A PROTEÇÃO DO MÍNIMO EXISTENCIAL COMO LIMITE À PROGRESSIVIDADE FISCAL DO IPTU

1359 palavras 6 páginas
UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA – UFU
FACULDADE DE DIREITO “PROF. JACY DE ASSIS”
DÉBORA MONTEIRO SPIRANDELI

PROJETO DE MONOGRAFIA
A PROTEÇÃO DO MÍNIMO EXISTENCIAL COMO LIMITE À PROGRESSIVIDADE FISCAL DO IPTU

UBERLÂNDIA
2014
UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA – UFU
FACULDADE DE DIREITO “PROF. JACY DE ASSIS”
DÉBORA MONTEIRO SPIRANDELI

A PROTEÇÃO DO MÍNIMO EXISTENCIAL COMO LIMITE À PROGRESSIVIDADE FISCAL DO IPTU

Projeto de pesquisa apresentado ao Curso de Direito, da Faculdade de Direito da Universidade Federal de Uberlândia como requisito parcial à obtenção do título de bacharel.
Professor Orientador: Marcia Leonora Orlandini

UBERLÂNDIA
2014
SUMÁRIO

1 – INTRODUÇÃO.......................................................................................................3
2 – OBJETIVOS...........................................................................................................4 2.1 – OBJETIVO GERAL..................................................................................4 2.2 – OBJETIVOS ESPECÍFICOS....................................................................5
3 – JUSTIFICATIVA.....................................................................................................5
4 - METODOLOGIA DA PESQUISA...........................................................................6
5 - CRONOGRAMA DE EXECUÇÃO..........................................................................7
6 - REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS.......................................................................8

1 – INTRODUÇÃO

O princípio da proteção ao mínimo existencial, apesar de não ser expresso constitucionalmente, é um direito fundamental derivado de princípios constitucionais e busca a garantia das condições mínimas necessárias para a existência humana digna, de modo que esta não seja tratada como objeto de intervenção do Estado.
A preocupação com

Relacionados

  • O princípio da capacidade contributiva e os limites ao poder de tributar
    9427 palavras | 38 páginas
  • tributário
    5606 palavras | 23 páginas
  • Não-confisco
    20677 palavras | 83 páginas
  • 2232533
    3116 palavras | 13 páginas
  • capaciudade contributiva e a regressividade do sistema financeiro
    12897 palavras | 52 páginas
  • Garantia do Minimo Existencial
    3552 palavras | 15 páginas
  • Alienação parental
    9439 palavras | 38 páginas
  • TRABALHO FACAM LEG TRIBUT
    1954 palavras | 8 páginas
  • O IMPOSTO DE RENDA DA PESSOA FÍSICA E A SUA EFETIVIDADE EM MATÉRIA CONSTITUCIONAL
    4923 palavras | 20 páginas
  • OS DIREITOS FUNDAMENTAIS DOS CONTRIBUINTES: A CAPACIDADE CONTRIBUTIVA COMO UM LIMITE AO PODER DE TRIBUTAR DO ESTADO
    6192 palavras | 25 páginas