A HISTÓRIA REESCRITA CONTINUAMENTE

Páginas: 5 (1102 palavras) Publicado: 16 de maio de 2014
1 INTRODUÇÃO
No tempo presente ao usufruir-se das comodidades que tornam o dia a dia mais confortável propiciando uma excelente qualidade de vida e uma perspectiva de vida maior do que as gerações passadas, muitas vezes o ser humano não se da conta de que o hoje é uma evolução do ontem, na qual uma necessidade anterior gerou uma busca para atendê-la.
A geração atual esta criando melhorescondições para serem usufruída pelas gerações posteriores e assim a história ocupa a evolução dos tempos, de tal maneira que o hoje se torna uma repetição do ontem em que as pessoas executam do mesmo modo que seus antepassados as tarefas mais básicas e elementares sem perceberem que num tempo passado houve uma mudança de hábito e assim perpetuou-se até que outra mudança ocorra.
Para exemplificar tem-seo que foi escrito por Hilário Franco Junior1:
Pensemos num dia comum de uma pessoa comum. Tudo começa com algumas invenções medievais: ela pôe sua roupa de baixo ( que os romanos conheciam mais não usavam), veste calça compridas ( antes, gregos e romanos usavam túnica, peça inteiriça longa, que cobria todo o corpo), passa um cinto fechado com fivela ( antes ele era amarrado).

A história vaimais além do que contar fatos pitorescos que se passaram, ela é a influência constante e interminável para o progresso e conhecimento de uma sociedade.
2 DESENVOLVIMENTO
“Os historiadores estão condenados a reescrever continuamente a História. Quando, com relação a um determinado tema e/ou período histórico, impõe-se uma nova abordagem, um novo paradigma se constitui até ser, por sua vez,contestado por outro, e assim sucessivamente.” (ENADE 2005 adaptado).
E assim vi-se o paradigma tratando como certo e necessário, desta maneira o autor Hilário Franco Júnior abordou essa questão salientando que na atualidade a rotina das pessoas iniciou-se na idade média: “pouca gente se da conta, mas muitos hábitos, conceitos e objetos tão presentes no nosso dia-a-dia, inclusive o próprio idioma quefalamos, vêm daquela época.Sentindo fome, a pessoa levanta os olhos e consulta o relógio na parede da sala, imitando gesto inaugurado pelos medievais. Foram eles que criara, em fim do século XIII, um mecanismo para medir o passar do tempo, independentemente da época do ano e das condições climáticas. Pensamos, falamos, lemos e escrevemos em português,sem, na maioria das vezes, nos darmos conta deque esse elemento central do patrimônio cultural brasileiro vem da idade média”.
Percebe-se que muito do que se pratica na atualidade é reflexo das mudanças de hábitos iniciados nos tempos medievais, o que não significa que os paradigmas históricos foram alterados tão somente na idade média, de tempos em tempos surgem novas maneiras de se conceber o dia a dia. Na atualidade essa transformação estaem ritmo acelerado, o Professor José Maurício Santos Pinheiro2 escreveu a respeito da presença tecnológica na sociedade, ¨A tecnologia é tão antiga quanto a humanidade e evolui permanentemente como a própria sociedade evolui. Ela representa a utilização dos conhecimentos científicos adquiridos em prol da satisfação das necessidades da sociedade. A prova disso é que a partir do advento da ciênciamoderna no século XVII, foi possível aplicar os conhecimentos adquiridos até então para resolver diversos problemas que afetavam a sociedade. “O homem passou a resolver problemas técnicos de uma forma mais generalizada, trocando opiniões, informações e idéias e não mais para resolver apenas problemas específicos”.
O nosso cotidiano esta repleto de ações originárias de descobertas tecnológicas,tem-se com exemplo a comunicação em que praticamente toda pessoa possui um aparelho de telefone celular o que possibilidade comunicar-se a todo tempo em qualquer lugar, o mundo virtual invadiu o sociedade de tal maneira que para as novas gerações o modo de vida tecnológico é tão natural e assim paradigmas vão sendo quebrados e cabe aos historiadores estarem em constante atenção para reescrever a...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Reescrita e retextualização no Ensino de História
  • Necessidade da história ser reescrita
  • Os historiadores estão condenados a reescrever continuamente a História
  • Resenha crítica do texto "por que reescrevemos continuamente a história?"
  • Reescrita
  • REESCRITA
  • Reescrita Consumismo
  • Reescrita de textos

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!