Agortoxicos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2097 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CENTRO UNIVERSITÁRIO FUNDAÇÃO SANTO ANDRÉ

FACULDADE DE ENGENHARIA “ENGENHEIRO CELSO DANIEL” – FAENG



ALESSANDRA SILVA DURÃES

ARIADINA ARRAIS RIBEIRO

DEBORA MARTINS CAMPANHOLA

GUSTAVO HENRIQUE LUIZ











ESTUDO DE CASO DE CONTAMINAÇÃO HÍDRICA POR AGROTÓXICOS

















SANTO ANDRÉ

2012


ALESSANDRA SILVA DURÃES

ARIADINA ARRAIS RIBEIRO

DEBORA MARTINS CAMPANHOLA

GUSTAVOHENRIQUE LUIZ







ESTUDO DE CASO DE CONTAMINAÇÃO HÍDRICA POR AGROTÓXICOS







Trabalho apresentado como exigência parcial para atividade na disciplina de Laboratório de Saneamento em Engenharia Ambiental, à Faculdade de Engenharia Engenheiro Celso Daniel do Centro Universitário Fundação Santo André.


Orientadora: Profª. Me. Gabriela Sá Leitão de Mello.




















SANTOANDRÉ

2012



SUMÁRIO



1. INTRODUÇÃO 3



2. AGROTÓXICOS ESTUDADOS 4



3. ESTUDO DE CASO 5



4. ANÁLISE DOS DADOS COLETADOS 6



5. FORMAS DE REMEDIAÇÃO 8

1. Compostagem do solo 8

2. Fitorremediação 8

3. Bioestimulação 9

4. Bioaumentação 9



6. CONSIDERAÇÕES FINAIS 10



7. REFERÊNCIAS 111. INTRODUÇÃO

De acordo com FERNANDES NETO e SARCINELLI, 2009, o uso de agrotóxicos tem sido cada vez maior em nosso país, devido à prática da agricultura, trazendo dessa forma, muitas preocupações em relação aos danos causados por estes à saúde dos seres humanos e ao meio ambiente, principalmente à água. O padrão nacional de potabilidade da água tem seus limitesestabelecidos através da Portaria MS nº 2.914/2011 e indicam 27 tipos de agrotóxicos que são prejudiciais ao homem.
Desta forma, os impactos causados à água pelas atividades agrícolas devem ter as medidas preventivas ligadas simultaneamente com as atividades de monitoramento do local semestralmente conforme disposto no Art. 13, inciso V da Portaria MS n° 2.914/2011. Sendo estabelecido, no Brasil, omonitoramento das seguintes substâncias: 2,4D + 2,4,5 T, Alaclor, Aldicarbe + Aldicarbesulfona + Aldicarbesulfóxido, Aldrin + Dieldrin, Atrazina, Carbendazin + Benomil, Carbofurano, Clordano, Clorpirifós + clorpirifós – oxon, DDT + DDD + DDE, Diuron, Endosulfan (α, β e sais) , Endrin, Glifosato + AMPA, Lindano (gama HCH), Mancozebe, Metamidofós, Metolacloro, Molinato, Parationa Metílica,Pendimentalina, Permetrina, Profenofós, Simazina, Tebuconazol, Terbufós e Trifluralina.














2. AGROTÓXICOS ESTUDADOS

Atualmente existem várias classificações de tipos de agrotóxicos que podem ser a composição, evidenciando a base do mesmo, como no caso de agrotóxicos de composição inorgânica que possuem como base Arsênio, Ferro, Cádmio, entre outros. Portanto, assim como no estudo decaso, será focada a classificação a partir do tipo de praga a ser combatida. Segundo Mayara Lopes Cardoso (2011), neste tipo de classificação estão presentes:
• Bactericidas, são pesticidas usados no controle de bactérias nocivas ao plantio;
• Inseticidas, no controle de insetos;
• Herbicidas, no controle de ervas daninhas;
• Fungicidas, no controle de fungos;
•Acaricidas, no controle de ácaros;
• Entre outros.
No estudo de caso a ser apresentado destacam-se os herbicidas, quinclorac (Facet) e clomazone (Gamit), e os inseticidas, carbofuran (Furadan), fipronil (Standak) e betaciflutrina (Bulldock).
Segundo site norte americano, observa-se um grau elevado de toxicidade dos produtos químicos presentes nos agrotóxicos utilizados, gerandomorte de diversos reinos animais (PESTICIDEINFO, 2012).
Abaixo estão relacionados os produtos químicos e seus efeitos ecotoxicológicos.

Tabela 1. Efeitos Ecotoxicológicos de Agrotóxicos

|Agrotóxico |Efeito Ecotoxicológico |
|Quinclorac |Causa morte à peixes, crustáceos e zooplânctons....
tracking img