O medo de mimar o bebê

Páginas: 2 (324 palavras) Publicado: 27 de março de 2012
O medo de mimar o bebê
Autora: Adriana Tavares, psicoterapeuta
Publicado em: Revista CLAUDIA fevereiro de 2003

O texto traz as aflições das mamães de primeira viagem,que possuem o medo de mimar os pequenos “toda mãe fica aflita quando vê o bebê chorando e logo corre para acolhê-lo”. Mas isso é um medo desnecessário, pois o bebê se encontranuma fase da adaptação fora do útero devido ao fato de ter que fazer tarefas pelo seu corpo, com a ajuda de um adulto.
O adulto também se encontra numa fase de adaptação, poisprecisa conhecer o bebê, saber do ele precisa conhecer os tipos de choro, enfim, “à medida que os pais vão conhecendo o bebê, passam a entender o que esta sentindo. Aos poucospor tentativa e erro, descobrem a melhor forma de acalmá-lo”. Descobrindo do que o bebê precisa não é uma forma de mimar, mas sim de ajudá-lo, e isso não fará com que ele parasempre de chorar quando receber sua ajuda.
Não há a necessidade de pensar que esta mimando seu filho nesta fase, pois o mesmo não possui ainda um raciocínio que fará com quese torne um bebê mimado, mas sim fará com ele se sinta seguro e controla suas emoções e isso também fará com ele mais tarde possa se controlar sozinho, se você não atender aochoro ele se tornará um bebê ansioso.
Toda a atenção, carinho, amor e afeto que é dado ao seu filho nesta fase o tornarão uma criança independente e menos exigente quandoatingir um ano a dois anos de idade (segundo o que diz algumas pesquisas) passa também a sentir mais confiança em si e nas pessoas que estão ao seu redor, sentindo-se seguro porter ao seu lado um mundo acolhedor e bondoso.
Concluindo, “fique tranqüila e aproveite essa fase de conhecimento mútuo e de emoções intensas com seu filho juntinho de você”.
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Bebe
  • bebe
  • Bebe
  • bebes
  • Medo
  • O medo
  • Medo
  • Bebes

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!