A Dinâmica do Capitalismo

Páginas: 28 (6963 palavras) Publicado: 12 de dezembro de 2013
1º Capitulo: Reconsiderando a vida material e a vida econômica.
(P. 12) A chamada história econômica, ainda em construção, defronta-se com alguns preconceitos. Ela não é uma história nobre.
Apesar disso toda a história do homem está nela, vista segundo uma determinada perspectiva.
(P. 13) É simultaneamente a história dos grandes homens, dos grandes acontecimentos, das conjunturas e dascrises, e por último a história maciça que evolui lentamente no decurso da longa duração.   (...)
Resida ai a dificuldade, pois trata-se de 4 séculos do mundo inteiro, então como organizar toda essa quantidade de fatos e interpretações? Braudel escolheu tratar dos equilíbrios e dos desequilíbrios profundos do longo prazo.
Por um lado, camponeses nas aldeias vivendo de maneira quase autônoma, por outrouma economia de mercado e um capitalismo em expansão. Temos assim dois universos (no mínimo) dois tipos de vida alheios um ao outro e cujas massas explicam-se mutuamente.
(P. 14) Parti do cotidiano, daquilo que nos condiciona a vida, sem que sequer saibamos: o hábito, a rotina, gestos que se florescem, se completam fora da nossa plena consciência.
(P. 15) Acredito que mais da metade da vida dahumanidade está mergulhada no cotidiano. Inúmeros gestos herdados, confusamente acumulados, infinitamente repetidos para chegarem até nós, ajudam-nos, aprisionam-nos, decidem por nós, ao longo de toda a nossa existência. Tentei dar conta de tudo isso chamando-lhe de vida material.
(P. 16) A vida material para Braudel, é tudo o que a humanidade ao longo da história passada, foi incorporando na suavida profunda e nas próprias entranhas dos homens, para quem tais experiências ou intoxicações antigas se tornaram necessidades do cotidiano, banalidades. E ninguém lhes dedica nenhuma atenção.
II.
Apresentado o fio condutor, aponto também o seu objetivo: é uma exploração.
1º capítulo: “O numero de Homens”. A força biológica por excelência, que leva o homem, tal como todos os outros seresvivos, a reproduzirem-se.
(P. 17) Essa matéria humana que esta em perpétuo movimento comanda, sem que os indivíduos se apercebam, uma boa parte dos destinos dos homens, destinos de conjunto.
O jogo demográfico tende para o equilíbrio, raramente atingindo. Fluxos e refluxos sucessivos revelam as tendenciais, de longa duração que se mantem válidas até o séc. XVIII. Somente no séc. XVIII o número dehomens não parou de aumentar, onde nunca mais se inverteu o movimento.
Até o séc. XVIII, o sistema de vida encontrava-se encerrado num círculo quase intangível. Sempre que a circunferência é atingida, acontece imediatamente um momento de retração, de recuo.
(P. 18) Para estabelecer o equilíbrio existem: As fomes, as carências, as duras condições de vida, as guerras e sobretudo as doenças.
(P.19) Nos capítulos seguintes o autor levanta as seguintes questões: O que é que os homens comem? O que bebem? Como se vestem? Quais são suas condições de vida?
Perguntas inconvenientes que exigem quase uma viagem de descobrimento, pois nos livros de história o homem não come e nem bebe.
Os cereais são muito importantes, já que os vegetais são dominantes na alimentação antiga. O trigo, o arroz, omilho são resultados de opções muito antigas e de inumeráveis e sucessivas experiências.
O trigo, que devora a terra, que exige que esta repouse em tempos regulares, permite a criação de gado.
(P. 20) O arroz que nasce de uma espécie de jardinagem, por cultura intensiva, em que não são necessários animais
  O milho, mais cômodo e mais fácil de obter, proporcionava os tempos livresque originaram ascorvéias camponesas e os monumentos ameríndios. Uma força de trabalho desocupada foi monopolizada pela sociedade.
 Poderíamos falar também a cerca das rações e calorias que cada alimento contém. Além das drogas antigas o álcool e principalmente o tabaco que deu a volta ao mundo.
(P. 21) Outro ponto importante diz respeito as técnicas: o trabalho dos homens e o lentíssimos progressos na luta...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • A dinâmica do capitalismo
  • a dinamica do capitalismo
  • Fichamento a Dinâmica do Capitalismo, Braudel
  • fichamento
  • A DINAMICA DO CAPITALISMO DE FERNAND BRAUDEL
  • O capitalismo. Sua evolução, sua lógica e sua dinâmica.
  • O Capitalismo. Sua Evolução, Sua Lógica E Sua Dinâmica
  • A dinâmica do capitalismo fernand braudel

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!