A formação do gosto pela leitura

Páginas: 11 (2691 palavras) Publicado: 6 de outubro de 2011
A FORMAÇÃO DO GOSTO PELA LEITURA DESENVOLVIDA NA 8ª SÉRIE, TURNO VESPERTINO, DA ESCOLA MUN. ELIEZILDA COELHO ROCHA

RESUMO

O presente trabalho trata do papel e função da aprendizagem escolar (não-espontânea) como lugar a ser privilegiado no trabalho de construção/formação do gosto pela leitura e dos aspectos fundamentais do desenvolvimento do sujeito como leitor, pois comecemos pelasobviedades: aprende-se a ler e a gostar de ler; aprende-se a ter satisfação com a leitura; aprende-se a acompanhar modismos de leitura; aprende-se a ter critérios e opiniões de leitura. A tudo isso se aprende lendo.

PALAVRAS-CHAVE: Leitura; Formação do leitor: Educação.

ABSTRACT

This work deals with the role and function of school learning (non-spontaneous) as a place to be privileged in thework of building/training of the taste for reading and fundamental aspects of the development of the subject as a reader, because begin by clarities: learns there to read and love to read, learn to take satisfaction with the reading; learns to monitor fads of reading; learns to take criteria and reviews of reading. In all that you learn by reading.

KEY-WORDS: Reading; Formation of the reader:Education.

____________________________
* Graduanda em Letras / UEMA e Pós-Graduanda em Língua Portuguesa/FAS

1 INTRODUÇÃO

A prática da leitura se faz presente em nossas vidas desde o momento em que começamos a “compreender” o mundo à nossa volta. No constante desejo de decifrar e interpretar o sentido das coisas que nos cercam, de perceber o mundo sob diversas perspectivas, derelacionar a realidade ficcional com a que vivemos, no contato com um livro, enfim, em todos estes casos estamos de certa forma lendo, embora, muitas vezes, não nos demos conta.
Este artigo procura abordar que o processo de caminho ao hábito de ler inicia-se em casa e é levado adiante pela escola (claro, nas escolas que se doam a tal método instigante e essencial ao crescimentointelectual do ser humano).
É na escola, pela mediação do professor e com a ajuda do livro didático que os estudantes aprendem a ler, a escrever e a enxergar sua própria realidade e a realidade do outro. Essa relação é essencial ao jovem, que pelo contato e exploração de diferentes textos e por meio de ações intermediadas, passará a interagir com seus pares, a produzir um conhecimentopartilhado e com isto consegue representar oralmente e por escrito, sob vários registros verbais, seu pensamento, sua experiência prévia de vida e seu conhecimento coletivo de mundo.
Através do hábito da leitura, o homem pode tomar consciência das suas necessidades (auto educar-se), promovendo a sua transformação e a do mundo. Pode praticar o exercício dialético da libertação.
Aleitura é uma atividade essencial a qualquer área do conhecimento. Está intimamente ligada ao sucesso do ser que aprende. Permite ao homem situar-se com os outros. Possibilita a aquisição de diferentes pontos de vista e alargamento de experiência e, é também um recurso para combater a massificação executada principalmente pela televisão.
Sendo assim, a motivação para a leitura envolvecuriosidade e abertura a novos conhecimentos e informações e, a escola tem por responsabilidade proporcionar aos seus alunos condições para que estes tenham acesso ao conhecimento.

2 MOTIVAÇÕES PARA A PRÁTICA DA LEITURA

Ler é um ato repleto de inúmeras implicações, conseqüências, e dependendo de cada um que lê, de motivações. Motivações, pois até pegar um jornal diário e dar uma passadarápida com os olhos pelas manchetes requer algum interesse por trás deste simples folhear despreocupado de páginas. Cada leitor busca algo que lhe sacie o desejo por conhecimento ou apenas por lazer e este objeto desejado muitas vezes torna-se obscuro, de difícil acesso, já que nem sempre se pode incluir no dia-a-dia a leitura.
Quando não é elitizada a informação, seja por desigualdade...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Projeto leitura hábito ou gosto
  • Despertando o gosto pela leitura e escrita
  • despertando o gosto pela leitura
  • Desenvolvendo o gosto pela leitura
  • Desenvolver o gosto pela leitura
  • Desenvolvendo o gosto pela leitura.
  • Desenvolvendo o gosto pela Leitura desde a Infância
  • O lúdico como inferência no desenvolvimento do gosto pela leitura

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!