A fabula dos Porcos assados reflexão

Páginas: 6 (1458 palavras) Publicado: 7 de agosto de 2013
Reflexões provocadas por "A fábula dos porcos assados"
A fábula dos porcos assados é rica em provocação de reflexões. A primeira delas é quanto à deficiência em algo imprescindível para se viver bem: a capacidade de interpretar o que se vê, ouve e lê. Foi por não saber interpretar corretamente que os homens daquela região onde ocorreu um incêndio  no bosque entenderam que para comer porcoassado e torresmo é necessário incendiar um bosque inteiro. E como interpretações erradas levam, inevitavelmente, a "soluções" (os problemas de hoje provêm das "soluções" de ontem), aqueles homens da fábula desenvolveram um verdadeiro disparate. Saber interpretar é tão importante que entre as ilustrações do meu blog a primeira é a seguinte frase de Ariston Santana Teles.
“Melhor vive quem melhorconhece; e melhor conhece quem melhor interpreta. Daí a necessidade de esforços cada vez maiores na iluminação do raciocínio.”
Outra reflexão provocada pela fábula é sobre o fascínio da maioria pela "arte" da complicação. No mundo corporativo tal fascínio toca as raias do absurdo e, em algum momento, merecerá uma postagem neste blog. Para o simplesassamento de porcos foi montado um aparato técnico,científico e administrativo monumental que foi crescendo assustadoramente passando a envolver milhões de pessoas. Surgiram especialistas de todos os tipos possíveis e imagináveis. Os cargos foram surgindo sem parar: diretor disso e daquilo, além de centenas de cargos de chefia e sub-chefia. Cientistas foram trazidos do exterior. Poderíamos ficar dezenas de anos seguidos descrevendo o faraônicoaparato instituído para coordenar, implementar, controlar e manter todo o gigantesco processo, diz a fábula. Toda essa complicação para o simples assamento de porcos!
Mas apesar da enorme soma de recursos investidos no funcionamento deste gigantesco aparato, no processo de assamento os animais ficavam, ou parcialmente crus, ou demasiadamente tostados, desagradando milhões de paladares cada vez maisrefinados. Então, foram aumentando os protestos e as mobilizações da comunidade tornando consensual a necessidade urgente de reforma no modelo de assamento de porcos.
E numa demonstração de que o fascínio pela complicação não tem limites,congressos, seminários e conferências passaram a ser realizados na busca de uma solução para o problema. Apesar do extraordinário esforço empreendido por milharesde especialistas em assamento de porcos, inclusive com títulos de doutor obtidos no exterior, os resultados alcançados eram desanimadores. Repetiam-se, assim, os congressos, seminários e conferências. Os especialistas continuaram insistindo que as causas do mau funcionamento do sistema eram a indisciplina dos porcos, que não permaneciam onde deveriam ficar no momento do incêndio do bosque; anatureza indomável do fogo e dos ventos etc. O que eles jamais admitiram é que as causas do mau funcionamento do sistema eram oriundas de uma "solução" dada a partir de uma interpretação equivocada.
Até que, certo dia, João Bom-Senso, um incendiador categoria C, nível 4, classe INC, percebeu que o problema era de fácil solução. Então, tendo sido informado sobre as idéias subversivas deste perigosofuncionário, o diretor geral de assamento mandou chamá-lo ao seu gabinete e, depois de ouvi-lo pacientemente, entre outras coisas, questionou-o sobre o que ele faria com aquela complexa estrutura montada com uma imensa variedade de profissionais, com a finalidade de "solucionar" o problema, se a sua ideia simples e subversiva o solucionasse?
E perguntou-lhe também: O senhor percebe que a sua“maravilhosa” idéia pode desencadear uma crise de proporções catastróficas no país? O senhor não vê que se tudo fosse tão simples, nossos especialistas já teriam encontrado a solução há muito, muito, tempo atrás? E acrescentou: O senhor, com certeza, compreende que eu não posso simplesmente convocar os milhares de técnicos, engenheiros e pesquisadores com PhD e dizer-lhes que tudo se resume a utilizar...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • A fábula dos porcos assados
  • A Fábula dos porcos assados
  • Fabula dos porcos assados
  • Resumo fábula dos porcos assados
  • Fabula dos porcos assados
  • CASE FABULA DOS PORCOS ASSADOS
  • fabula dos porcos assados
  • A FABULA DOS PORCOS ASSADOS

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!