A escola da vida e a vida na escola

Páginas: 7 (1556 palavras) Publicado: 20 de novembro de 2013
Mas os professores nem sempre são vistos como uma pessoa boa, que esta ali para ajudar, e sim como aquela pessoa chata que esta ali só para criticar e dizer que o que eles fazem esta mal feito, ou até mesmo para mandar que fiquem quietos, reprova-los e a que da nota ruins. Assim acabam tendo medo dos professores e com isso se tornam cada vez mais desobedientes e agressivos vendo isso como umaforma de se defender.
Os alunos chegam a achar que a escola não foi feita pra eles e que dentro dela não há lugar para suas vidas pessoais e preocupações do dia a dia. Pouco a pouco vão perdendo o interesse e a dedicação e chegam conclusão que são incapazes de aprender levando com eles um trauma que marcara a vida toda.
O numero de alunos que desistem de vez dos estudos é mais comum em uma faixade idade de 11 anos em diante, por motivos que começam a trabalhar para ajudar a família e estão assim se tornando independentes.
Ninguém esta contente, mas todos sonham com uma escola melhor, que cumpra principalmente com seu papel, e os que sonham com isso são aqueles alunos mais carentes e que não em muitas oportunidades de frequentar. Todos querem que a escola seja um passo a diante para osucesso, uma melhoria de vida.
Mas e quem tem que associar trabalho e escola, automaticamente vai piorando cada vez mais, é ai que vem às reprovações, vão se acumulando até que as crianças ou s próprios pais desistem, e o que aprendem na verdade é se considerarem a si mesmos inferiores aos outros, aos que conseguem subir na vida.
Mas a lei diz que a escola deve estar aberta para todos e assim serdemocrática. Mas nem sempre foi assim, antigamente era reservada aos filhos dos patrões, dos que tinham dinheiro, enquanto a classe mais pobre como os filhos de empregados não tinham se quer nenhuma oportunidade de estudar e ficavam assim condenados ao alfabetismo. É lei também que o primeiro grau é obrigatório para aqueles que estão em idade escolar, que é de 7 a 14 anos.
A grande esperança éum grande ponto de partida, igual para todos e com os mesmos recursos, tendo assim oportunidades iguais para ricos, pobres, da cidade ou do campo. Meninas e meninos estas que tem capacidade, mas que lhes faltam principalmente oportunidades para terem sucesso, este que depende da inteligência, esforço e dedicação de cada um.
E como a escola não traz nenhum tipo de incentivo aos mais carentes, umgrande numero que é matriculado, é reprovado no 1 ano letivo nos testes de final de ano. Crianças estas que são a grande parte da população do país e principalmente são elas que precisam da escola para poder melhorar de vida.
Pobres pais, estes que se sacrificam para que os filhos possam estudar. Eles é que sofrem e se sentem incapazes de poder ajudar, esperam por vagas para os filhos, não temmuitas condições para comprar material e uniforme, sofrem ao ver os filhos reprovando e terem que repetir de ano. E mais tristes ainda ficam por verem que seu esforço e dedicação por seu filho não serviu de nada, só para ele reprovar e servir de chacota.
As crianças acabam saindo da escola com m trauma enorme levando consigo a marca e a humilhação do fracasso. Saem convencidas de que não conseguemporque são menos dotadas, não tem inteligência e menos capazes que os outros.
Sem duvida a pobreza e a miséria influenciam, mas não vem a ser o único motivo para parecer que a culpa de tudo estar acontecendo assim é da própria família, por pensarem que não tem as condições mínimas de dar a criança o que ela merece.
Mais a principio a escola é gratuita, mas na verdade os pais pagam as taxas, omaterial, o uniforme, etc. que para famílias carentes isso é quase impossível. Sem duvida tem aqueles que estão a algum tempo esperando a vaga, finalmente é chamado, mais não tem sequer dinheiro para comprar um caderno.
Sem duvida a culpa continua caindo de um lado só, lado este mais fraco, na vitima. A culpada sendo a pobreza as escolas e os professores acabam deixando de lado quem realmente...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • A vida na escola e a escola da vida.
  • A vida na escola, e a escola da vida
  • A vida na escola e a escola da vida
  • A vida na escola e a escola da vida
  • A vida na escola e escola na vida
  • A vida na escola e a escola da vida
  • A VIDA NA ESCOLA E A ESCOLA DA VIDA 1
  • Escola da vida

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!