O trabalho do professor na construção do pensamento lógico matemático segundo jean peaget e constance kamii

Páginas: 8 (1885 palavras) Publicado: 29 de abril de 2013
O TRABALHO DO PROFESSOR NA CONSTRUÇÃO DO PENSAMENTO LÓGICO MATEMÁTICO SEGUNDO JEAN PEAGET E CONSTANCE KAMII Alexssandra Aparecida Valiente, Sara Cristina da Costa e Steffanny Dyanna Martello. e-mails:alexssandravaliente@hotmail.com; sar-acc@hotmailcom; steffannydy@hotmail.com Orientadora Ms. Maria Rita Sefrian de Souza Peinado e-mail:mritapss@hotmail.com Universidade Estadual do Oeste do Paraná/XSemana Acadêmica e VII Jornada de Estudos Pedagógicos do Curso de Pedagogia: o currículo e a avaliação na educação mundializada, PR. Grande área: Educação Sub-área: Educação Matemática Palavras-chave: Educação Matemática; Pensamento lógico-matemático, Estágio curricular. Resumo: O presente trabalho é o resultado da observação e posteriormente da docência realizada no terceiro ano do Magistério noColégio Estadual Barão do Rio Branco. Na graduação de Pedagogia forma-se o professor apto para atuar no cotidiano escolar, neste sentido o estágio durante a formação vai além da relação entre teoria e prática, segundo Pimenta e Lima (1990) a finalidade do estágio é propiciar ao aluno uma aproximação da realidade na qual atuará, sendo uma atividade teórica direcionada para o entendimento etransformação da realidade. O tema escolhido para nossa Docência foi a Matemática, por se tratar de um desafio pessoal, pois esta disciplina um tanto complexa é a de maior desinteresse entre as discentes do curso de pedagogia na Unioeste, e provavelmente a mais complexa para se ensinar como docente. Utilizamos como base de nossa pesquisa o livro A Criança e o Número da autora Constance Kamii, que expõe eexplica vários conceitos e métodos de Piaget e dela mesmos no intuito de ensinar matemática e incentivar o pensamento lógico matemático para as crianças de 4 a 7 anos. A docência foi realizada no dia 26 de setembro deste ano e contribuiu tanto para os alunos do magistério, que passaram a conhecer as teorias de Piaget e Kamii, quanto para nós que tivemos a oportunidade de experienciar a docênciano ensino médio. Introdução Kamii (1990) aborda os processos de construção do conceito de número, com o intuito de oferecer ao professor um auxilio na compreensão da lógica existente no erro cometido pelo aluno no processo de aprendizagem da matemática. Para Kamii (1990), o conceito de número não é inato, ou seja, não nascemos sabendo, e leva muitos anos para ser construído, e também não éadquirido através da linguagem. Isto explica porque as crianças com menos de cinco anos não conservam o número. Elas sabem contar mais não fazem inclusão de números apenas decoram certas sequências e assim por diante. O número é algo que cada ser humano constrói através da criação e coordenação de relações. Ao se deparar com situações cotidianas que as crianças vão desenvolvendo mentalmente a relação denúmero, por exemplo,

ao se deparar com objetos de tamanhos diferentes em quantidades diferentes vai desenvolvendo as relações de igual, diferente, mais menos e assim por diante. Piaget (apud Kamii 1990) estabelece uma distinção fundamental entre três tipos de conhecimentos: o conhecimento físico, o conhecimento lógicomatemático e o conhecimento social convencional. Conhecimento físico éadquirido pela observação, conhecimento de objetos da realidade externa, como a cor e o peso de determinado objeto. Já o conhecimento lógicomatemático envolve a construção de relações entre os objetos, o qual leva vários anos para ser construído, acontece gradualmente por partes e não pode ser ensinado diretamente, pois a criança tem que construí-lo por si só. O conhecimento social, que é aqueletransmitido de pai para filho que se prende na maioria das vezes em mera decoreba, o contar da criança pequena um, dois, três, quatro são exemplos de conhecimento social. Constance Kamii cita as fases de desenvolvimento das crianças em vários níveis do pensamento matemático, sendo eles nível 0, nível 1, nível 2 e nível 3. As crianças de nível zero - 0 a 4 anos e meio – São muito pequenas e não possuem...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Pensamento lógico- matemático
  • A criança e o pensamento lógico matemático
  • Texto Pensamento Logico Matematico
  • A CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO LÓGICO – MATEMÁTICO
  • A IMPORTÂNCIA DO DESENVOLVIMENTO DA AUTONOMIA DA CRIANÇA NO PROCESSO DE CONSTRUÇÃO DO PENSAMENTO...
  • Construção do´pensamento lógico
  • Pensamento logico matematico dificuldades de aprendizagem
  • O pensamento pré logico e conhecimento lógico matemático

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!