a revolução de 64 segundo professor da USP

Páginas: 6 (1431 palavras) Publicado: 12 de maio de 2014
Recordo o Passado.
Em 31 de Março de 1964, uma terça-feira, eu era um jovem, com dezessete anos de idade, estudante do Primeiro Ano do Curso Clássico do Colégio Dante Alighieri, em São Paulo/SP onde eu nasci em 17 de dezembro 1946.
Durante a minha infância/adolescência, consolidei em silêncio minha opção íntima pelo seguinte perfil de personalidade, em ordem alfabética: a) aristocratismo; b)burguesismo; c) capitalismo; d) direitismo; e) euro-brasilidade; f ) família; g) individualismo; h) liberalismo; i) música erudita; j) pan-americanismo; k) propriedade privada; i) tradição judaico-cristã. Nos tempos atuais, mantenho em meu íntimo, de modo pétreo, as doze opções de minha infância/adolescência. Todos os meus pensamentos, sentidos,decisões e atividade, ao longo dos meu 67 (sessenta esete) anos de vida, consistiram em desdobramento das referidas opções.
Em consequência, considerei a realidade brasileira e mundial, em 1964, e humildemente apoiei, em silêncio firme, a Revolução de 31 de março de 1964, no Brasil, a decisão íntima de que sempre me orgulhei! Vários livros e artigos, de minha autoria, publicado em 1973 até os dias atuais, comprovam minha mentalidade e meu apoio àrevolução de 1964.
A seguir, considero o passado, o presente e o futuro, em busca de conclusão.
Em 1964, o Planeta Terra e a Humanidade inteira encontravam-se ainda envolvidos no do conflito Leste\Oeste, a "Guerra Fria", antagonismo absoluto entre o Capitalismo Direitista/Liberal e o Socialismo/Comunismo Esquerdista-Totalitário. Meio século atrás, o Capitalismo Direitista/Liberal estavapersonificado nos Estados Unidos da América e sua área de influência mundial; o Socialismo/Comunismo Esqurdista-Totalitário remanescia incorporado na União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS) e seus Países satélites, extintos em 1991. Em 1964, a intenção do Socialismo/Comunismo Esquerdista-Totalitário ainda consista em fazer do Planeta Terra e da Humanidade inteira um Planeta Vermelho e umaHumanidade Vermelha, sob enfoque ideológico!
Realce máximo merece a evidência histórica, comprovada, de que o Holocausto Vermelho, efetuando durante o século passado pelo Socialismo/Comunismo Esquésita- Totalitário, trucidou dez a quinze vezes mais seres humanos do que o celebre Holocausto Nazi-Fascista, encerrado em 1945! Recomenda-se aos interessados a leitura de seguinte obra: O LIVRO NEGRO DOCOMUNISMO (Crimes, Terror e Repressão), de Stéphane Courtois et alia, trad. de Caio Meira, várias edições, Rio de Janeiro, Bertrand Brasil, 924 págs. Esse livro documenta a mais pavorosa vergonha da História da Humanidade, assim como o mais completo fracasso de uma ideologia, em todos os tempos! A História informa que as tiranias vermelhas terminaram afogadas num Holocausto de sangue e corrupção total!Em 1964, o Socialismo/Comunismo Esquerdista-Totalitário almejava apoderar-se totalmente do Brasil, mediante luta armada a subversão de todas a instituições públicas e privadas daquela época. E quase conseguiu!... Em 1964, uma minoria secreta de brasileiros/as, com alma vermelha, quase transformou o Brasil em um Partido único, Poder único, fronteiras fechadas, fuzilamentos em massa, torturas edestruição das liberdades publicas e privadas, especialmente de liberdade de pensamento e expressão, com aniquilamento de personativismo individualístico!
Porém, em 31 de Março de 1964 eclodiu, no Brasil, uma Contra-Revolução, apoiada pela maioria do Povo Brasileiro: foi então desarticulada e destruída a Revolução Vermelha. Em verdade, a Revolução de 31 de março de 1964 consistiu na preservação daconsolidação histórica do perfil brasileiro, assentado em nosso País desde 1500 (Descobrimento do Brasil). Foi uma verdadeira revolução apenas no sentido etimológico de retorno de um corpo ao ponto de partida.
Em 1964, o Brasil ainda era um País subdesenvolvido, fragmentário, incipiente, poroso a qualquer aventureirismo ideológico, vulnerável à colossal influência vermelha da extinta URSS e...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Revolução de 64
  • Revolução de 64
  • Revolução de 64 e o capitalismo dos vencedores.
  • A formação do professor segundo Platão
  • Mitologia grega segundo o professor
  • Formação do professor segundo o PPP
  • Formação dos professores segundo piaget
  • Relação professor-aluno segundo piaget

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!