A noção de liberdade

Páginas: 5 (1128 palavras) Publicado: 31 de março de 2013
A NOÇÃO DE LIBERDADE NO EMÍLIO DE ROUSSEAU
Luiz Felipe Netto de Andrade e Silva SAHD
■RESUMO: A educação natural de Rousseau é uma tentativa de mostrar como as paixões, se liberadas da deformação provocada pela opinião social, podem ser moralmente corretas. Se o Emílio, afirma Rousseau, é um tratado sobre a bondade natural do homem, esta bondade está fundada sobre a liberdade, e, sobretudo,sobre a liberdade das paixões.■PALAVRAS-CHAVE: educação, bondade natural, liberdade.
Na Carta a Philibert Cramer, de 13 de outubro de 1764, Rousseau sugere que a análise atenta de seu pensamento filosófico deve ser empreendida, a partir da leitura do Emílio (Rousseau, 1929, p.339). Segundo o autor, ele permite melhor compreender a ordem entre seus escritos e alcançar os princípios fundamentaisde seu “sistema”. Aceitando a indicação e desafio proposto, o presente artigo tem como objetivo reconstruir argumentos centrais desenvolvidos por Rousseau acerca da constituição da noção de liberdade segundo o Emílio, isto é, segundo as duas etapas que caracterizam o seu conteúdo, a educação pela liberdade e a educação para liberdade.Para Pierre Burgelin, é a tarefa mais árduae demorada, pois repousa “sobre o que há de mais íntimo, e talvez de mais rebelde em nós”. A aprendizagem da liberdade, conclui o comentador, “constitui nossa mais autêntica natureza de homem, e a mais recôndita. É ela que funda virtude” (Burgelin, 1952, p.496). Cf., também, as análises sugestivas de Frédéric Worms (Worms, 2001, pp.5-18; pp.28-9), Yves Vargas (Vargas, 1995, pp.3-6) e AntoninoBruno (Bruno, 1997, pp.56-65).A proposição que inicia o capítulo primeiro do Contrato Social, “o homem nasceu livre e por toda parte se encontra sob grilhões” (Rousseau,1964b, p.351), encontra o seu exemplo no Emílio. Nesse “romance da natureza humana”, Rousseau tem como objetivo principal demonstrarque o homem da natureza, “saindo das mãos do Autor das coisas”, difere radicalmente dohomem civil, que “nasce, vive e morre na escravidão”. Como se manifesta, pergunta o autor, a liberdade natural do homem? No âmbito físico, ela se dentifica com a necessidade natural de movimento, cujos impedimentos à sua satisfação cria obstáculos ao desenvolvimento normal da criança e engendram efeitos físicos nefastos. Se a liberdade é um bem e a necessidadede movimento é a sua primeira manifestação, o uso “desnaturado” (dénaturé)da mesma representaria um excesso condenável, pois toda justificação desta prática não passaria de raciocínios inúteis da nossa falsa sabedoria jamais confirmados por nenhuma experiência. Nessa perspectiva, pode-se afirmar que uma educação adequada é aquela que respeitaa liberdade física da criança.Nas palavras de Rousseau:
Da multidão de crianças que, entre povos mais sensatos do que nós, são criadas com toda a liberdade de seus membros, não se vê uma só que se fira ou se mutile; não dariam a seus movimentos a força que pudesse torná-los perigosos e, quando assumem uma posição violenta, a dor logo as adverte de que devem mudá-la. Esta liberdade demovimento deve ser preservada quando a criança cresce , uma vez que os seus efeitos serão benéficos para o desenvolvimento de seu corpo. Quando a criança conclui alguns progressos e as suas faculdades estão finalmente desenvolvidas, alcançando o estágio em que deveremos considerá-la um ser moral, sua verdadeira liberdade, segundo Rousseau, ultrapassa aliberdade inicial de movimento e se transforma numa liberdade da vontade. Mais exatamente, a criança é livre quando é capaz de realizar a sua vontade. Mas o que significa afirmar exatamente “fazer a sua vontade” (faire sa volonté)?
É, segundo o autor, ser capaz de bastar a si mesmo sem apresentar nenhuma dependência externa: “O que faz a sua vontade é aquele que não precisa para tanto...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Nocao da liberdade
  • Noção de Liberdade Sentido Principal:
  • A noção de liberdade no emílio de rousseau
  • A nocao de liberdade em kant
  • A noção de liberdade no emílio de rousseau
  • A noção de liberdade no emilio de rousseau
  • Noção de liberdade para rousseau
  • A noção de liberdade no emílio de rousseua

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!