Agronegocio

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1348 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
PROJETO TERRITORIALIZAÇÃO DO AGRONEGOCIO
Agronegócio é toda relação comercial e industrial envolvendo a cadeia produtiva agrícola ou pecuária. No Brasil o termo agropecuário é usado para definir o uso econômico do solo para o cultivo da terra associado com a criação de animais. A dinâmica do agronegócio pode ser entendida por três dimensões que é: “dentro da porteira”, “pré – porteira” e a"pós-porteira". A primeira compreende os produtores rurais constituídos na forma de pessoas físicas (fazendeiros ou camponeses) ou pessoas Jurídicas (empresas). A segunda representada elas indústrias e comercio que fornecem insumos para a produção rural. A terceira está à compra, transporte, beneficiamento e venda dos produtos agropecuários até o consumidor final.
O projeto de territorialização doagronegócio tem uma ligação com outros projetos. Observando a dinâmica territorial da região amazônica em especifico a região que compreende o sudeste paraense, e claro ver como essas relações são bem amigáveis. Na região com a necessidade de expansão e preciso construir uma arsenal territorial para a atividades agropecuária.
E na visita de campo tivemos a oportunidade de conhecer a fazenda taboquinhasituada no município de Marabá, Rod. PA 150 – Km 08, foi possível compreender um pouco mais sobre esse projeto que é o agronegócio na região sul e sudeste do estado do Pará. A fazenda Revemar como e popularmente conhecida, pois pertenci ao grupo Revemar tem 15.080 hectares, que estão divididos em área de reserva legal, área para plantio do eucalipto, área para plantio de milho e Mombaça, e orestante e pastagem.
Segundo o paulista José Francisco Diamantino, o rebanho paraense é muito bom e está crescendo em qualidade e quantidade.

REBANHO DA FAZENDA REVEMAR
“Os pecuaristas da região são todos competentes e tradicionais”, diz. “São, na sua maioria, de São Paulo, Paraná e Minas Gerais, trabalham muito bem a questão de sanidade e procuram a precocidade dos animais...” Diamantino usatecnologia de ponta: inseminação artificial, transferência de embriões, acasalamentos dirigidos e fecundação in vitro. Ainda novo, saiu de São Paulo, com os pais, para o Paraná. “Soubemos que o Incra estava abrindo a Transamazônica e estava doando lotes pequenos e vendendo lotes maiores, por meio de licitação”, conta. “Compramos as primeiras terras em Altamira e iniciamos a criação de gado há dez anos.”Depois, montaram uma concessionária de automóveis em Marabá. Foram crescendo, aumentando as terras e adquirindo tecnologia. “Copiamos o modelo de Benedito Mutran, um fazendeiro da região, pioneiro em embriões e acasalamento” (www.boletimpecuario.com).
Na fala do Rildo Caldeira ( técnico em agropecuária da fazenda Revemar) ele diz: “ A fazenda abastece o mercado local, estadual, nacional einternacional. A fazenda de Uberaba e o nosso filé miõm” “... trabalhamos com a pecuária seletiva e pecuária comercial e representa 85% do neroly no país e estamos entre as 05 maiores do Brasil.” ( entrevista informal 14/02/2013). Neste discurso e possível identificar como e centralizado o poder e a direção do interesse para ser sempre os melhores e maiores da região.
O agronegócio tem um carátercapitalista onde o que vale e apenas os números, no qual não e pensado em nenhum momento o lado social, econômico e ambiental da região. As estratégias do projeto e vinculado ao interesse do governo que na sua maioria e financiados pelo o grande latifúndio.
”... o ritmo do avanço das pastagens artificiais sobre áreas de florestas tem se mostrado preocupante. Ao mesmo tempo registra – se uma rápidadegradação dos pastos, sobretudo em regiões considerados ambientalmente frágeis, como é o caso da Floresta Amazônica, que já está sob pressão constante dos desmatamentos.
Não obstaremos tais constatações, verifica – se que, em relação ás agroestratégias, têm sido intensificadas medidas que objetivam remover obstáculos jurídico-formais e políticos-administrativos, que reservam áreas para fins de...
tracking img