O barroco

Páginas: 5 (1001 palavras) Publicado: 8 de abril de 2014
Barroco
O Barroco ( Seiscentismo)
A corrente literária barroca surgiu no final do século XVI e início do século XVII, e tinha como sua vertente principal os contrastes as oposições e os dilemas.
No barroco o homem buscava incessantemente pela salvação, mas também desejava usufruir dos prazeres mundanos, os conflitos eram presentes em todo o período, o homem deseja se valorizar, mas estava emfrequente conflito com que essa valorização, sendo a questão do Antropocentrismo ( o homem no centro) verso a questão do Teocentrismo ( Deus no centro)poderia causar.
Outra característica do barroco era a ambiguidade, além disso, a figura de linguagem como a sinestesia, o paradoxo e a antítese.
Essa presença de antítese fazia do barroco uma corrente com suas características bem contrastantes, oque antes no período do Renascimento era preponderante a lei da simetria, no barroco a dissensão entre a luz e a sombra.
Na literatura barroca podemos citar os seus principais representantes brasileiros, Bento Teixeira ( 1561-1600), com sua poesia épica intitulada “Prosopopeia”, publicada em Lisboa em 1601, essa poesia por algum tempo foi tida como a primeira poesia impressa brasileira, porémdescobriu-se posteriormente que Bento Teixeira era natural da cidade do Porto em Portugal, Prosopopeia foi influenciada pelas obras camonianas ( ha semelhanças com Os Lusíadas de Camões), o narrador era Proteu, e foi composta para com o intuito laudativo a D. Jorge de Albuquerque Coelho, donatário das Capitanias de Pernambuco, foi escrita com 94 estrofes, outro autor foi Manuel Botelho de Oliveira (1636-1711), com sua coletânea de poemas intituladas “ Música do Parnaso”, publicada em Lisboa em 1705, como destaque nesses poemas têm “A Ilha da Maré”, onde o autor dedicava os sonetos a sua amada Anarda sua musa inspiradora soberana, Botelho foi o primeiro autor brasileiro a ter um livro publicado, seus poemas eram compostos por quatro coros de rimas – portuguesas, castelhanas, italianas elatinas, o Frei Manoel de Santa Itaparica (1704-? ), que escreveu uma epopéia sacra e tragicômica poema sacro sobre a vida de Santo Eustaquio, intitulada “Eustáquidos”, onde havia a descrição hiperbólica das paisagem brasileiras em” Descrição da Cidade da Ilha de Itaparica”, e Gregório de Matos Guerra ( 1633-1693), apelidado por boca do inferno por usar uma linguagem acida, por criticar pessoas einstituições da sua época, foi o mais importante poeta do Barroco braseiro, assim como o barroco era caracterizado por sua antítese o poeta Gregório de Matos não teve nenhuma de suas obras publicadas em vida, permanecendo inédita até o século XX quando Afrânio Peixoto a reuniu em seis volumes, publicados no Rio de Janeiro, pela Academia Brasileira de Letras, entre 1923 e 1933,: I. Poesia Sacra;II. Poesia Lírica; III. Poesia Graciosa; IV. e V. Poesia Satírica e VI. Últimas.


Padre Antonio Vieira( 1608- 1697) pertencente tanto a literatura brasileira quanto a portuguesa, a mais vasta obra da corrente barroca, contendo profecias sendo três obras: História do futuro, Esperanças de Portugal e Clavis prophetarum.Cartas sendo cerca de 500 cartas, que tratavam de assuntos sobre a relação dePortugal e Holanda, a Inquisição e os cristãos-novos e sermões aproximadamente 200, com estilo barroco conceptista, que tratava o assunto de maneira racional, foi o maior pregador do seu tempo, defendendo negros, índios e cristãos novos( judeus convertidos), e por defender os cristãos novos foi perseguido e condenado por dois anos a ficar numa casa jesuíta e proibido de pregar, exilado por D.Pedro, regressou ao Brasil em 1681.
O amor e a razão
Pinta-se o amor sempre menino porque ainda que passe dos sete anos [...] nunca chega à idade
da razão. Usar de razão e amar são duas coisas que não se juntam. A alma de um menino, que vem a
ser? Uma vontade com afetos e um entendimento sem uso. Tal é o amor vulgar. Tudo conquista o amor
quando conquista uma alma; porém o primeiro rendido é...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Barroco
  • Barroco
  • BARROCO
  • barroco
  • barroco
  • Barroco
  • Barroco
  • Barroco

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!