O colapso da civilização

Páginas: 323 (80567 palavras) Publicado: 1 de outubro de 2012
Robert Kurz O COLAPSO DA MODERNIZAÇÃO
Da derrocada do socialismo de caserna à crise da economia mundial

ÍNDICE:
Um livro audacioso (Robert Schwarz; 1992) Lógica e Ethos da Sociedade de Trabalho - (Robert Kurz; 1991) Estatismo e Monetarismo no Processo Histórico da Modernidade - (Robert Kurz; 1991) A Economia de Guerra Alemã e o Socialismo Estatal - (Robert Kurz; 1991) Concorrência eEmancipação - (Robert Kurz; 1991) O Dilema Estrutural dos Mercados Planejados - (Robert Kurz; 1991) Crise e Colapso da Economia de Comando - (Robert Kurz; 1991) O Olhar Fixado no Ocidente: caindo do fogo na brasa - (Robert Kurz; 1991) O Fracasso da Modernização - Robert Kurz; 1991 A Crise do Sistema Mundial Produtor de Mercadorias - (Robert Kurz; 1991) A Superação da Crise e "Utopia" (Robert Kurz; 1991)Pequeno Glossário (Robert Kurz; 1991) Bibliografia - (Robert Kurz; 1991)

UM LIVRO AUDACIOSO *
Como entender a derrocada dos países socialistas? Embora chegasse de surpresa, ela deu lugar a mais certezas do que duvidas, e pareceu de fácil compreensão. Segundo a voz geral trata-se: a) da vitória do capitalismo, e b) da refutação do prognóstico histórico de Marx; ou ainda, da derrota do estatismopelas sociedades de mercado. Pois bem, para desmanchar a unanimidade acaba de sair na Alemanha um livro inteligente e incisivo, de Robert Kurz, que arrisca uma leitura inesperada dos fatos. A mencionada débâcle representaria, nada menos e pelo contrário, o início da crise do próprio sistema capitalista, bem como a confirmação do argumento básico de O capital. O leitor escaldado dirá que o papelaceita tudo, até sofismas como os supracitados. Acaso será sinal de crise triunfar sobre o adversário? A derrota do socialismo não está a vista de todos? As sociedades ex-socialistas não reconhecem elas mesmas a superioridade da economia de mercado, cujos mecanismos procuram assimilar avidamente, a despeito de Marx? Os reservatórios de mão-de-obra e os mercados potenciais do Leste não ampliam oespaço do capital? O livro não desconhece essa ordem de fatos, que no entanto considera noutra perspectiva. Em lugar de contrapor modelos abstratos de sociedade - capitalista vs. socialista, democrático vs. totalitário, concorrencialvs. estatista, burguês vs. proletário etc. - trata de conceber em movimento e no conjunto a história do sistema mundial de produção de mercadorias. A esta luz o desempenhodaqueles termos opostos se redimensiona, deixando ver um panorama surpreendente, de verossimilhança perturbadora. Isso posto, devo dizer que não sou especialista na matéria, e que me animei a resumir os raciocínios de Kurz pelo seu impacto critico: evidenciam a caricata falta de horizonte em que o deslumbramento com o mercado vem encerrando a nossa intelligentzia. O ponto de partida é conhecido detodos. A competição econômica força as empresas a buscarem a eficácia, revolucionando o trabalho, a técnica, os produtos, que adiante voltam a competir e a ser revolucionados, e assim por diante. Noutras palavras, está na Iógica da produção de mercadorias obrigar ao desenvolvimento das forças produtivas. Algum tempo depois da Segunda Guerra Mundial esse processo, que acompanha o capitalismo desdeo começo, alcançou um patamar decisivo, cujas conseqüências determinam a história contemporânea. O dado crucial está no casamento, sob regime mercantil, entre a investigação científica e o processo produtivo. A ligação foi dinamizada a fundo pelas condições de mercado mundializado que a Pax Americana sustentou, as quais abriram possibilidades inéditas à velha concorrência entre capitais. É sabidoigualmente que esses passos, com destaque para o aproveitamento da microeletrônica e dos computadores, não puderam ser acompanhados pelos países socialistas. A partir daí a distância entre os dois blocos cresce, e empurra os perdedores para o colapso (reunindo-os aliás a boa parte do Terceiro Mundo desenvolvimentista, forçado a entregar os pontos dez anos mais cedo). Concebida nos termos da...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Colapsos
  • Colapso
  • colapso
  • Civilizaçao
  • Civilização
  • Civilização
  • civilização
  • Civilização

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!