A magia

Páginas: 6 (1437 palavras) Publicado: 26 de novembro de 2013


UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ
FACULDADE DE FARMÁCIA, ODONTOLOGIA E ENFERMAGEM
CURSO DE ODONTOLOGIA
DISCIPLINA DE ANTROPOLOGIA



RESENHA
“E o cérebro criou o homem”



Aluna: Mayara Oliveira de Vasconcelos
Professor: Carlos S. Versiani








A realidade implausível
Oautor inicia o capítulo citando as ideias sobre mente e consciência, ressaltando que os seres vivos, muito antes de possuírem mente, já demonstravam certo comportamento interessante, ainda que não resultassem da mente ou da consciência.
Posteriormente, o autor elucida três tipos de cérebro: o primeiro, que produz comportamento, mas não é dotado de mente nem de consciência; o cérebro que englobamente, consciência e comportamento, cujo maior e melhor exemplo é o ser humano e, por último, o cérebro que produz comportamento e talvez produza uma mente, mas que não se sabe se produz consciência.
É interessante observar a importância que o autor dá, por exemplo, à intuição dos seres. Como seres unicelulares “sabem” a forma correta de se dividir, ou de se alimentar? Isso é um comportamentodesprovido de mente e de consciência que, de fato, não se é dado muita atenção.
Vontade natural
Nesta parte do texto, o autor retoma à biologia molecular para explicar de forma breve o surgimento da vida. Inicialmente, existem os organismos procariontes, em seguida os eucariontes e, a partir daí, surgem modificações e adaptações, até que aparecem os seres multicelulares, formados por milhares decélulas.
O autor também faz uma comparação curiosa entre a célula e o ser humano, no sentido de que a célula apresenta citoesqueleto como sustentação de sua estrutura, assim como o ser humano apresenta esqueleto; a célula possui uma membrana seletiva que permite separar o que está dentro do que está fora e o ser humano possui a pele, assim como o núcleo celular pode ser comparado ao cérebrohumano.
Além disso, ele ressalta a “vontade” que a célula, ou o organismo unicelular, tem de continuar vivendo: ela se adapta, enfrenta as dificuldades do meio e executa atividades de modo a manter-se viva.
A partir daí, o autor começa a comparar os neurônios e às demais células, observando que os neurônios são capazes de mudar a condição de outras células a partir da propagação de impulsoselétricos e, por isso, contribuem para a regulação do comportamento e para a produção da mente.



A manutenção da vida
Nesta seção, o autor traz o conceito de homeostase: parâmetros em que o organismo deve permanecer para que a vida seja possível. Temos como exemplo a manutenção da temperatura em torno dos 36 graus Celsius, a pressão arterial, o pH do sangue, etc.
As origens da homeostase
Oautor, nesta parte, explora a evolução como meio da homeostase ter chegado a seres desenvolvidos como os seres humanos. Apesar da evolução e da seleção natural serem fundamentais quando se fala sobre equilíbrio da vida – o que o autor claramente cita – discordo do trecho onde ele diz “Mas da perspectiva dos genes, e para que eles sobrevivessem no decorrer das gerações, as redes gênicas tiveram deconstruir organismos perecíveis e no entanto bem sucedidos que lhes servissem de veículo.” (DAMASIO, A.R.2011). No meu ponto de vista, é equivocado se utilizar da expressão “ter que construir”, como foi dito no trecho, uma vez que as modificações são simplesmente ao acaso, não havendo, portanto, uma regra a ser seguida ou um padrão a ser obedecido. Caso um animal “precise” de mais pêlo para seproteger, por exemplo, seus genes não irão se adaptar a essa condição. O que pode acontecer é, por acaso, um animal nascer com mais pêlos e isso torná-lo melhor adaptado ao seu meio.
O autor termina esta parte observando que apenas a homeostase não é capaz de garantir a sobrevivência; ela deve estar associada a processos e mecanismos que a regulem, que prevejam alterações e sejam capazes de...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • magia
  • Magia
  • A Magia
  • Magia
  • Magia
  • A Magia da Comunicação
  • Magia da vida
  • Magia e religião

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!