O Sindicalismo no Mundo

Páginas: 20 (4884 palavras) Publicado: 18 de setembro de 2014
A organização sindical internacional
Sebastião Soares

A organização sindical do mundo do trabalho passou por mudanças importantes nos últimos anos no plano internacional, com o desaparecimento da Confederação Mundial do Trabalho – CMT e da Confederação Internacional de Organizações Sindicais Livres- CIOSL para criação da Central Sindical Internacional-CSI, em novembro de 2006, com a hegemoniainterna do tradeunionismo norte-americano, a social democracia europeia e a democracia cristã, através da CMT que tem representação mínima e já estava em fase terminal.
Com este novo arranjo, o movimento sindical internacional se organiza em apenas duas grandes centrais sindicais mundiais, a Central Sindical Internacional-CSI, com elevado poder financeiro, pois, diz representar 166 milhões detrabalhadores em 156 países, através de mais de 300 entidades sindicais nacionais filiadas; e a Federação Sindical Mundial-FSM, que perdeu bases importantes com a falência da União Soviética e o desmonte do bloco dos países do socialismo real. Nos últimos anos a FSM conseguiu se reerguer, apesar das limitações que ainda enfrenta. Antes da fundação da CSI foram realizados os congressos de dissoluçãoda CIOSL e da CMT, com resistências internas entre correntes da democrata-cristã que denunciavam a fusão como um desastre para a CMT que perderia a sua fisionomia uma vez que seria absorvida pela CIOSL no âmbito da nova entidade criada.
Esse processo ocorreu em um momento de grande debilidade por parte do movimento sindical internacional, dado que a crise mundial do capitalismo e as políticasde arrocho sobre o trabalho com as práticas neoliberais produziram consequências e debilitaram tanto a CMT quanto a CIOSL, com a queda permanente das taxas de sindicalização, especialmente na Europa; a perda de poder de negociação dos sindicatos, que não conseguem conter a ofensiva do capital sobre os direitos do trabalho; a redução da influência do movimento sindical, que perde credibilidade nasociedade e capacidade de intervenção política; na difícil incorporação de jovens, mulheres, trabalhadores precarizados e informais na vida sindical. Essa debilidade decorre, também, da excessiva fragmentação da organização sindical, uma situação para qual as práticas divisionistas da CIOSL e da CMT contribuíram fortemente. Nessa perspectiva, a criação da CSI teria uma função positiva aofortalecer a unidade.
O enfraquecimento das entidades sindicais da classe trabalhadora, com as crescentes dificuldades para obter aumento real de salario, aumentar as taxas de sindicalização e ampliar a participação nos sindicatos, segundo estudos da OIT, passam pela descrença de trabalhadores e trabalhadoras na capacidade das organizações sindicais em alterar o quadro de exploração do trabalho,instalando o pessimismo quanto sobre a eficácia dos sindicatos. Mesmo nas negociações que resultaram em aumentos salariais, as reclamações permanecem, pois, as entidades sindicais negociam reajustes à custa da deterioração das condições de trabalho.
A postura exclusivamente economicista da maioria das organizações do movimento sindical, desconhecendo o conteúdo político da crise mundial do capital, levaao isolamento das entidades sindicais que não participam das lutas gerais por mudanças no modelo econômico neoliberal. As questões relativas a salário, garantia de emprego e condições de trabalho decentes dependem, muito, da inserção política do movimento sindical, atuando em conjunto com partidos democráticos e outras forças da sociedade que sofrem os impactos das políticas neoliberais. Isolado,o movimento sindical não consegue articular uma resistência capaz de impedir os retrocessos nas perdas de direitos sociais e trabalhistas. Esta situação persiste e o aprofundamento da crise na Europa concorre para a vulnerabilidade dos sindicatos, mesmo depois da criação da CSI cuja atuação sindical tem se limitado às velhas práticas burocráticas ainda contaminadas pela pregação anticomunista....
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Sindicalismo no Brasil e no mundo
  • SINDICALISMO NO BRASIL E O MUNDO DO TRABALHO
  • Sindicalismo
  • sindicalismo
  • sindicalismo
  • sindicalismo
  • sindicalismo
  • Sindicalismo

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!