materialista.
• Crescimento das desigualdades e injustiças sociais.
• O desprezo pelo trabalho agrícola em favor do desenvolvimento industrial.
No âmbito da história: a perversão do gosto artístico na arquitectura portuguesa dá origem:
• À alteração do traçado original dos monumentos e igrejas antigas, resultando sem gosto ou estilo;
• àconstrução de novos edifícios ao lado dos antigos "ridiculares, absurdas e vilãs";
• ao abandono, à destruição, à demolição dos antigos monumentos;
• à transformação de monumentos em quartéis, armazéns (substituição da arte pelo utilitarismo).
Cap. II, XIII
A Tese Garrettiana: A Concepção Dialética da História
• O materialismo e o espiritualismo enquanto entidades motrizes do progresso social(visão filosófica).
• A coexistência, numa época, destes dois tipos opostos que prevalecem um sobre o outro.
• A polarização dos termos da antítese, numa nova síntese, mas em ordem inversa.
Consequências
• A impossibilidade de progressão da civilização;
• Situação de impasse e regressão (lutas civis, estagnação económica e cultural);
• O simbolismo universal de Sancho Pança e D. Quixote;
• A suacorrespondência ao nível das personagens Carlos e Frei Dinis: paradigmas do Portugal Novo e Liberal e do Portugal Velho e Absolutista;
• A perspectiva crítica de Garrett:
o a defesa dos valores espirituais de uma nação e do indivíduo;
o a condenação das atitudes materialistas responsáveis pelo atraso cultural, económico e social do Portugal oitocentista.
Cap. III e V
O Estatuto do...
tracking img