O nascimento da filosofia

Páginas: 8 (1976 palavras) Publicado: 8 de maio de 2015
O nascimento da filosofia
O ser humano sempre sentiu necessidade de entender o mundo e suas manifestações. Se, até determinado momento, o mito era a explicação suficiente, o a evolução natural passou a não mais responder aos anseios de entendimento do homem. Como se deu essa passagem? Na Grécia Antiga, a explicação religiosa de mundo (por nós chamada de mito) declina quando os primeiros sábiospõem em discussão a ordem humana e a traduzem em fórmulas acessíveis à inteligência dos homens. Mas por que e como isso acontece?
Mito é o conjunto de explicações reunidas em narrativas que buscam dar um sentido à realidade. Hoje parece fácil, mas há cerca de 30 séculos, entender o que está por trás dos fenômenos meteorológicos, por exemplo, não era nada óbvio. O mito é sempre uma explicaçãosimbólica em todos os povos. O mito grego tem uma especificidade: possui alegorias inteligentes e razoáveis.
A função da religião
De acordo com o filósofo inglês Bertrand Russel, no caso das outras civilizações ancestrais, “a função da religião não conduziu ao exercício da aventura intelectual” e por isso só a grega fez escola. Nelas imperava uma grandepreocupação com a vida após a morte. Esse é um dosingredientes da especificidade grega: ela não é mística e isso parece ter favorecido o aparecimento do pensamento inquisitivo, ou seja, a filosofia.
Ela não tem dogma, textos sagrados nem devoção. “As práticas religiosas dos gregos eram, em geral, ligadas aos costumes estabelecidos nas várias cidades-estados”, continua o filósofo. A religião grega é, na verdade, política. Isso equivale a dizer que oque mantinha as pessoas unidas eram seus interesses comuns, com um arcabouço de alegorias que simbolizava determinados valores. Isso é completamente diferente de uma religião na qual o que une as pessoas é uma crença compartilhada e não os costumes estabelecidos, principalmente se essa crença tiver a pretensão de ser estatuto de verdade.
Nova interpretação
Um significativo número de elementos jáestá presente no mito e no espírito do homem pré-filosófico. A religião grega foi uma preparação para o pensamento racional que incorporou muitos deles. Já existia no discurso mítico a relação de pares opostos a se misturar e gerar novas formas de vida, como o céu quente e brilhante, a terra seca e o mar úmido etc. O que muda é a abordagem e a forma que o discurso assume. Como o pensamentoracional resume-se à desmistificação, ele só deseja mostrar a tranquilizadora banalidade dos fenômenos.
Um dos aspectos que fazem a mitologia grega ser especial é que seus deuses são antropomórficos e movidos por paixões. Não são nem monstruosos, nem vagos espíritos. Até porque no pensamento grego, o mundo é que cria os deuses e não o contrário. Essa é a razão pela qual suas histórias têm papel garantidoaté hoje no imaginário ocidental e são nossa base cultural.
À imagem e semelhança do humano
O pensamento racional é espelho da atitude de um povo que fez a travessia de doze séculos de transição entre a vida com a figura central do monarca e uma sociedade que precisava cuidar de si mesma. Com o desaparecimento dessa entidade considerada divina, os homens tomaram consciência de um presenteseparado do passado e diferente dele. O homem sabe que esse tempo não voltará. Entende também que está sozinho e que terá de encontrar as próprias soluções e saídas. A filosofia nascente é uma primeira forma de sabedoria humana.
A interpretação astrológica do mundo e a resolução de problemas passam a ser colocadas em novos termos. Como o rei já não centraliza todos os poderes, a fragmentação das funçõesna cidade gera problemas de equilíbrio. Não existe hoje a figura que denominamos social e que encarna todas as virtudes. As atividades humanas que se opunham e eram integradas pela figura do soberano perderam essa unidade que as representa. Será preciso encontrar outra e descobrir o que permanece, apesar de todas as mudanças (o princípio regulador). Como é possível aparecer algo tão novo e tão...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • O nascimento da Filosofia
  • O nascimento da filosofia
  • nascimento da filosofia
  • O Nascimento da Filosofia
  • O Nascimento da Filosofia
  • O nascimento da filosofia
  • O nascimento da filosofia
  • Nascimento da filosofia

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!