a Inserção dos estados de Pernambudo e Bahia ao II PND

Páginas: 7 (1724 palavras) Publicado: 20 de outubro de 2014
Apresente a forma de inserção do estado de Pernambuco no II PND e em seguida compare essa forma de inserção apresentada pelo estado da Bahia .


Ao longo da primeira metade do século XX, a economia de Pernambuco experimenta uma certa diversificação. No bojo da expansão da economia articulada à agroindústria açucareira forma-se
em Pernambuco uma atividade industrial fornecedora de insumos eequipamentos para esta, principalmente no setor metal mecânico, bem como a têxtil com base no algodão nordestino e
no mercado regional, então protegido por barreiras de custos de transporte, ao
tempo em que o Brasil vai adotando o modelo de industrialização substitutiva.
Essa trajetória vai permitir que a economia de Pernambuco assuma posição de
destaque no contexto nordestino, mesmo que a baseeconômica fosse muito
concentrada no entorno da capital e muito dependente do setor hegemônico,
ou seja, a atividade de produção de açúcar.
Nos anos 1960 e 1970, com os incentivos fiscais e demais instrumentos
da política regional adotada com a criação da SUDENE, a economia
pernambucana consegue atrair boa parte dos projetos de investimento
apoiados nesse esquema e assim atinge um patamarmais elevado de
diversificação industrial, mesmo que ainda muito localizado na Região
Metropolitana do Recife. Enquanto isso, as regiões interioranas continuaram
muito pouco dinâmicas e com suas economias fortemente dependentes de
atividades primárias, seja no Sertão ou no Agreste, mesmo que em algumas
cidades do Agreste tenham surgido algumas atividades agroindustriais.
Efetivamente, entre1963 e 1969 foram para Pernambuco 36,9% das
liberações de incentivos fiscais da SUDENE 2 , sendo que entre 1970 e 1974
essa participação foi ainda de 25,7%, caindo em seguida para 16,6% entre
1975 e 1984 (Lima e Katz, 1993). Devido em parte, pelo menos, a esses
investimentos o PIB de Pernambuco cresceu 10,6% ao ano entre 1970 e 1975,
à frente do Nordeste que cresceu 10,2% ao ano.
A partir dasegunda metade dos anos 1970, no entanto, provavelmente
de forma associada à menor participação nos incentivos fiscais da SUDENE, a
economia pernambucana inicia um período de menor dinamismo relativo,
crescendo à media de 6,6% ao ano entre 1975 e 1980 (Nordeste: 7,2% ao ano).
Tal perda de ímpeto relativo acentuase
na primeira metade dos anos 1980,
vale notar, tendo a média de crescimentoanual caído para 2,4% em
Pernambuco, contra 4,4% no Nordeste entre 1980 e 1985. Em seguida,
observase
uma certa recuperação do dinamismo relativo em Pernambuco,
tendo a média de crescimento da década atingido 3,5% ao ano, enquanto a do
Nordeste chegava aos 3,3% (Tabelas 1 e 2). Nos anos 1990, no entanto, a
perda relativa de Pernambuco no contexto regional foi mantida com uma
média decrescimento do PIB de 2,0% para este e de 3,0% para o Nordeste.
Essa perda de posição relativa da economia de Pernambuco no todo da
Região motivou alguns analistas a buscar explicações e vale aqui resumir
algumas das que foram apresentadas. Lima e Katz (1993), por exemplo,
entendem que houve, em primeiro lugar, uma redução na função tradicional de
entreposto comercial de Pernambuco dentro do processode integração da
economia brasileira, o que levou os demais estados nordestinos a se articular
diretamente com o centro hegemônico. Depois o segmento industrial mais
representativo, a agroindústria álcool-açucareira,
passou a experimentar
dificuldades de competitividade, tendo seus empresários optado pela
diversificação de atividades investindo em outras regiões, ao contrário dos
baianos ecearenses, por exemplo, que buscaram alternativas de diversificação
de investimentos em seus próprios domínios. Ao lado disso, observouse
na
segunda metade dos anos 1970, no bojo do II PND, a efetivação de investimentos industriais significativos em outros estados, como foi o caso do Pólo Petroquímico de Camaçari, do complexo cloroquímico de Alagoas e Sergipe e do pólo minero metalúrgico de...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • II pnd
  • II PND
  • Ii pnd
  • II PND
  • II pnd
  • II PND
  • II PND
  • II PND

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!