A escrita espontanea na alfabetização

Páginas: 8 (1946 palavras) Publicado: 10 de agosto de 2012
A ESCRITA ESPONTANEA NA ALFABETIZAÇÃO

Andréa Mostardeiro Arisi[1]

RESUMO

Este trabalho apresenta a analise da escrita espontânea das crianças em uma turma de 2º série do Ensino fundamental. Esta escrita foi desenvolvida a partir de imagens em quadrinhos desenhadas por Eva Furnari. Acompanhei a produção das crianças observando o desenvolvimento da atividade e atendendo as demandas daturma.


INTRODUÇÃO



O presente artigo visa apresentar dados de observação obtidos no período de 27/março a 15/maio de 2012, realizada na EBM Pe. João Alfredo Rohr em Florianópolis, ocorrido uma vez por semana às terças-feiras, numa turma de 2º ano do Ensino Fundamental. A turma é composta por 14 crianças todas com sete anos até o momento.




Percebe-se nas escolas, atualmente, umdescompasso entre as temáticas abordadas com as crianças e suas reais necessidades. O primeiro dia de encontro na escola foi marcado por observações relevantes a cerca do ambiente escolar e dos encaminhamentos em classe.

A seqüência didática é seguida pelos livros distribuídos pelo governo, intitulados: Coleção caminhos 3 - Ensino Fundamental Projeto interdisciplinar para o ensino fundamentalde 9 anos – cada aluno tem dois livros. As atividades diárias estão relacionadas com o seguimento proposto nesses livros. Nesse contexto, o processo de alfabetização gerou uma inquietação uma vez que, as crianças têm dificuldades para expressar-se através da escrita, grande parte da turma apenas copia o que é apresentado. Não há escrita sem cópia e a questão era saber se escreviam espontaneamentee como escreviam.

Tendo observado por um tempo as crianças em sala de aula e para evidenciar questões relativas a linguagem escrita, foi apresentado a turma um texto com imagens (anexo 1) para que interpretassem e registrassem por escrito a história. O objetivo era verificar se elas são capazes de escrever sem o auxilio da professora e como se dá esta escrita.


DESENVOLVIMENTO

Duranteo processo de observação da escrita nesta classe do Bloco Alfabetizador percebia-se que as crianças não escreviam espontaneamente, as atividades eram copiadas do quadro tanto as propostas apresentadas pela professora, como a resposta ao problema ou exercício proposto. Nesse caso, não basta proporcionar a criança contato com o material escrito para que ela desenvolva naturalmente um processo deconhecimento da língua escrita.

A apresentação do texto para criança deveria ser feita, de modo a garantir sua compreensão global. Somente quando o aluno tem a compreensão torna-se possível destacar frases e palavras – então saturadas de sentido – para a sistematização do domínio da leitura e da escrita. Assim por intermédio de palavras reconhecidas no texto quese iniciará o estudo das relações que organizam o sistema gráfico. (CAVAZOTTI, 2008).


Observou-se que essas crianças estão em processo de alfabetização mas apenas reproduzem no caderno o que a professora escreve no quadro, elas não compreendem globalmente o que se apresenta a elas, geralmente supõe-se que a criança está alfabetizada quando conhece o conjunto de famílias silábicas. Porém,conforme Cavazotti:

“O processo de alfabetização não pode limitar-se ao reconhecimento dos elementos materiais da escrita, centrando-se, assim, no domínio do código escrito, embora este constitua um dos eixos importantes do processo. Para tanto, o elemento norteador dos procedimentos alfabetizadores é o próprio texto oral escrito, enquanto unidade de sentido dalíngua, no interior do qual a palavra, a sílaba e a letra ganham seu contexto”. (CAVAZOTTI, 2008,p.:25).


A escrita deve ter significado para a criança e o papel do professor deve estar bem definido para que possa fazer as intervenções necessárias durante esse processo. Vigotsky,(1991,p.119) nos diz que “a escrita deve ser ensinada naturalmente e não como treinamento imposto de fora para...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • A influência da oralidade nos textos de escrita espontânea
  • Alfabetizaçao com escrita e leitura
  • Linguagem escrita e alfabetização
  • A Leitura e Escrita na Alfabetização
  • ALFABETIZAÇÃO: A AQUISIÇÃO DA LEITURA E DA ESCRITA
  • Leitura e escrita na alfabetização
  • producao da escrita com relação a alfabetização
  • dificuldade na alfabetização na leitura e na escrita

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!