A MULHER NO CONTEXTO HISTÓRICO DAS FAMÍLIAS BRASILEIRAS

Páginas: 7 (1689 palavras) Publicado: 7 de agosto de 2013


A MULHER NO CONTEXTO HISTÓRICO DAS FAMÍLIAS BRASILEIRAS


A Instituição familiar tem sido alvo dos estudos de todas as ciências sociais, suscitando polêmicas e diferentes abordagens por parte dos cientistas. Por um lado a família tem despertado o interesse por ser um espaço privilegiado para o desenvolvimento da vida emocional de seus integrantes. Por outro, tem chamado a atenção dospesquisadores, pela gama de mudanças que vem sofrendo, apesar de manter-se inalterada sob alguns aspectos. O que estas abordagens têm apresentado em comum, é o fato de verem a família através de uma ótica científica especializada.


Para Neder (2000), quando se trata de Brasil, temos que utilizar o termo ‘famílias’ no plural, dada a diversidade étnico-cultural que embasa a composição demográficabrasileira. Isso significa que as ‘famílias-padrão’, tanto a tradicional, patriarcal, extensa, de origem ibérica, quanto a de modelo ‘higiênico’ e moralista da família burguesa de inspiração vitoriana, introduzidas no país no início do século passado, “convivem no acontecer social com outras famílias, até o presente bem pouco conhecidas, de várias origens, indígenas ou africanas (matrilineares,patrilineares, poligâmicas/islamizadas, etc.)” (Neder, 2000. p.27). A autora, apresenta argumentos através dos quais defende que histórica e antropológicamente falando não existe uma família regular e que o padrão europeu de família patriarcal, do qual deriva a família nuclear burguesa, não é tampouco, a única possibilidade histórica de organização familiar a orientar a vida cotidiana no caminho doprogresso e da modernidade.


Como exemplo de divergências históricas que precisariam ser melhor mapeadas, Neder cita a contradição existente entre a mulher da família patriarcal do Nordeste do país, chamada sinhazinha, com perfil dócil e passivo e atividades voltadas para o interior da casa-grande e as Bandeirantes do Sul do país, que em função do caráter militar e estratégico da colonização daregião, foram convocadas a administrar fazendas e a controlar os escravos na ausência dos homens, desbravadores, freqüentemente ausentes. Este perfil mais ativo que passivo de mulher, não exclui seu caráter subordinado e submisso, nem as características extensivas da estrutura familiar.


Em concordância com Neder, Souza (1997), afirma que, embora o povo brasileiro não tenha característicasnômades, determinadas circunstâncias locais, de pobreza, desemprego, entre outras, desencadearam um fluxo intenso de migrações internas, principalmente no Norte e Nordeste do país, dividindo as famílias brasileiras entre aquelas que partem em busca de novos caminhos e as que ficam esperando pela realização do sonho de ‘dias melhores’.


“Todas essas circunstâncias geram medos, tensões eangústia que têm uma decisiva influência sobre o funcionamento familiar. Tal situação de insegurança leva a família, numa tentativa de preservar sua identidade, a se fechar sobre si mesma. Torna-se difícil estabelecer as características genéricas da família que apresenta sempre um colorido próprio não apenas em termos regionais, como dentro de uma mesma cidade. É o caso do Rio de Janeiro, onde asfamílias das zonas norte, sul e suburbana possuem valores próprios. Este é o primeiro aspecto a ser ressaltado em relação à família brasileira  suas especificidades socioculturais.” (Souza, 1997. p.24)


A constituição extensa da família tradicional, patriarcal, é um aspecto comum entre os historiadores. Segundo Souza (1997), a família brasileira evoluiu de um modelo ‘hierarquizado’ a uma buscado ‘igualitário’. A família hierarquizada era caracterizada por uma diferença intrínseca entre o homem e a mulher. O homem detinha o poder econômico e com fundamento nisso, possuía o direito de controlar rigorosamente a vida de todos os componentes da extensa família. À mulher cabia um segundo plano, disfarçado por seu ‘reinado doméstico’.


A função da família de modelo patriarcal era...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • contexto historico de familia
  • família contextos historicos
  • FAMÍLIA: CONTEXTO HISTÓRICO E ASPECTOS CONCEITUAIS
  • Como o Histórico da Família Brasileira Influencia nas Relações de Saúde da Família?
  • A violência contra a mulher no contexto histórico, filosófico e ético
  • Instrução e profissionalização da mulher no contexto histórico atual:
  • A educação brasileira da atualidade como reflexo de um contexto histórico
  • contextos historicos

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!