O que é filosofia - senso comum - ideologia - mito -ciencia e filosofia

Páginas: 12 (2980 palavras) Publicado: 16 de abril de 2013
FILOSOFIA

SIGNIFICADO DA PALAVRA FILOSOFIA
A palavra filosofia é formada de dois termos gregos: filos (amigo) e sofia (sabedoria). O sentido da junção dos dois radicais seria o de que o filósofo não é um detentor de todo o saber, mas um pretendente à sabedoria. A primeira vez que esta palavra aparece é sob a forma verbal “filosofar”, em Heródoto, com o significado de “esforçar-se poradquirir novos conhecimentos”.
De acordo com Cícero, fora Pitágoras o criador do vocábulo. “Quando o príncipe Leonte”, comenta ele, “perguntou a Pitágoras em que arte era versado, respondeu-lhe que em nenhuma Era um filósofo, isto é, um estudioso e amigo da sabedoria, um filós-sofós”. No tempo dos sofistas e de Sócrates, a palavra filosofia era empregada para designar o cultivo sistemático de qualquerconhecimento teórico.

O QUE É FILOSOFIA
Há muitas definições de filosofia, conforme o sistema ou o ponto de vista que se adote. Contudo, objetivamente deve-se convir: primeiro, que o objeto da filosofia não pode coincidir com os das ciências positivas e, segundo, que o seu método de tratar objetos coincidentemente com as ciências é diverso do método científico. A filosofia, pois, se reduz aoestudo de certos problemas relativos ao conhecimento e relativos à ação, que não pertencem atualmente a nenhuma ciência positiva. A filosofia, da mesma forma, encara problemas científicos, morais e religiosos a partir de um ponto de vista ou perspectiva diferentes. Todos esses problemas levantam dúvidas importantes, que só podem ser respondidas pela filosofia.
Costuma-se perguntar se se sabeisto ou aquilo, mas não se pergunta o que é o ‘saber’. Analisar os fundamentos ou pressupostos do saber e da ação é tarefa da filosofia. A filosofia, como argumento, é fundamentalmente uma atitude crítica e reflexiva em face do conhecimento e das ações. Pode-se defini-la como uma reflexão sistemática e crítica sobre as normas e os fundamentos da ação e do conhecimento.
A reflexão filosófica oravisa às relações de valor e de verdade do ato do conhecimento, ora visa à natureza lógica deste ato. Pode-se dizer que a reflexão filosófica faz com que o problema surja do sujeito; vai buscá-lo no sujeito, esclarecendo suas implicações. Pode-se igualmente dizer que a filosofia é filha da reflexão, enquanto as ciências o são da atenção.

COMO E ONDE SURGIU A FILOSOFIA
A humanidade, no seu lentoe progressivo desenvolvimento, evoluiu do pensamento mítico para o racional, o que se verificou entre 800 e 500 a. C., período que se pode chamar de tempo-eixo. O pensamento racional apareceu como filosofia, assim como o pensamento anterior se cristalizou em forma de mito. A história da filosofia se confunde, por isso, com a própria história da razão humana. Haveria na história do pensamentohumano um período mítico ou pré-racional e um período racional que se desenvolveu primeiramente em filosofia e posteriormente em ciência. Na fase mítica a razão estava de certo modo alienada, isto é, presa às forças ocultas e divinas, aos reflexos do meio, ao animismo, ao fetichismo etc. Somente quando se desprendeu de todos estes liames, é que pôde exercitar-se livremente.
O aumento da população, nomundo antigo, determinou por volta do VIII milênio a. C., nos vales férteis dos grandes rios históricos, como o Nilo, o Ganges, o Tibre, o Eufrates, o rio Amarelo, um novo modo de vida, onde os contatos sociais eram mais intensos e a vida se organizava em estruturas econômico-político-sociais novas e artificiais. Essas novas estruturas sociais que se estratificaram em cidades, reinos e impériosse regiam por leis. Sofriam assim, o impacto de uma nova mecânica social. O homem, então liberto do contato direto com a natureza, teve a oportunidade de desenvolver sua inteligência e de criar explicações. Para as novas explicações, recorreu simplesmente às forças racionais de sua mente.
A filosofia principiou na Índia como uma meditação racional sobre o destino transcendente do homem. Havia...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Senso Comum, Mito e Filosofia
  • Senso comum, mito e filosofia
  • Mito, Filosofia e Senso Comum
  • Mito Senso Comum e Filosofia
  • A Filosofia/A ciência/O senso comum
  • Ideologia, senso comum e função da filosofia
  • Filosofia
  • Formas do conhecimento: mito e religião, senso comum, filosofia, ciência e arte

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!