A filosofia da educação como base educacionais

Páginas: 5 (1249 palavras) Publicado: 8 de maio de 2012
A filosofia da educação como questionamento das bases educacionais


A palavra filosofia é grega, sendo composta de duas: philo e Sophia. Philo e derivadas de a primeira, que significa; amizade, amor fraterno, respeito pelos iguais e a segunda que é sophia quer dizer sabedoria. Portanto filosofia significa amizade pela sabedoria, amor e respeito pelo saber. Pode-se definir de acordo com(CHAUÍ), que: "Filosofia indica um estado de espírito, o da pessoa que ama, isto é, deseja o conhecimento, o estima, o procura e respeita". Deparamos algumas vezes com pessoas falando de suas concepções de vida descrevendo as como, "essa é minha filosofia de vida". Diante deste enunciado, pode-se pensar que o autor desta frase está fazendo referencia a um conjunto de idéias mais ou menos coerente queregulam seu modo de viver e enxergar o mundo, também dá referencia ao seu comportamento moral, a sua ética, o que considera certo ou errado, belo ou feio, ou seja, é uma concepção formada em sua ótica de leitura do âmbito geral da vida e a como a defini. Acontece, porém, que a comunicação dos homens entre si e com as coisas estabelece relação que se bastam a si mesmas. Não se trata, pois, de seutilizar um elemento pra se chegar a determinado objetivo, nem do reconhecimento da liberdade, ou de apreensão da realidade objetiva do ponto de vista da veracidade. Trata-se de um significado intrínseco à própria relação (domínio estético).amadurecimento da pessoa, com o objetivo de fazê-la definir sua própria vida, tendo a consciência que tens o poder de decidir, ou seja, de fazer sua escolha, que a partir dessas escolhas poderá receber as conseqüências tanto de forma positiva ou negativa, isso se dá mediante a reação da escolha, esta reação à pessoa não pode escolher De forma analógica pode assim conceituar a filosofia da Educaçãocomo sendo um conjunto de idéias que nos define como é a educação.
Na Idade Média, ocorreu um intenso sincretismo entre o conhecimento clássico e as crenças religiosas. De fato, uma das principais preocupações dos filósofos medievais foi a de fornecer argumentações racionais. espelhadas nas contribuições dos gregos, para justificar as chamadas verdades reveladas da Igreja Cristã e da ReligiãoIslâmica, tais como a da existência de Deus, a imortalidade da alma etc.A filosofia é um saber específico e tem uma história que já dura mais de 2.500 anos. A filosofia nasceu na Grécia-antiga costumamos dizer com os primeiros filósofos, chamados pré-socráticos. Mas a filosofia não é compreendida hoje apenas como um saber específico, mas também como uma atitude em relação ao conhecimento, o que fazcom que seus temas, seus conceitos e suas descobertas seja constantemente retomados.
A história da filosofia coloca em perspectiva o conhecimento filosófico e apresenta textos e autores que fundamentam nosso conhecimento até hoje. 

A história da filosofia na Antigüidade pode ser dividida em três grandes períodos: o período pré-socrático, a Grécia clássica e a época helenística. 
No períododo Renascimento (séculos 15 e 16), o mundo assistiu a profundas transformações no campo da política, da economia, das artes e das ciências. O Renascimento retomou valores da cultura clássica (representada pelos autores gregos e latinos), como a autonomia de pensamento e o uso individual da razão, em oposição aos valores medievais, como o domínio da fé e a autoridade da Igreja.

No campo político, oprincipal autor do Renascimento foi Maquiavel, autor de "O Príncipe". Maquiavel elaborou uma teoria política fundamentada na prática e na experiência concreta. Durante o período medieval, o poder político era concebido como presente divino e os teólogos elaboraram suas teorias políticas baseados nas escrituras sagradas e no direito romano. 

Uma outra obra representativa desse momento...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • A filosofia da educação como questionamento das bases educacionais
  • A filosofia da educação como questionamento das bases educacionais.
  • A filosofia da educação como questionamento das bases educacionais
  • A filosofia da educação como questionamento das bases educacionais
  • A filosofia da educação como questionamento das bases educacionais
  • Filosofia da educação como questionamento das bases educacionais
  • “A filosofia da educação como questionamento das bases educacionais”
  • A filosofia da educação como questionamento das bases educacionais

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!