A EVOLUÇÃO do CAPITALISMO

Páginas: 12 (2942 palavras) Publicado: 30 de maio de 2014
O capitalismo não é uma pessoa, nem uma instituição. Não quer, nem escolhe. É uma lógica em andamento através de um modo de produção: lógica cega, obstinada, de acumulação (p 191).

Lógica que se espalhou, no último terço do século XVIII e nos dois primeiros terços do século XIX, por ocasião da "primeira industrialização": têxteis e roupas; máquinas; ferramentas e utensílios domésticos demetal; estradas de ferro e armas (p 191).

... queremos apreender o capitalismo em seu movimento histórico. Mas como fazê-lo sem reduzir excessivamente, sem cair no simplismo? (p 192).

É o caso da família. Com o capitalismo, ela se torna a célula de reprodução e de manutenção da força de trabalho, sem deixar de ser o lugar complexo de reprodução da sociedade global (p 192).

Por meio da famíliase transmitem normas fundamentais da sociedade (hierarquia, disciplina,
poupança, consumo) ... (p 192).
Em 1870-1880, o capitalismo ainda não revolucionou senão em parte a Grã-Bretanha, e só se afirma nitidamente em zonas bem delimitadas da Europa Continental e da América do Norte. Em um século ele vai estender-se, concentrar-se, impor-se com um vigor-inacreditável: através da ascensão de novastécnicas e de novas indústrias, com base em reagrupamentos sempre mais amplos e poderosos de capitais e do alargamento de seu campo de ação ao mundo inteiro ... (p 193).

Um século de exploração econômica e de saqueamento do planeta; um século de industrialização acelerada, de modernização e de "desenvolvimento do subdesenvolvimento"; um século de imperialismo (p 193).

DA GRANDE DEPRESSÃO ÀGRANDE GUERRA (1873-1914)

Antes que o capitalismo dominasse, a vida econômica conhecera abalos, mais ou menos regulares, vinculados às condições meteorológicas e às colheitas, aos equilíbrios demográficos, às guerras. Toda a fase de industrialização capitalista é feita através de movimentos cíclicos de uma certa regularidade: períodos de prosperidade e de euforia freados por uma recessão ouquebrados por uma crise (p 194).

A "Grande Depressão" que se inicia com a crise de 1873 e que se estenderá até 1895 abre o que se poderia chamar de segunda idade do capitalismo: a idade do imperialismo (p 194).

1873: o craque da bolsa de Viena é seguido de falências bancárias na Áustria e depois na Alemanha; a indústria pesada alemã acabava de conhecer, com o esforço de guerra, com a construçãode estradas de ferro e de navios, uma forte expansão que se emperra com a elevação dos custos e com a baixa da rentabilidade ... (p 195).

... desemprego, baixa dos salários, a crise ganha a construção e o setor têxtil (p 196).

1882: ... inúmeras outras falências bancárias, mas também industriais: minas e metalúrgicas, bem como construção civil, têxtil e porcelana. Grande aumento dodesemprego, queda dos salários. "Nunca vi uma catástrofe igual", declara o diretor do Crédit Lyonnais (p 196).

1884: "Pânico das estradas de ferro" nos Estados Unidos ... As companhias de estradas de ferro ficam presas entre a alta dos preços de construção das vias e a concorrência a que elas se entregam (p 196).

Descoberta de ouro na África do Sul, projeto francês de um canal no Panamá, abertura denovas vias férreas nos Estados Unidos, perspectivas de novos desenvolvimentos econômicos na Argentina, Austrália, Nova Zelândia: abrem-se novas perspectivas de lucro, iniciam-se novas especulações, que desembocam em novos bloqueios (p 197).

1889: na França, a companhia encarregada da construção do canal do Panamá e a Société des Métaux, envolvida  numa especulação com cobre, vai à bancarrota.Pânico na bolsa, crise de crédito, depressão que conduz a uma reação protecionista (tarifas Méline) (p 197).

1890: ... sobrevém uma nova depressão, envolvendo inicialmente o setor têxtil, notadamente o algodão, depois a construção naval e a metalurgia, depressão que se agrava por causa da redução das trocas ligadas às crises que castigam em 1893 os Estados Unidos, a Argentina e a Austrália (p...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • “A evolução do capitalismo”
  • A evolução do capitalismo
  • A evolução do capitalismo
  • Evolução do capitalismo
  • a evolução do capitalismo
  • Resumo sobre evolução do capitalismo
  • A relação do capitalismo com a evolução do trabalho
  • A evolução do capitalismo moderno

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!