O Estrageiro de Albert Camus

Páginas: 3 (705 palavras) Publicado: 4 de setembro de 2014
No livro “O Estrangeiro”, de Albert Camus, o personagem principal, Meursault, acaba sendo preso. Após sua prisão, Meursault é interrogado diversas vezes antes de seu julgamento e uma dessas vezesele é interrogado pelo juiz de instrução, ou, vulgarmente conhecido como Capelão. O capelão acaba tendo sua opinião influenciada por sua moral cristã, pois ele não aceita que Meursault seja ateu, já queo capelão é intolerante a outras religiões ou a falta dela. Logo há um conflito ético e jurídico no livro, fazendo com que a situação de Meursault piore.
Durante a interrogação, o Capelão pergunta aMeursault se ele acredita em Deus e, obviamente, Meursault diz que não acredita em Deus. O Capelão fica pasmo e abismado com a resposta de Meursault, pois, além de intolerante, o Capelão é fortementeligado ao Catolicismo e ao ver um ser humano ateu, foi inaceitável para o Capelão. Logo após esta descoberta, Capelão tenta converter Meursault, pois de acordo com ele, não há homem suficientementeculpado para Deus, desde que, haja uma redenção sublime ao senhor divino, mas, Meursault não aceita que deus exista. Esta trama do Capelão tentando converter Meursault continua em todos os encontrosentre eles, e como de habitual, Meursault não aceita converter-se ao catolicismo, logo Meursault ganhou um apelido cordial e afetivo do Capelão, Sr. Anticristo, evidenciando que a única religiãopermitida e, inclusive aplicada no Estado, naquela época era o catolicismo sem aceitar qualquer outra crença.
No entanto temos que pensar que a moral nem sempre se baseia na religião, pois moral é umcompêndio de regras adquiridas através da cultura, educação, leis, tradições que orientam o comportamento humano dentro de uma sociedade, logo no caso de um Estado, a moral que deve prevalecer é a moralbaseada em leis que atuam dentro do limite do Estado.
Além disso, a moral não deve se unir a religião, pois como já foi mostrado ao passar do tempo, quando a religião se difunde a qualquer outra...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Albert Camus
  • Albert Camus
  • Albert Camus
  • Albert camus
  • Pesquisa albert camus
  • O mito de sísifo em albert camus
  • SENTENÇA
  • OBRA DE ALBERT CAMUS

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!