A educação física escolar e a questão do gênero no brasil e em portugal

Páginas: 10 (2422 palavras) Publicado: 7 de abril de 2013
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS
CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE
Departamento de Educação Física e Motricidade Humana

Disciplina: Dimensões Sócio-Antropológicas da Educação Física

A educação física escolar e a questão do gênero no Brasil e em Portugal

|

São Carlos - SP

SUMÁRIO

1. | A educação física escolar e a questão do gênero no Brasil e emPortugal..................................................................................................... | 1 |
2. | Raízes da Educação Física brasileira e portuguesa e a separação dos gêneros............................................................................................. | 3 |
3. | A Educação Física e a interação dos gêneros...................................... | 5 |
4. | As atividadeslúdicas como estratégia de promoção da interação entre os gêneros à luz do modelo de polaridades................................ | 6 |
5. | Atividades lúdicas que privilegiam a interação entre os gêneros...... | 7 |
6. | Jogo criado pelo grupo........................................................................... | 8 |
7. | Referênciabibliográfica.......................................................................... | 8 |

1. A educação física escolar e a questão do gênero no Brasil e em Portugal.
Partindo da compreensão descrita por Gonçalves Junior e Ramos (2005), de que “gênero é qualquer agrupamento de indivíduos ou objetos que tenham caracteres comuns: espécie, variedade, ordem, qualidade ou tipo e, por extensão, gênero de vida: conjunto de atividades habituais, a partirdas quais o ser humano assegura sua existência, adaptando a natureza em seu proveito”, fica claro que, tanto o ser homem, quanto o ser mulher, é fruto de uma construção histórico-social que foi estabelecido em termos de papéis sociais para esses indivíduos, diferenciando-se do conceito biológico de sexo que explica a diferença entre masculino e feminino como algo estabelecido pela natureza.
O serhumano a partir da sociedade na qual está inserido adquire um conteúdo cultural que se instala no seu corpo determinando sua forma de expressão e a forma com que se relaciona incluindo a concepção de diferenciação entre homem e mulher. Esse conteúdo cultural é adquirido em vários momentos de socialização pelos quais o indivíduo se desenvolve.
O primeiro momento é a família (meninas ajudam a mãenos cuidados com a casa; meninos ajudam o pai na manutenção predial da casa e em alguns casos aprende a profissão do pai) e no aspecto brincadeira (meninos futebol e carrinho; meninas brincam de casinha e boneca), o segundo momento de socialização pelo qual passa a criança é a escola, onde a desigualdade de tratamento na participação de novas experiências entre os gêneros pode ser evidenciada oudependendo do que se busca e da conduta do professor pode nem existir.
Segundo Gonçalves Junior e Ramos (2005), durante os períodos ditatoriais de Portugal (1926-1974) e do Brasil (de 1930-1945 e de 1964 a 1984), as aulas de Educação Física Escolar eram separadas em turmas distintas, a partir dos gêneros masculino e feminino. No caso português, tal separação ocorria em todas as aulas, enquantono quadro da segunda ditadura brasileira, esta se fazia presente exclusivamente nas aulas de Educação Física, não se verificando tal conduta nas demais disciplinas do currículo escolar. O que incita a refletir não só a respeito da separação entre meninos e meninas, mas também sobre a fragmentação do ser humano em mente e corpo.
Meninos e meninas estão sujeitos a diversas formas de preconceitoconformando com a cultura da sociedade na qual estão inseridos, podendo de acordo com as atitudes e modos que adotarem serem valorizados ou discriminados. Uma menina ao demonstrar bom desempenho no futebol pode ser rotulada de “sapatão” ou “machona,” assim como um menino pode vir a ser chamado de “boiola” ou “paneleiro” ao dançar de uma determinada forma.
Estudos de Da Costa, (apud Gonçalves...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • A educação física escolar no brasil
  • A educação física escolar e a problematização de generos
  • Interação entre Gêneros na Educação Física Escolar
  • História da educação fisica escolar no brasil.
  • RELAÇÕES ENTRE CORPO E GÊNERO NA EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR
  • SAÚDE, EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR E A PRODUÇÃO DE CONHECIMENTO NO BRASIL
  • Educação física escolar
  • Avaliação na educação física escolar

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!