O SETOR DE CORTE NA INDÚSTRIA DE CONFECÇÃO

Páginas: 9 (2172 palavras) Publicado: 20 de setembro de 2014
CENTRO UNIVERSITÁRIO DE MARINGÁ - UNICESUMAR













O SETOR DE CORTE NA INDÚSTRIA DE CONFECÇÃO















MARINGÁ
2014















O SETOR DE CORTE NA INDÚSTRIA DE CONFECÇÃO












MARINGÁ
2014




SUMÁRIO

O SETORDE CORTE NA CONFECÇÃO 4
ESPAÇO FÍSICO 4
ARMAZENAMENTO E CUIDADOS COM OS TECIDOS 4
TIPOS EMÉTODOS DE ENCAIXE 7
Método de encaixe 7
Tipos de Encaixe 8
TIPOS E MÉTODOS E ENFESTO 9
Métodos de enfesto 9
Tipos de enfesto 10
TIPOS E MÉTODOS DE CORTE 10
Métodos de corte 11
SEPARAÇÃO DAS PEÇAS CORTADAS 15
REFERÊNCIAS 16




















1. O SETORDE CORTE NA CONFECÇÃO
Segundo Robmark,2014
O setor de corte é uma das principais etapas do processo produtivo,dentro da área industrial da confecção e um dos responsáveis direto pela transformação da matéria-prima, fazendo dele um setor de extrema importância, a ponto de colocar em risco todo o processo produtivo, quando mal planejado ou executado, causando sérios prejuízos à empresa.

Suas etapas são; encaixe; risco; enfesto;corte; preparação;


1.1. ESPAÇO FÍSICO


O espaço físico necessário parao setor de corte deve conter: Espaço para o armazenamento dos tecidos, que segue de acordo com o estoque da empresa e o espaço para a mesa de corte. Cortesconfeccao,2014 diz:
A mesa de corte deve estar dimensionada para trabalhar com, no mínimo, três pilhas de enfesto:uma pilha em processo de enfesto;a segunda pilha em processo de corte;a terceira aguardando para ser cortada.
O comprimento damesa de corte deve ser proporcional ao tamanho médio dos produtos e da grade que você corta. Por exemplo, se sua empresa produz sobretudos com 1,20 m de consumo médio e grade de três tamanhos (P, M, G), cada enfesto terá comprimento médio de 3,60 m e a mesa deve possuir, no mínimo, um comprimento de 9,80 m. A altura deve ser em torno de 1 m. A largura deve ser projetada pelo tipo de tecido que vocêutilizará, deixando uma folga de 20 cm para apoio da máquina de corte. É importante que a largura comporte o tecido aberto, pois o corte em tecido enfestado ou dobrado normalmente aumenta o consumo.

1.2. ARMAZENAMENTO E CUIDADOS COM OS TECIDOS



O cuidado com o tecido na é determinante na manutenção da qualidade alcançada durante o tecer. Estocar de qualquer forma pode marcar o tecido,criar rugas eternas chamadas de quebraduras, desalinhar ourelas,alterar cores, entre outros problemas.
A estocagem em fogueira ocupa pouco espaço, mas prejudica terrivelmente otecido,desenvolvendo marcas que não poderão ser retiradas na confecção,além do excesso de luz que atinge o material e que poderá alterar a cor irreversivelmente

Exemplo de estocagem errada

Outro método errado dearmazenar é colocar os tecidos “em pé”. Esse método pode quebrar o elastano em malhas ou tecidos planos além de causar rugas.

Exemplos de estocagem errada

O armazenamento adequado deve ser feito em local seco e sem incidência direta deluz solar. Os rolos de tecidos devem ficar sobre paletes que os isolam de sujeiras e umidade do chão.O isolamento dos tecidos em relação à poeira e à umidade é desuma importância, pois os microorganismos, como fungos e bactérias, se alimentam de fibras,desenvolvem manchas e odores que desvalorizam a beleza dos tecidos.Cuidado ao encostar os tecidos junto a paredes que podem gerar umidadee que não permitam a visualização do problema pela obstrução do tecido, bem como não encostar em paredes que se aquecem excessivamentedevido à insolação contínua.

A formacorreta de empilhamento dosrolos de tecidos é em paralelo e comapoio lateral total.A altura máxima da pilha deve serde 1,20m.
O estoque de rolos de tecidos com o avesso enrolado para o lado externodo rolo garante um pouco mais de proteção a sujidades e ao ataque da luz.
No armazenamento de tecidos com grande largura, por exemplo de 3m, osmesmos devem ser enrolados na largura total em aberto...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Setor de Corte na Indústria de Confecção
  • SETOR DE CONFECÇÃO
  • expansão das exportações da indústria têxtil e de confecção. O setor tem hoje 3,5% do PIB total
  • PROJETO DE INDÚSTRIA DE CONFECÇÃO DE FARDAMENTOS
  • Estudo da produção de uma industria de confecção
  • Lean na industria de confecção
  • Os profissionais da área do setor de corte
  • Implantação de Leiaute Celular em Indústria de Confecção

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!