A importância do diagnóstico precoce do câncer bucal pelo odontólogo na Estratégia Saúde da Família

Páginas: 19 (4554 palavras) Publicado: 9 de abril de 2014
A importância do diagnóstico precoce do câncer bucal pelo odontólogo na Estratégia Saúde da Família

Heliude Magno de Almeida



Resumo:

A incidência do câncer de boca é o 5º de maior entre os homens e o 8º entre as mulheres, com mais de 10.000 casos novos estimados por ano e destes 70% dos diagnósticos são feitos em fase avançada. Foram selecionados através de uma revisão bibliográfica9 artigos nacionais a partir do ano 2000 pela base de dados da Biblioteca Virtual em Saúde (BIREME) e de documento oficial do Ministério da Saúde em conjunto com o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA).Os resultados encontrados em levantamentos e programas públicos e privados são unanimes e mostram a necessidade de continuação e ampliação dos programas de prevenção docâncer bucal e a importância d o cirurgião-dentista na prevenção e diagnóstico precoce do câncer que deve estar sempre atualizado melhorando o prognostico e aumentando a sobrevida e a qualidade de vida dos pacientes.

Descritores: Câncer Bucal, prevenção, atenção básica

Introdução


O presente trabalho busca por meio da revisão de literatura, mostrar a importância da prevenção ediagnóstico precoce do câncer de boca pelo cirurgião-dentista (CD) na atenção básica.
A prevenção, aliada a um correto diagnóstico e um encaminhamento o mais breve possível a um médico oncologista de cabeça e pescoço, favorecem a sobrevida do paciente e um melhor prognóstico, dependendo do estágio em que o câncer for diagnosticado.
O cirurgião-dentista, para realizar a prevenção do câncer bucal,deve sempre orientar e incentivar o paciente quanto aos males do ato de fumar, do consumo de bebidas alcoólicas e dos riscos à excessiva exposição solar, e reforçar quanto aos benefícios de manter uma alimentação saudável, uma higiene bucal correta, além de diagnosticar e tratar precocemente as lesões pré-câncer, eliminar fatores irritantes na mucosa bucal além de orientar o paciente a fazer oautoexame da boca regularmente.
Os cuidados devem ser redobrados quando os pacientes estiverem dentro da faixa de idade ou do grupo de risco para o câncer bucal. No ano de 2006, segundo o INCA, estimam-se 9.990 casos novos de câncer da cavidade oral em homens e 4.180 em mulheres, para o Brasil, no ano de 2012. Esses valores correspondem a um risco estimado de 10 casos novos a cada 100 mil homens e 4a cada 100 mil mulheres.



Método

Trata-se de uma revisão bibliográfica da literatura, onde foram usados os seguintes descritores para a busca: Câncer Bucal, prevenção, atenção básica. Foram selecionados 9 trabalhos indexados nas bases de dados eletrônicas da Biblioteca Virtual de Saúde (BIREME). Foram excluídos os artigos publicados em outro idioma que não o português e aqueles publicadosantes do ano 2000. Acrescentaram-se também textos oficiais, de publicação do Ministério da Saúde em conjunto com o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA).


Resultados

Estimativas para o ano 2006 apontavam que ocorreriam 472.050 casos novos de câncer no Brasil. Destes, 13.470 seriam neoplasias malignas de boca. Na cidade de Taubaté, localizada no estado de SãoPaulo, as neoplasias foram a terceira causa de óbitos hospitalares na cidade. A partir da constatação de que o câncer bucal é um problema de saúde pública, é importante que a população seja informada sobre a doença e os fatores de risco e como preveni-la e diagnosticá-la precocemente, enfatizando-se o auto-exame da boca, que consiste de técnica simples que o próprio indivíduo é capaz de realizar com afinalidade de identificar lesões precursoras do câncer (1).
Nos últimos anos, no estado de São Paulo, a Secretaria de Saúde tem programado tais ações em época coincidente com a Campanha Nacional de Vacinação do Idoso. O objetivo deste trabalho foi avaliar o conhecimento sobre fatores de risco e câncer bucal dos indivíduos que participaram das
Campanhas de Prevenção e Diagnóstico Precoce do...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • A importancia da estrategia saude da familia
  • A família como uma estratégia social na promoção da saúde bucal infantil
  • Mutirão de Saúde Bucal: uma estratégia.
  • cancer de mama: a importancia do diagnóstica precoce
  • O papel do enfermeiro na abordagem do cancer de mama na estrategia da saude da familia
  • Estratégia Saúde da Família
  • Credenciamento de Estrategia Saúde da Família
  • Estratégia de Saúde da Família

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!